Tintas e Revestimentos

Ice 2004 – International Coatings Expo

Maria Silvia Martins de Souza
5 de dezembro de 2004
    -(reset)+

    Química e Derivados: Ice: ice4. ©QDAs resinas Silres lançadas pela Wacker são usadas em tintas industriais, especialmente revestimentos submetidos a grandes flutuações térmicas. São muito efetivas quando usadas como ligantes em tintas resistentes ao calor, conferindo também resistência ao ataque químico, à luz UV e repelência à água.

    Química e Derivados: Ice: Imamura - pionerismo  no silício japonês e derivados. ©QD Foto - Maria Sílva Martins de Souza

    Imamura – pionerismo no silício japonês e derivados.

    Sua concorrente Dow Corning, entre outros lançamentos, promoveu o antiespumante Dow Corning 71, um polímero de silicone. Lisa Honaman, engenheira de aplicações, esclareceu ser esse aditivo indicado para tintas mobiliárias e gráficas base água, permitindo controle efetivo da formação de espuma com baixa tendência de causar defeitos de superfície. O produto não contém partículas hidrofóbicas e é adequado para aplicações onde são necessárias alta estabilidade ao cisalhamento e facilidade de incorporação.

    Também ligada ao grupo dos derivados de silício, a japonesa Chisso buscou ampliar a penetração de seus produtos no mercado americano. Pertencente a um grande conglomerado com atuação em vários segmentos industriais, divulgou óleos de silicone reativos e agentes ligantes à base de silanos, isto é, produtos que favorecem a agregação de materiais inorgânicos aos solventes orgânicos usados em tintas e adesivos.

    Informou Masao Imamura, gerente do escritório americano localizado em Nova York, que sua empresa foi a primeira no Japão a desenvolver o processo de produção de silício de alta pureza e seus derivados, como o tricloreto e tetracloreto de silício, empregados na produção de fibras ópticas. Desde então a empresa dedica-se à pesquisa e produção de silico-derivados.

    “Além de melhorar a ancoragem do revestimento, a linha Sila-Ace de agentes ligantes aumenta a força mecânica e melhora as características elétricas, quando isso for desejável, como nos circuitos impressos”, disse Imamura. Mostram excelente desempenho quando aplicados como primers, melhorando a adesão de tintas, adesivos e selantes aos substratos aos quais são aplicados, tais como metais, vidro, concreto e outros. “Melhoria na resistência à água e ao calor também são conseguidas”, complementou.

    A linha Silaplane compõe-se de silicones reativos, isto é, compostos de silicone modificados, tendo nas moléculas, grupos funcionais terminais reativos. Esses produtos são usados para modificar resinas, por exemplo, quando se quer conferir a elas as características típicas dos silicones, tais como, resistência à abrasão, lubricidade, repelência à água, resistência ao calor e remoção facilitada de moldes.

    “Temos produtos com um grupo terminal reativo ou com dois”, disse Imamura. Os chamados biterminais são adequados para introduzir componentes de silicone nas cadeias principais dos polímeros, e os monoterminais, para introduzi-los como ramificações da cadeia polimérica principal. As figuras 3 e 4 esquematizam os produtos e os polímeros deles derivados.

    “Estamos na ICE pela 4ª vez e nossos produtos têm sido bem aceitos”, disse Imamura. “A Chisso não tem até o momento representantes no Brasil”, complementou.

    Química e Derivados: Ice: ice5. ©QDA Grace Davison, líder global na produção de sílica e derivados, como sílica gel e precipitada, sílica coloidal, sílicas usadas em colunas cromatográficas, e outras, divulgou na feira um novo agente fosqueante da linha Syloid. A marca Syloid foi introduzida no mercado em 1949 como o primeiro agente fosqueante sintético fabricado no mundo. Desde lá, foram desenvolvidos vários tratamentos aplicados na superfície da sílica, aliados à tecnologia em moagem, que permitiram a introdução de novos produtos à linha, que hoje contém grande variedade de produtos para atender às mais variadas aplicações.

    Química e Derivados: Ice: 7gif. ©QDA gerente global de marketing para tintas Susanne Kühne relembrou como o efeito fosqueante é obtido. Quando a película de tinta cura, as partículas do fosqueante criam uma superfície com microirregularidades. A luz incidente é refletida de forma difusa por essa superfície, dando a impressão de baixo brilho ou de opacidade. A figura 5 ilustra esse fenômeno. Três fatores importantes determinam a eficiência do fosqueante: a porosidade, o tamanho das partículas e o tratamento aplicado à sua superfície.

    Alguns produtos da linha Syloid têm suas superfícies tratadas com produtos orgânicos e inorgânicos para prevenir decantação e formação de sedimentos duros, especialmente em revestimentos claros de baixa viscosidade, como os vernizes. Além disso, esses tratamentos contribuem para melhorar outras propriedades do filme, como resistência ao risco. Na feira, três novos membros da linha estavam sendo lançados: o Syloid RAD para tintas curadas com radiação; o C1007, uma sílica tratada com cera; e o C803, para filmes finos.

    “Os produtos estarão em breve disponíveis na filial brasileira, localizada em São Paulo”, disse Susanne, informação confirmada pelo gerente de marketing para a América Latina Carlos Alberto C. Leibel, também presente ao estande.

    Susanne informou que o Syloid C1007 é uma sílica tratada com cera, que resulta num fosqueante de alta performance, com capacidade de suspensão superior, prevenindo a formação de depósitos, mesmo por longos períodos de estocagem. É especialmente indicado para o uso em vernizes para madeira. Não provoca amarelecimento e é facilmente dispersável no processo de produção do verniz.

    A concorrente Ineos Sílicas lançou o Zeocros E110, um extensor para dióxido de titânio (TiO2), para uso em tintas em pó. Trata-se de um novo silicato de alumínio sintético, que retém a cor e a opacicidade, não alterando a estabilidade aos raios UV, e nem as qualidades mecânicas e estéticas da tinta.



    Recomendamos também:








    0 Comentários


    Seja o primeiro a comentar!


    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *