Abrafati: Inovações contribuem para o avanço sustentável das tintas

Além de contar com portfólio amplo, a distribuidora oferece serviços técnicos, com laboratório equipado para realizar todos os ensaios usados pelo setor de tintas. Também conta com o apoio da parceira Dow, no campo dos biocidas. “Levamos os clientes ao nosso laboratório, solucionamos problemas com eles”, disse.

Química e Derivados, Albuquerque: investimento visa apoiar projetos de clientes
Albuquerque: investimento visa apoiar projetos de clientes

A linha da Brenntag conta com catalisadores peróxidos da Arkema, dispersões de PU base água da Brenncor, solventes de todos os tipos (hidrocarbonetos e sintéticos) da Exxon, Dow e Oxea, contando com bases em Jundiaí-SP, Guarulhos-SP e Esteio-RS.

Como inovação, apresentou o redutor de monômeros livres para polimerização em emulsão Bruggoliter 1651, fabricado pela Brueggmann, da Alemanha. “É um lançamento mundial, ele permite que o resineiro use pH e temperatura mais elevada sem o amarelamento causado pelos monômeros livres, isso dá mais opções para o produtor”, explicou.

A Aromat divulgou a conhecida linha de produtos da sua distribuída Persptorp, fornecedora de itens importantes para tintas, a exemplo do pentaeritritol, neo pentilglicol (NPG), trimetilolpropano (TMP) e formiato de cálcio. “O mundo está passando por uma fase de suprimento apertado, depois do furacão Harvey, nos EUA, e dos fechamentos de fábricas na China que estão afetando a cadeia produtiva”, comentou o diretor Eduardo Albuquerque.

A Aromat também oferece aos clientes produtos das distribuídas Cristal (dióxido de titânio), solventes da Braskem (distribuidor oficial), e ceras da Micro Powders, entre outros. “O mercado de tintas representa quase 60% do nosso faturamento, essa dependência já foi maior no passado, estamos diversificando em outros segmentos, como adesivos, plásticos, petróleo, lubrificantes e cosméticos”, comentou Albuquerque. A distribuidora está investindo R$ 2 milhões na construção de laboratórios de desenvolvimento de aplicações para melhor atender aos clientes, enquanto verifica um cenário melhor para negócios em 2017 do que no ano passado.

Química e Derivados, Marin: biodegradáveis da Total reforçam portfólio de solventes
Marin: biodegradáveis da Total reforçam portfólio de solventes

A Bandeirante Brazmo usou sem bem localizado estande para divulgar a consolidação das mudanças internas, iniciadas em 2015. “Ajustamos mais o nosso foco no setor de tintas, em construção e cosméticos”, ressaltou Carlos Eduardo Marin, diretor superintendente da distribuidora.

Com forte presença nos solventes industriais, a Bandeirante Brazmo oferece portfólio amplo, acompanhado de serviços de envase de tíneres e solventes para terceiros. Conta com parceira com a Solvay/Rhodia para a formulação de sistemas solventes sintéticos de alta qualidade.

“Nem sempre é possível substituir o tolueno”, disse Marin, considerando as características desse aromático. Como explicou, a distribuidora possui controle rígido das vendas de solventes, para evitar problemas de saúde e ambientais.

Na linha dos solventes verdes, a Bandeirante Brazmo passou a distribuir os produtos da Total, complementando o portfólio de oxigenados. “São solventes biodegradáveis produzidos em uma nova e grande fábrica da Total, instalada nos Estados Unidos no ano passado”, afirmou.

Química e Derivados, Ana Amélia: linha cresceu com silicones, epóxis e biocidas
Ana Amélia: linha cresceu com silicones, epóxis e biocidas

Marin comentou que o segundo semestre de 2017 está apontando recuperação de negócios, porém os preços estão subindo em âmbito internacional.

A tradicional MCassab reformulou sua equipe comercial e pretende acirrar a disputa no fornecimento de especialidades químicas para o setor de tintas. “A feira nos permite apresentar nossa estrutura de atendimento e os produtos incorporados recentemente ao portfólio”, afirmou Ana Amélia Peduto Horta, coordenadora de desenvolvimento de produtos da divisão de química industrial da MCassab.

Os novos insumos oferecidos incluem os aditivos de formulação, fluidos e resinas para alta temperatura fabricados pela Elkem (a antiga National BlueStar, que no passado comprou a área de silicones da Rhône-Poulenc). Passou a contar também com as resinas epóxi da Olin (comprou onegócio da Dow), isocianatos alifáticos da Vencourex e a representação dos biocidas da Thor. “É preciso estudar a formulação dos biocidas para cada caso, mas é um produto que ajuda a vender outros itens”, comentou Ana Amélia.

Página anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12Próxima página

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios