Alimentos e Bebidas

Gomas alimentícias – Alto desempenho e rótulos limpos

Renata Pachione
23 de junho de 2020
    -(reset)+

    Mais novidades – A Nexira tem como principal produto o Fibregum. Trata-se de uma goma acácia padronizada em fibras solúveis, que oferece garantia de 90% de fibra solúvel em base seca atestada pelo método enzimático-gravimétrico AOAC 985.29. Segundo Suzan, o ingrediente pode ser incorporado a qualquer produto alimentício, pela sua excelente estabilidade às condições do processo e à baixa viscosidade, fornecendo propriedades tecnológicas e nutricionais aos produtos aplicados.

    Química e Derivados - Zoia: misturas e soluções sob medida para cada aplicação

    Zoia: misturas e soluções sob medida para cada aplicação

    A Vogler segue a mesma trilha e investe no desenvolvimento de misturas e soluções tailor-made para as indústrias de alimentos. Daniel Zoia, gerente-comercial de Segmento da Vogler apresenta os produtos da Divisão Systems. A Innostab é um deles. São soluções de hidrocoloides indicadas para estabilizar, conferir corpo e promover mouthfeel (palatabilidade e preenchimento), além de suspender sólidos, evitar a sedimentação de partículas e estabilizar as emulsões. O Innogum também figura entre as inovações da companhia. Segundo Zoia, trata-se de um sistema de hidrocoloides que confere o aumento da viscosidade, a melhoria de textura e a estabilidade, auxiliando também na elasticidade ou firmeza de géis.

    A linha Innovegan, por sua vez, foi especialmente desenhada para o mercado plant-based por meio de fibras e hidrocoloides. A proposta é conferir textura em produtos deste segmento, como proteínas vegetais e substitutos de ovos. “Desde 2008, a Vogler investe em tecnologia de ponta para oferecer aplicações personalizadas, garantindo a sinergia ideal para combinações com alta qualidade e excelente desempenho”, afirma Zoia.

    A CP Kelco, maior produtora mundial de pectina, também aposta no aumento da demanda de produtos derivados das plantas. A companhia traz como novidade a goma gelana Kelcogel DF. O ingrediente possui dupla funcionalidade: proporciona suspensão de partículas durante todo o shelf life e excelente mouthfeel, segundo Mariana Milliatti, manager principal – Food & Nutrition da IMCD, distribuidora da CP Kelco no Brasil, nos Estados Unidos e em alguns países da Ásia.

    Química e Derivados - Mariana: biotecnologia evita flutuações sazonais de oferta

    Mariana: biotecnologia evita flutuações sazonais de oferta

    “A Kelcogel, goma gelana, é um ingrediente que está em alta demanda devido à nova busca por produtos plant-based, especialmente aqueles substitutos do leite”, explica. A gelana ajuda a suspender o cálcio adicionado, as proteínas vegetais e outros ingredientes insolúveis, com um impacto mínimo em viscosidade e mouthfeel. Além disso, ela é hidratada na temperatura de processamento e abole etapas adicionais na produção.

    A fim de atender às categorias de geleias e preparados de frutas, a empresa desenvolveu a linha Genu Explorer. De acordo com Mariana, os produtos trazem inovação em texturas para esta aplicação tão tradicional, permitindo o uso de embalagens mais modernas como as de formato squeeze.

    As pectinas Genu Pectin também são destaques da fabricante. Indicado para aplicação em iogurte, o aditivo permite que o produto possa ser transportado e até consumido sem refrigeração, mantendo a textura, e a estabilidade, por exemplo. Para o segmento de confeitos e balas, a companhia apresenta algumas pectinas especiais. “Além de proporcionar diferentes texturas, as gominhas de pectina estão alinhadas à forte tendência de produtos plant-based”, ressalta Mariana. Ela frisa também que a IMCD oferece todo o suporte técnico para quem está em busca deste desenvolvimento. “Nossa equipe de especialistas supre todas as necessidades de nossos clientes com as melhores soluções sob medida”, afirma. A distribuidora possui três armazéns e dois escritórios comerciais no país.

    As instalações da CP Kelco estão posicionadas estrategicamente em todo o mundo próximas às fontes de matérias-primas. Além disso, a companhia produz alguns de seus ingredientes, como as gomas gelana e xantana, por fermentação. “Depois de descobrir na natureza as bactérias que são utilizadas para produzir essas gomas, a CP Kelco as reproduz em suas instalações, mitigando assim o risco da falta de disponibilidade de matéria-prima”, afirma Mariana.

    Sediada em Atlanta, nos Estados Unidos, a empresa possui sete fábricas, 19 escritórios de vendas, nove laboratórios regionais de aplicação de última geração e outras 11 instalações de atendimento ao cliente. Com produção de pectina no Brasil, a companhia possui duas fábricas, uma em Matão-SP e outra em Limeira-SP, que suprem a demanda nacional de pectina de alta metoxilação.

    Química e Derivados - Indústria de alimentos conta com amplo leque de produtos

    Indústria de alimentos conta com amplo leque de produtos



    Recomendamos também:








    Um Comentário


    1. Aldemir Martins

      Parabéns pela materia, gostaria de receber mais conteudos, em especial sobre polimeros nateriais e a inovação em manter o microbioma natural humano.



    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *