Notícias

Refino: Ampliação dá competitividade à REFAP

Fernando C. de Castro
11 de abril de 2002
    -(reset)+

    De acordo com Henz, outra preocupação da empresa é o controle ambiental, que segundo ele caminha junto com a política de expansão industrial. Diferente de outras unidades da Petrobrás, que mancharam de óleo a reputação da companhia, a refinaria gaúcha nunca registrou um acidente grave, capaz de causar danos ao meio ambiente. “Aqui tudo funciona harmonicamente como uma orquestra. Sem falar na melhoria da qualidade dos combustíveis. Não é à toa que Porto Alegre é a capital com melhores índices de emissão de poluentes do Brasil. Isso se deve ao fato de que o combustível da Refap é o menos poluente”, finaliza Henz. No ano passado, a Refap obteve o conjunto de certificações ISO 14000 para gestão de controle ambiental. Atualmente, a lagoa de controle de efluentes da bela área de 580 hectares da refinaria, também passa por reforma. No final do ano, receberá um conjunto de biodiscos, que cultivam bactérias viciadas em amônia.

    As diversas etapas do refino

    Nas refinarias, o petróleo é submetido a diversos processos, pelos quais se obtém grande diversidade de derivados: GLP – Gás Liquefeito de Petróleo (conhecido como “gás de cozinha”), nafta petroquímica, gasolina, solventes, óleo diesel, querosene de aviação, óleo combustível e asfalto.

    A primeira etapa do processo de refino é a Destilação Atmosférica, onde chega o petróleo cru a ser beneficiado. As frações mais pesadas de petróleo, que não foram separadas na primeira destilação, vão para uma unidade de Destilação a Vácuo. E, ainda , numa terceira etapa, existe o Craqueamento Catalítico, processo mais severo, que provoca a quebra das moléculas mais pesadas, que não se separaram nos demais processos, transformando-as em moléculas mais leves (GLP e gasolina).



    Recomendamos também:








    0 Comentários


    Seja o primeiro a comentar!


    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *