HBA: Feira quase dobra de área e acolhe 16 mil pessoas

Embalagens sofisticadas – Integrante da Cebal Américas, cujo faturamento em 2002 foi de 230 milhões de euros, a Cebal Brasil lançou a Cebalcap com hot stamping na tampa. Disponível em tons dourados ou prateados nos diâmetros de 35, 40 e 50 mm, trata-se de opção de pós-decoração, traduzindo-se em requinte e sofisticação ao produto final. Nova tendência para aplicações cosméticas, o tubo laminado também foi destaque no estande.

Química e Derivados: HBA: Tubos ovais - maior área frontal.
Tubos ovais – maior área frontal.

Disponível em quatro diâmetros diferentes, possui diversas opções de tampa. A empresa também expôs o aplicador universal. Esse lançamento da Cebal Brasil possui um bico em ângulo que facilita o uso e proporciona uma aplicação uniforme do produto. Este foi recentemente apresentado pela Avon no Juicy Fruit Gloss Labial.

Além dessas novidades, a empresa montou um espaço para mostrar alguns desenvolvimentos da Cebal Americas. Um caso ficou por conta dos tubos em formatos diferenciados, como os ovais.

Para o gerente de marketing Valdivo J. Begalli Jr, uma das principais vantagens refere-se à área frontal, cerca de 30% maior do que a dos tubos cilíndricos. Outra possível tendência no mercado nacional, o Dual Tube, também é aposta da marca. Trata-se de um tubo dentro de outro, voltado sobretudo para a linha de cuidados da pele. “Estamos testando a reação do público”, explicou Begalli.

Empresa do grupo MeadWestvaco, a Rigesa trouxe para o mercado brasileiro tecnologia de ponta de sua matriz norte-americana. Líder em vários segmentos de embalagens de papel cartão e papelão ondulado, a empresa inovou sua carteira de produtos com embalagens em plástico semi-rígido. Um dos diferenciais dessa tecnologia é permitir o uso da impressão off-set com tinta UV, tanto na parte interna quanto na externa. “A impressão interna destaca ainda mais o brilho, protege a tinta de riscos e possibilita várias opções de acabamento, como hot-stamping e aplicação de verniz”, explicou o analista de marketing da Rigesa Caio Azeredo.

O sistema de corte e vinco também é destaque, pois evita o efeito “memória”, ou seja, aquele por meio do qual o substrato tende a voltar ao seu formato original, antes do vinco. Outro incremento fica por conta da colagem. A cola incolor, de acordo com Azeredo, assegura alta aderência e resistência às variações de temperatura e umidade. Para ele, essa inovação vai ao encontro das necessidades do mercado de cosmética, porque a embalagem permite imediata visualização do produto, resistência e forte apelo visual no ponto de venda, sobretudo devido ao grafismo sofisticado e ao acabamento. “O produto agrega estilo ao produto”, concluiu.

Pioneira na fabricação de bombas spray pelo sistema de pré-compressão, a Saint-Gobain Calmar expôs com ineditismo uma nova geração de dispensadores, a Ária. Com design ergométrico, a novidade se diferencia por evitar a contaminação do produto, porque não há o contato do fluído com a parte metálica. Outro destaque no estande ficou por conta dos gatilhos, conhecidos como triggers. Voltado para a área cosmética, sobretudo para a linha solar, o gatilho, de acordo com a vendedora Anete Gandelman, é sucesso nos Estados Unidos e Europa. Ela comentou que a empresa aposta na tendência de maior consumo dos filtros solares no País e por isso, espera aumento de vendas dos gatilhos em pouco tempo.

Fabricada pela empresa argentina Sampling e representada pela nacional STM, a tecnologia Unidosis também se diferenciou entre as novidades em embalagens. O diretor da empresa Guillermo Baglioni veio ao Brasil para apresentar essas embalagens promocionais, tipo stand pouch, com base. Essas peças termoformadas possuem como vantagem a possibilidade de ficarem estacionadas em qualquer superfície plana. São pouchs em material flexível, bilaminado ou trilaminado com capacidade de até 70 ml. “O Unidosis pode exibir o produto e ainda permite fracionar seu uso”, explicou Baglioni. Especializada no desenvolvimento de peças promocionais, a Sampling, conforme anunciou seu diretor, deve se instalar no Brasil em 2004. “Estamos nos programando para em um ano ter fábrica no País”, antecipou.

Química e Derivados: HBA: Equipamento pneumático sela filmes termoencolhíveis.
Equipamento pneumático sela filmes termoencolhíveis.

Parceira da Sampling no Brasil, a STM apresentou a máquina seladora pneumática Epet SAP – equipamento projetado para selagem de filme termoencolhível, envolvendo produtos isolados ou agrupados, a partir de uma bobina de filme dobrada. O equipamento possui um sistema de CLP que controla a seqüência das operações de selagens, elevando assim sua produtividade.

O produto selado é transportado automaticamente por uma esteira de descarga até o túnel de encolhimento. Na opinião do sócio-proprietário da STM Ricardo Chorovicz, a empresa está pela primeira vez na HBA e pretende repetir a experiência no próximo ano, por conta do público seleto que caracteriza a feira.

A HBA é o único evento exclusivo de tecnologia para a indústria cosmética na América Latina. Desenvolvida no País, a partir da HBA Global Expo, evento realizado nos Estados Unidos, a versão brasileira visa atender às expectativas desde o chão de fábrica até a diretoria de indústrias, tanto de pequeno quanto de grande porte.

Página anterior 1 2 3 4 5 6Próxima página
Mostrar mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios