Alimentos e Bebidas

FISA 2018 – Ingredientes somam benefícios sem estourar os orçamentos

Maroni J. Silva
26 de setembro de 2018
    -(reset)+

    Expositores fazem balanço positivo da feira – Mesmo sem colher frutos imediatos, muitos expositores da Food ingredients South America (FiSA) retornaram a suas empresas com mais gosto para inovar. A aproximação com potenciais clientes e parceiros reforçou as expectativas positivas sobre o crescimento do setor de alimentos industrializados. Alguns executivos se surpreenderam com o assédio de visitantes em seus estandes já no primeiro dia do evento, que reuniu cerca de 11 mil pessoas, segundo balanço dos organizadores. Outros avaliaram que seria necessária muita mobilidade para contatar tanta gente.

    Lilia: açúcar líquido mantém propriedades nutritivas

    Lilia: açúcar líquido mantém propriedades nutritivas

    A feira reuniu 87 expositores de ingredientes naturais e 52 de orgânicos, além de 56 voltados para alimentos funcionais. No total, mais de 750 marcas apresentaram os recentes lançamentos em alimentos, ingredientes, bebidas, suplementos e aditivos alimentares. Paralelamente, 500 congressistas participaram dos debates sobre o futuro do setor no Brasil, América Latina e no mundo Em geral esse tipo de aproximação entre empresas atrai ou consolida relacionamentos além de proporcionar ganhos invisíveis com o posicionamento de suas respectivas marcas, conforme admitiu Thelma Bayoud, líder de marketing da ADM Nutrition. “É a terceira vez que participamos e esperamos tornar mais conhecida a nossa unidade.

    Nosso objetivo é expandir a abrangência em termos de ser conhecido e experimentado pelo cliente”, afirmou. Motivos semelhantes foram citados por Christiano Marcel da Costa, diretor comercial da Brenntag, que estreou no segmento de food em 2016 e busca difundir a inserção da companhia no ramo. “Distribuir esses ingredientes é um negócio novo para nós, mas estamos otimistas. No primeiro dia da feira tivemos uma forte presença de novos clientes. Fomos um dos patrocinadores do cordão do crachá que franqueou o acesso ao evento e isso representou um ponto crucial de nossa comunicação” ponderou.

    Ana Beatriz Tesini, gerente de marketing da Biospringer, outra novata na feira, disse ter ficado satisfeita com os resultados da participação de sua empresa. “Trouxemos uma equipe do nosso centro de culinária e foi bastante interessante, pois prospectamos clientes e novas oportunidades”, justificou. “A feira certamente proporcionará frutos a partir da conexão das empresas com potenciais clientes. Essa aproximação traz ideias e conceitos que poderão alimentar projetos futuros”, disse Gustavo Assis, diretor de operações da MasterSense.

    Em sua opinião, os desdobramentos desses relacionamentos facilitarão a realização de novos negócios. Marcelo Brito, diretor executivo da Agropalma concorda. “Muitos contatos feitos aqui dão o primeiro passo para vender depois. Ao invés de fazermos 50 visitas, nos deslocando para atingirmos um número razoável de contatos, aqui no estande recebemos pessoas de todo o mundo”. Esse raciocino é compartilhado por Marco Resende, gerente da unidade de negócios da MCassab.

    “Em um dia registramos 100 visitas. Normalmente, para alcançar esse resultado precisaríamos de um mês. Agora é só dar continuidade ao trabalho”, afirmou. Sem citar números, o vendedor técnico Bruno Conte, da IMCD Brasil, também confirmou a eficácia da feira, depois de seis anos de participação consecutiva. “É sempre muito bom para fazer novos relacionamentos e exposição da marca”. De posse desse capital simbólico, as empresas “agregam as mensagens que tem competência em desenvolvimento e aplicações”, acrescentou Cláudio Tacconi, gerente de Nutrição Humana da Basf na América Latina.

    “O resultado que colhemos ficou acima das expectativas em termos de relacionamento. Manter contato com empresas, associações e autoridades é muito positivo. Ajuda a tirar dúvidas e construir um diálogo produtivo”, finalizou.



    Recomendamos também:








    0 Comentários


    Seja o primeiro a comentar!


    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *