Petroquímica

Petroquímica – Terceiro trimestre registra retomada das vendas de resinas

Quimica e Derivados
1 de fevereiro de 2017
    -(reset)+

    Na crista do ciclo – Os resultados obtidos pela companhia refletem um período de bonança no setor petroquímico mundial. Historicamente, esse setor apresenta reversões cíclicas a períodos entre sete e dez anos. As pitonisas do ramo apontam para o início de uma onda depressiva para depois de 2018, mas esse vaticínio é contestado por outros analistas.

    “O fim do ciclo de alta seria provocado pelo excesso de capacidade de produção derivada do craqueamento do shale gas brato nos Estados Unidos, em volume suficiente para inundar o mercado”, explicou Musa. “Porém, estamos vendo um fenômeno novo: vários projetos que estavam previstos para os Estados Unidos estão sendo adiados ou cancelados, enquanto a demanda global continua a crescer, suportando perspectivas favoráveis.” Ele acredita que a capacidade mundial de produção de petroquímicos seguirá crescendo, mas em ritmo adequado à evolução do consumo.

    Ainda que demore para chegar, a fase de retração deverá chegar algum dia. Para enfrentá-la, desde agora a Braskem adotou medidas estratégicas. A companhia está construindo suas plantas em regiões que apresentem melhor competitividade, ou seja, disponibilidade garantida de matérias-primas e baixo custo. Em paralelo, está se instalando em países que demandem mais resinas termoplásticas, ampliando sua diversidade geográfica. Ela já está presente na América do Sul, México, Europa e Estados Unidos. “Em Camaçari, por exemplo, estamos investindo para ter fornos mais flexíveis, capazes de rodar com etano, além da nafta, aumentando nossa competitividade”, comentou.

    A companhia também reforça suas práticas de gestão, pelas quais conseguiu reduzir R$ 104 milhões em seus custos apenas neste trimestre. Durante o ano todo, essas economias podem chegar a R$ 350 milhões.

    Química e Derivados, Teixeira de Freitas recomenda manter endividamento baixo

    Teixeira de Freitas recomenda manter endividamento baixo

    Pedro Teixeira de Freitas, diretor de finanças, relações com investidores e tecnologia da informação, aponta diferenças entre o comportamento dos preços das correntes de derivados de eteno (C2) e de propeno (C3). “Não há nenhuma previsão de baixa para os derivados C3, como polipropileno e acrílico”, comentou. Ele também apontou que a Braskem está promovendo investimentos sem que isso altere sua alavancagem, hoje avaliada em 1,6 (dívida líquida/Ebitda). “Nosso limite é de 2,5, ainda estamos longe disso”, ponderou. Freitas considera importante que a companhia mantenha sob controle rígido o seu endividamento, de modo a entrar numa futura fase de baixa com pouca alavancagem, reduzindo o peso do custo financeiro sobre o seu desempenho.

    A possibilidade de venda de ativos, entre eles a distribuidora quantiQ e a Cetrel, não foi confirmada por Musa. “Estamos sempre avaliando a compra e venda de negócios, mas não há nada definido por enquanto”, salientou.

    A quantiQ aumentou seu volume de vendas no trimestre em 13% sobre o trimestre anterior, e 33% acima do terceiro trimestre de 2015. Esse crescimento físico se apoiou na maior movimentação de commodities como soda cáustica e metanol. A receita líquida, no entanto, ficou em R$ 217 milhões no terceiro trimestre desde ano, 6% inferior à do mesmo trimestre do ano anterior, desempenho explicado pela apreciação do real. Cotada em dólares, a receita líquida do período ficou em US$ 67 milhões, 4% acima da obtida no mesmo trimestre de 2015. De janeiro a setembro, a receita líquida somou R$ 641 milhões ou US$ 181 milhões, estável em reais e 10% inferior em dólares em relação ao obtido nos mesmos nove meses de 2015. O Ebitda da distribuidora foi de R$ 8 milhões no trimestre, R$ 14 milhões abaixo do mesmo período de 2015, com margem Ebitda de 4% – seis pontos percentuais abaixo da referência. O resultado da quantiQ representa 1% do consolidado da Braskem.



    Recomendamos também:








    0 Comentários


    Seja o primeiro a comentar!


    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *