Notícias

Investimentos: Argentinos querem fazer soda e cloro no RS

Fernando C. de Castro
25 de abril de 2003
    -(reset)+

    No RS, as exportações em janeiro passado cresceram 21% na comparação com as de janeiro de 2002. “Mas as exportações do Estado só para a Argentina aumentaram 127% em janeiro deste ano, na relação com o mês de janeiro do ano passado”, explicou o governador. “Por esta razão falamos com o presidente Eduardo Duhalde sobre como é fundamental a desobstrução de todos os canais burocráticos entre os dois países”, disse ele.

    Na busca do fortalecimento destas relações, Rigotto lembrou que, no encontro com o Grupo Brasil (300 empresários brasileiros com empresas na Argentina), propôs a criação de um Banco de Fomento do Mercosul, para fazer captações financeiras no mercado internacional com custos mais baixos e repassar financiamentos à cadeia produtiva dos quatro países do bloco.



    Recomendamos também:








    0 Comentários


    Seja o primeiro a comentar!


    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *