Tintas e Revestimentos

Pigmentos de efeito apontam retomada de negócios

Hamilton Almeida
16 de outubro de 2020
    -(reset)+

    Novidades – Labecca informa que a Aldoro não tem exatamente novidades tecnológicas. Mas, nos últimos anos, vem atuando no propósito de ampliar o leque de opções nas várias linhas, principalmente na Stanlux Silver, que agrupa os alumínios non-leafing de alto desempenho e na qual foram lançados vários produtos nos últimos anos. Esta linha tem uso concentrado nas tintas automotivas, de repintura automotiva e de autopeças, mas pode ser usada nas indústrias de alto efeito metálico e tintas decorativas, entre outras.

    Tatiane, da Braschemical, cita como novidades as microesferas refletivas, que podem ser utilizadas em tintas, em artesanatos como colagem, em calçados e também para demarcação rodoviária. Há novidades também na linha de glitter, efeito camaleão e formatos diferenciados, assim como biodegradáveis.

    Para os que procuram um efeito alumínio, há duas novidades: o perolado Alucopearl é uma mica com revestimento apenas de dióxido de titânio, em vários tamanhos de partículas, em conformidade ao FDA e ao EN71-3. Garante efeito metálico e opacidade, além de ser economicamente mais viável e seguro em relação à saúde e ao meio ambiente. O Laser Mirror proporciona o efeito arco-íris, de acordo com a reflexão da luz. É um metálico pré-disperso em butilglicol, com partícula de 20 µm; há disponibilidade de outros tamanhos. Ambos podem ser utilizados na indústria de tintas e plásticos.

    O destaque para cosméticos está no fluorescente Elara, em várias cores, com tecnologia diferenciada, além do EL-00 com efeito iluminador. Essa linha possui todas as certificações, ausência de metais pesados e formaldeído, além de aprovações para os mercados americano, europeu e japonês, como relata a coordenadora.

    Agnes, da IMCD, chama a atenção para os lançamentos da linha Lumina Royal da Basf Colors & Effects, em que há “uma mistura de alta tecnologia e desempenho de produto para a indústria automotiva, principalmente com cores cromáticas e de profundidade, a exemplo de Lumina Royal Amber e Lumina Royal Russet”.

    Com lançamentos todos os anos, a Merck se autointitula pioneira na fabricação e desenvolvimento de pigmentos especiais e de efeito. “As linhas Iriodin, Xirallic, Colorstream, Pyrisma, Miraval e Meoxal evoluíram bastante com o tempo”, assevera Lima. “Este ano, lançamos o Xirallic NXT Leonis Gold, que foi muito bem aceito no ramo automotivo, e a empresa desenvolveu uma versão própria para utilização em plásticos, fornecendo uma opção única de dourado com alto brilho e efeito cristalino”.

    A Colormix também apresenta novidades em termos de produtos e tecnologias. Silva apregoa que esse ano começou a oferta e a prospecção das seguintes linhas: pigmentos termocrômicos, indicados para tintas de impressão e plásticos, com tamanho de partícula entre 0,20 a 0,50 micrômetros; fotoluminescentes – absorvem a luz visível por cerca de 5 a 20 minutos, sendo indicados para tintas de impressão, tintas, plásticos, cerâmica, vidro e fibra. Nesse caso, o tamanho de partícula fica entre 10 a 20 micrômetros; há também perolescentes com efeito camaleão e glitter para uso em cosméticos, plásticos, tintas de impressão, brinquedos etc.

    Por parte da Eckart, continua o técnico, “tivemos importantes lançamentos, que continuamos incrementando, como a série Silvershine 400, pigmentos silver dollar de efeito metálico intenso e alta performance. Outra inovação recém lançada é o Edelstein Sunstone Champagne. Por sua vez, o Metalure Quantum, nova série de pigmentos PVD, de efeito cromado, com um brilho muito mais intenso do que os similares, e o seu complemento encapsulado Hydroshine WS-4140 e WS-6001, são recomendados para aplicações que exigem maior resistência química. No campo de tintas em pó, a linha Symic PCE traz uma cartela de cores à base de mica sintética com perfeito alastramento para este tipo de aplicação”.

    Lilian ressalta que a linha Moonshine é obtida através de uma tecnologia única, que atribui um efeito brilhante, cintilante e com aspecto metalizado: “A inglesa Glassflake está capacitada a produzir continuadamente flocos de vidro mais finos, de até 100 nm, com controlada planaridade e morfologia do tamanho de partículas, o que confere benefícios e efeitos visuais exclusivos. É possível obter cores intensas mesmo na espessura submicrométrica. São inertes, estáveis ao calor e não tóxicos e também são compatíveis com diversos polímeros”.

    A True Color está operando com pigmentos de alumínio Alustar 10600 UTM e 10400 UTM, utilizados em tintas automotivas e industriais; a linha MultiFlect, que reflete todas as cores do arco-íris e se aplica em tintas industriais, automotivas, de impressão e plásticos; Zenexo GoldenShine 21 YY, de alumínio colorido; Grandal 9400/80, de alumínio em grânulos com alto poder de dispersão; FotoTrue (fotocrômico), que altera a cor na presença de raios ultravioleta; fotoluminescente; e o invisível TC, que revela a cor na presença de luz infra-vermelho ou UV.



    Recomendamos também:








    0 Comentários


    Seja o primeiro a comentar!


    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *