Vídeos

Tabela Periódica: Cientistas e Suas Contribuições

Quimica e Derivados
31 de julho de 2014
    -(reset)+

    Excelente vídeo legendado, clique no botão de legenda do Youtube. Inclui os cientistas e suas contribuições para a Química.
    Parte I – Vale a Pena Assistir.



    Recomendamos também:









    1. TÍTULO: A Importância da Tabela Periódica para a História da Química

      AUTORES: SILVA, M. D. B (UEPA) ; MACHADO, R. D. S. (SEDUC) ; COSTA, D. G. (UEPA)

      RESUMO: O trabalho teve como objetivo contribuir para o desenvolvimento do Ensino de Química no Ensino Médio, em turmas de 1ª série, tendo como preocupação descobrir as principais razões que dificultam a aprendizagem do aluno, quando é abordada a Tabela Periódica. O instrumento para realização da pesquisa foi um questionário aplicado para professores e alunos. Os resultados obtidos apontam uma insatisfação por parte dos alunos levando-se em consideração que o professor não se preocupa com a História da Química com relevância para o ensino da Tabela Periódica, que deve ser trabalhado levando-se em consideração o contexto de sua evolução até os dias atuais. Neste sentido, verificamos que a História da Química contextualizada com a Tabela Periódica, facilitará a aprendizagem dos alunos.

      PALAVRAS CHAVES: ensino de química. tabela periódica. história da química

      INTRODUÇÃO: A proposta apresentada para a melhoria do Ensino de Química é o uso da História da Ciência como um eixo norteador para a criação de estratégias para o desenvolvimento do ensino. De acordo com Carvalho e Gil – Peres (2001), “o domínio do conteúdo que será ensinado não deve se restringir apenas aos conceitos científicos, mas também à História da Ciência, assim como sua interação entre Ciência, Tecnologia e Sociedade”. A Tabela Periódica foco principal deste trabalho, vem sendo repassada de forma errônea, pois há um desencontro entre os agentes do processo ensino aprendizagem, provocado pela carente contextualização curricular voltada para a questão histórica dos conteúdos. Quanto ao Ensino de Química, estudos destacam alguns problemas na aprendizagem. O primeiro é a metodologia centrada na memorização excessiva, como se a Química fosse somente um conjunto de fórmulas e conceitos, e o segundo seria os conteúdos extensos, distante da realidade dos alunos trabalhado apenas para a aprovação no vestibular, sem considerar a evolução dos fatos históricos da Ciência.

      MATERIAL E MÉTODOS: O trabalho foi desenvolvido através de uma pesquisa bibliográfica e de campo com o objetivo de analisar como ocorre o processo ensino aprendizagem da disciplina Química quando abordado o tema Tabela Periódica nas turmas de 1ª série do Ensino Médio. A coleta de dados foi realizada através de questionários respondidos por alunos e professores, com perguntas de caráter especifico sobre a disciplina. A escolha das turmas de 1ª série se deu em virtude de ser a série que se aplica tal assunto, sendo praticamente a primeira vez em que os alunos têm contato com conceitos Químicos. Durante a pesquisa, foram analisadas também as metodologias utilizadas pelos professores pesquisados, para que pudéssemos verificar se os mesmos tratam o tema Tabela Periódica relacionando-a com a História da Ciência.

      RESULTADOS E DISCUSSÃO: A pesquisa foi realizada com as turmas A, B e C de 1ª série de Ensino Médio da Escola Augusto Montenegro, e de acordo as respostas dos alunos no que se refere a importância do tema Tabela Periódica contextualizado com a História da Química, 100% na turma A, responderam que é um tema fundamental quando trabalhada em consonância com a evolução da História, o que favorece o aprendizado e o entendimento dos alunos. Já nas turmas B e C, o que observamos foi que 96% e 97% dos alunos pesquisados foram categóricos quando disseram que a Tabela Periódica é relevante no momento em que os professores trabalham a sua importância juntamente com a parte histórica da mesma. Neste sentido, as três turmas pesquisadas afirmaram que o aprendizado do tema Tabela Periódica se torna de fato proveitoso, pois consideram a relação entre o tema abordado e a História da Ciência de decisiva importância para o Ensino de Química. No que se refere aos três professores pesquisados, quando indagamos sobre a importância de trabalhar a História da Ciência juntamente com o tema Tabela Periódica, apenas um professor respondeu que consegue desenvolver a evolução da Tabela Periódica juntamente com a história. Os outros dois professores disseram que não levam em consideração a evolução histórica da Ciência, pois abordam apenas o essencial atribuído ao tema, sendo o mesmo completamente direcionado ao vestibular.

      CONCLUSÕES: No Ensino de Química, o fracasso escolar é evidente, o que se torna um obstáculo para o processo ensino aprendizagem, além de que, os conteúdos da disciplina têm sido explorados de uma forma preferencialmente disciplinar de organização. Assim, o aprendizado da disciplina desenvolve-se fragmentado e descontextualizado, com o professor transmitindo o conteúdo elaborado a partir de um planejamento para aprovação dos alunos no vestibular. A pesquisa aplicada aos alunos acerca do Ensino de Química mostrou que as aulas expositivas foram desenvolvidas com excesso de conteúdos sem vínculo com a sua realidade.

      AGRADECIMENTOS:

      REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICA: GIL- PÉRES, D. e CARVALHO, A. M. P. Formação de Professores de Ciências: tendências e inovações. São Paulo: Cortez, 1993. ( Questões de nossa época, 26).



    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *