Alimentos e Bebidas

Indústria investe nos produtos com rótulo limpo e funcionais – Alimentos

Antonio C. Santomauro
3 de março de 2019
    -(reset)+

    Química e Derivados, Indústria cresce acima do PIB e investe nos produtos com rótulo limpo e funcionais - Alimentos

    Marta: 14% da população tem hábito vegetariano ou vegano

    Léia, da Gelita, lembra que o instituto Euromonitor projeta para este ano crescimento de aproximadamente 5% nos negócios de categorias nas quais a empresa tem maior presença, como sobremesas, confeitos e lácteos. “O mercado de alimentos funcionais deverá permanecer bastante atrativo, com crescimento acima de dois dígitos, impulsionado pelos suplementos para beleza, melhoria da mobilidade e gomas fortificadas”, detalha.

    Marta, da Metachem, não revela as projeções, mas visualiza 2019 como um “ano positivo” para a indústria alimentícia brasileira. “A retomada do poder aquisitivo da população, ainda que lenta, novas opções de produtos, e a contínua tendência de praticidade nos hábitos alimentares são pilares do crescimento no período”, pondera.

    Na Química Anastácio ficam ente 25% e 30% as perspectivas de crescimento no mercado dos ingredientes e aditivos para alimentos e bebidas neste ano, com lastro nos diversos itens fornecidos pela empresa: acidulantes, aminoácidos, antioxidantes, aromatizantes, carboidratos, conservantes, corantes, edulcorantes, emulsificantes, energéticos, espessantes, fontes de fibras, proteínas, entre outros. “Nossos clientes, que antes nos procuravam apenas para projetos de redução de custo, passaram a nos buscar para gerar inovações e novas soluções”, relata Rogério Andrada, gestor de nutrição humana e animal.

    Segundo ele, em 2018 a Química Anastácio obteve expressivo crescimento nesse mercado: 23%, comparativamente a 2017 (incluindo também nutrição esportiva e animal). “Sabemos da demanda por produtos naturais e saudáveis, e estamos nos movimentando para abastecer esse mercado”, finaliza Andrada.



    Recomendamos também:








    0 Comentários


    Seja o primeiro a comentar!


    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *