Fenasan – Encontro técnico discute como suprir as cidades durante a seca

Química e Derivados, Silva: Mizumo oferece sistemas integrados para ETEs tanto de empresas como de municípios
Silva: Mizumo oferece sistemas integrados para ETEs tanto de empresas como de municípios

Dedicada a prover soluções para o tratamento de esgoto sanitário, a Mizumo lançou o monitoramento remoto, que pode ser aplicado em qualquer ETE. Monitora os principais componentes do sistema – sopradores, bombas e válvulas, além de acompanhar parâmetros por meio de sensores, tais como medições de pH, temperatura, oxigênio dissolvido, vazão, turbidez e cloro residual, destacou Diego Domingos da Silva, responsável pela área de engenharia de produtos.

Os módulos e componentes instalados em pontos específicos coletam os dados operacionais das ETE da Mizumo. As informações são processadas e analisadas pela central de monitoramento, resultando em feedbacks sobre o funcionamento e desempenho do sistema em tempo real. Em casos de parâmetros fora da legislação ambiental, alertas são gerados. A transmissão das informações é feita via rede móvel e funciona com qualquer operadora.

A empresa promoveu também o Sistema Integrado Mizumo (S.I.M.) que, segundo Silva, abrange todas as fases de implantação do tratamento de esgoto sanitário: concepção, projeto de engenharia, licenciamento ambiental, instalação, treinamento, operação da ETE e monitoramento remoto. O projeto é personalizado. A Mizumo oferece também pacote de manutenção preventiva, agregou.

Química e Derivados, Silva: Mizumo oferece sistemas integrados para ETEs tanto de empresas como de municípios
Mizumo oferece sistemas integrados para ETEs tanto de empresas como de municípios

O estande da Conaut, que possui joint venture com a alemã Krohne, mostrou a inovadora solução para medição de esgoto e efluentes, desenvolvido em parceria com a Odebrecht Ambiental, que está em operação no município de Mauá-SP. O gerente especialista em saneamento básico, Andres Forghieri, informou que a empresa criou uma solução de medição aliando o medidor de vazão, que não necessita de trechos retos. A operação se dá mesmo em baixas vazões ou com a tubulação parcialmente cheia.

Química e Derivados, Conaut: inovação que mede esgoto e efluentes já opera em Mauá-SP
Conaut: inovação que mede esgoto e efluentes já opera em Mauá-SP
Química e Derivados, Hidrômetro Hydrus opera por ultrassom e evita desgaste
Hidrômetro Hydrus opera por ultrassom e evita desgaste

Para medição de esgoto e efluentes em grandes tubulações, a Conaut divulgou o Tidalflux, que opera em tubulações parcialmente cheias. Outro destaque foi dado ao medidor que pode ser instalado diretamente na saída da válvula redutora de pressão e gera um abatimento de custo da obra da ordem de 30%, segundo Forghieri. Ele antecipou ainda que, resultado de parceria com a dinamarquesa Kamstrup, está se introduzindo no mercado nacional o medidor inteligente de água residencial e industrial FlowlQ 2103. Com princípio de medição ultrassônico, é capaz de registrar vazamentos, não contabiliza a passagem de ar e é imune ao super-imã.

Para atender à demanda por maior precisão na medição de consumo e redução do número de perdas, a Diehl Metering apresentou o Hydrus, medidor de água com princípio ultrassônico. Também divulgou o Izar Plus Portal, sistema de controle e gestão online.

O Hydrus não possui partes móveis e, por isso, não se desgasta como o produto convencional mecânico e vem com rádio embutido, explicou Emerson Fontanelli, gerente de vendas. Com diversos tamanhos, atende grandes e pequenos consumidores. Além disso, a sua bateria tem vida útil de até 16 anos, o que garante medição precisa com estabilidade em longo prazo. A tecnologia é alemã.

Página anterior 1 2 3 4 5 6Próxima página

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios