FCE Cosmetique e FCE Pharma 2015 – Prévia: Setores ignoram crise e investem para formar pessoal e inovar mais

Química e Derivados, FCE Cosmetique e FCE Pharma 2015 - Prévia: Setores ignoram crise e investem para formar pessoal e inovar maisQuímica e Derivados, FCE Cosmetique e FCE Pharma 2015 - Prévia: Setores ignoram crise e investem para formar pessoal e inovar mais
Desafiando a recessão que paira sobre vários segmentos da economia brasileira, a 20ª edição das simultâneas FCE Cosmetique e FCE Pharma, de 12 a 14 de maio, no Transamérica Expo Center, em São Paulo, apresentará lançamentos, tendências e novas tecnologias de cerca de 500 marcas nacionais e internacionais, incluindo 78 expositores do exterior. Os dois encontros “são as principais e mais completas plataformas de negócios para toda a cadeia produtiva das indústrias farmacêutica e cosmética”, afirma Lígia Amorim, diretora geral da NürnbergMesse Brasil, a empresa organizadora.

Química e Derivados, Lígia: setores investem para manter a competitividade
Lígia: setores investem para manter a competitividade

A expectativa é receber 17 mil profissionais qualificados, em sua maioria tomadores de decisão, além de fornecedores, distribuidores e revendedores do país e do exterior, consagrando o Brasil como player relevante no panorama mundial. “A FCE Pharma e a FCE Cosmetique têm trazido inovações importantes ano após ano. Eventos paralelos de conteúdo, qualificação e atualização profissional são peças fundamentais para as estratégias de marketing e comunicação das empresas”, ressalta Lígia. A crise econômica não assusta, porque abre oportunidades de inovação. Além disso, ela observa que “as feiras de negócio têm um valor estratégico crescente em períodos como este”.

O cenário, prossegue, “proporciona às empresas expositoras uma gama de oportunidades para atingir um grande número de perspectivas de vendas em um breve período de tempo e investimentos tornando-se, para qualquer estratégia de marketing, uma das mais completas ferramentas de vendas e posicionamento de marca do mercado. É mais do que apenas uma mídia, é poder ter acesso a todo o mercado de uma única vez, em um único lugar tendo acesso aos seus clientes, prospects, parceiros e imprensa”, ressaltou.

O mercado brasileiro de higiene pessoal, perfumaria e cosméticos (HPPC) movimentou cerca de R$ 101,7 bilhões em 2014, registrando um crescimento nominal de 11%, em relação ao exercício anterior. O setor vem crescendo nos últimos 19 anos a um ritmo chinês, da ordem de 10% ao ano, em média. Segundo dados da Associação Brasileira da Indústria de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos (Abihpec), as empresas brasileiras são responsáveis por cerca de 1,8% do PIB e já representam 9,4% do consumo mundial.

O Brasil é líder mundial no segmento de perfumaria, com um faturamento de R$ 17,1 bilhões; em desodorantes, as receitas somaram R$ 11,5 bilhões no ano passado. O país figura como o 2º maior consumidor mundial nas categorias de produtos masculinos (R$ 11,1 bilhões, 11% do consumo total de HPPC), infantis e para cabelos. Nos últimos cinco anos, o segmento infantil obteve um expressivo crescimento médio de 14%, faturando R$ 4,5 bilhões em 2014. Impulsionado pelos condicionadores, colorantes e xampus, o mercado de produtos para cabelos faturou R$ 21,2 bilhões, um crescimento de 11% em comparação a 2013.

“O Brasil está em terceiro lugar no mercado cosmético no mundo”, declara João Alberto Hansen, presidente da Associação Brasileira de Cosmetologia (ABC). O país está atrás apenas dos Estados Unidos e da China. E, além disso, exporta para cerca de 140 países, entre eles, Argentina, Chile, México e Colômbia. “A partir de 2000, o Brasil entrou no circuito global e isso fez as empresas crescerem muito. Hoje, o desafio é manter a competitividade, a inovação e os investimentos em pesquisa e desenvolvimento,” adiciona. Outros fatores, como o acesso mais amplo ao mercado de consumo, a profissionalização alinhada à necessidade do público e a participação da mulher no mercado de trabalho também contribuíram para a consolidação do setor nos últimos anos.

A tendência, vaticina Enilce Maurano Oetterer, diretora administrativa da ABC, é o mercado nacional continuar com constante crescimento nos próximos anos, principalmente pelo aumento da população e pela migração das classes D e E para a C. Ela acredita que há uma busca maior por produtos multifuncionais (filtro solar com hidratante, por exemplo) e mais eficazes. “Os produtos cosméticos geram bem estar”, lembra.

No segmento farmacêutico, as estatísticas também são animadoras. Levantamento da IMS Health mostra que o faturamento saltou de R$ 28,7 bilhões para R$ 41,8 bilhões, de 2010 para 2014: crescimento de 45,6%. De acordo com o Sindicato da Indústria de Produtos Farmacêuticos no Estado de São Paulo (Sindusfarma), o segmento cresceu em média cinco vezes mais que o PIB brasileiro nos últimos cinco anos. Em 2014, o setor manteve a tendência de fortalecimento, com o faturamento avançando perto de 13%. No primeiro trimestre deste ano, já houve um crescimento de 12%. Dados da Associação da Indústria Farmacêutica de Pesquisa revelam que o mercado brasileiro é o 6º maior no mundo.

A expectativa, assim como na área de cosméticos, é de manutenção do ritmo de crescimento em 2015, mesmo com um cenário econômico adverso. Nas últimas duas décadas houve importantes evoluções na indústria farmacêutica. Fatores como o aumento no número de brasileiros que ingressaram no mercado de consumo, envelhecimento da população, criação do programa de genéricos, Lei das Patentes, criação da Anvisa, programas de incentivo, além de outras mudanças políticas, econômicas e sociais foram peças-chave para o desenvolvimento do setor. Segundo a IMS Health, a expectativa é que esse mercado siga aquecido até 2016, passando a ocupar a 4ª posição do ranking mundial, atrás apenas dos EUA, China e Japão.

Lígia destaca que a FCE Pharma abriga a 2ª edição da Powtech Arena Brasil, um projeto que segue a proposta de conteúdo desenvolvida na Alemanha. Considerado o maior e mais importante evento no segmento de processamento e manuseio de pós e sólidos a granel e tecnologias para a fabricação de medicamentos sólidos, semissólidos e líquidos, a Powtech é realizada tradicionalmente na Alemanha a cada 18 meses.

Na última, reuniu 929 expositores provenientes de 30 países e cerca de 15 mil visitantes especializados, durante três dias. Milhares de equipamentos e produtos foram expostos nos seis pavilhões da feira. Em nenhum outro lugar engenheiros de processo tiveram a oportunidade de encontrar uma visão tão abrangente, compacta, de novos produtos para processos de mistura, redução de tamanho, triagem, dosagem, peso e análise de materiais sólidos e semissólidos – para praticamente todos os setores, entre os quais, químico, farmacêutico e de processamento de alimentos e minerais.

Química e Derivados, FCE Cosmetique e FCE Pharma 2015 - Prévia: Setores ignoram crise e investem para formar pessoal e inovar maisA 2ª Powtech Arena Brasil repete a fórmula de sucesso da anterior, com os participantes podendo conhecer as principais ferramentas, tecnologias e tendências mundiais do setor. A cada dia, profissionais e especialistas renomados ministram palestras em que se discute sobre a redução de tamanho de materiais sensíveis, processos e controle de rastreabilidade, além dos desafios e inovações na análise de partículas. “A Powtech Arena Brasil proporciona a discussão sobre as principais inovações, evoluções, desafios e melhorias das indústrias que utilizam partículas, pós e granulados”, comenta Lígia. Para a IMS Health, um dos nichos que mais atraiu novas empresas e negócios para o país foi o de tecnologia do pó, dividida em análise de partículas, a moagem e a mistura.

Também paralelamente à exposição, ocorre o 4º Seminário FCE Pharma, nos dias 12 e 13. Nesta edição, serão discutidos temas como: melhores práticas da logística na cadeia farmacêutica; auditorias e inspeções na cadeia farmacêutica; validação de métodos e produtos de degradação; RDC 54/2013, rastreabilidade e serialização; validação de sistemas de água para uso farmacêutico; big data em health care; e assuntos regulatórios e registros de medicamentos.

Para compartilhar mais conhecimento, a FCE Pharma conta também com a 2ª edição da Jornada Sindusfarma, que oferece palestras gratuitas sobre o mercado farmacêutico, tais como: aspectos econômicos; evolução e tendências, além do panorama político do segmento. Programada para o dia 13 de maio, a Jornada contempla os seguintes macro temas, todos ministrados por pessoal ligado ao Sindusfarma: Os aspectos farmacêuticos do Brasil farmacêutico, por Bruno Abreu, gerente de regulação de mercados; Evolução e tendências do mercado farmacêutico, por Inajar de Souza, presidente da FarmaAcademia e coordenador do Programa DEC-Sindusfarma, além de presidente do Clube de Novos Negócios da Indústria Farmacêutica; O panorama político do segmento farmacêutico, por Nelson Mussolini, presidente executivo da entidade setorial; Assimetrias e desafios regulatórios, por Rosana Messias Mastellaro, gerente de legislação industrial farmacêutica; e A controvérsia entre a análise de risco e a produtividade farmacêutica, conceito x prática, por Jair Calixto, gerente de boas práticas e auditorias farmacêuticas.

Circuito do Conhecimento – A FCE Cosmetique apresenta uma nova plataforma de comunicação e conteúdo para os visitantes e empresas do setor. O primeiro Circuito de Conhecimento e Inovação, uma iniciativa que integra diferentes experiências, oferece um ambiente único de interação, negócios e conhecimento. Ao percorrer o Circuito, o visitante tem a oportunidade de estabelecer contato com especialistas no desenvolvimento de produtos, criar novas perspectivas, ter acesso às principais tendências do setor e ainda gerar negócios, salienta Lígia.

A Arena do Conhecimento, um espaço que proporciona aos visitantes e convidados a oportunidade de participar de apresentações gratuitas com temas voltados a lançamentos, tendências e inovações difundidos por empresas do setor como Oxiteno, Croda, DuPont e Dow. A iniciativa prevê a apresentação de cerca de 10 palestras por dia. A GFK, uma das maiores empresas de pesquisa de mercado do mundo, também estará presente e abordará a percepção e as expectativas do consumidor com relação aos cosméticos naturais e orgânicos.

Química e Derivados, FCE Cosmetique e FCE Pharma 2015 - Prévia: Setores ignoram crise e investem para formar pessoal e inovar maisCongresso – Sob o tema “Tecnologia, Arte e Magia: conectando a ciência ao mercado cosmético”, o 28º Congresso Brasileiro de Cosmetologia, organizado pela ABC, oferece ao público especializado temáticas inovadoras que proporcionam a atualização e a difusão das tendências da área, além do debate de ideias, a construção de redes de relacionamento e o intercâmbio acadêmico-científico e profissional, entre fornecedores e empresas.

Diretora da ABC e também diretora-proprietária da Encosmética Consultoria e Serviços, Enilce Maurano Oetterer, assim destrincha o foco principal do evento, que faz parte do Circuito do Conhecimento e Inovação: “A cosmética é uma ciência na qual os processos são desenvolvidos a partir de estudos e pesquisas. A cosmetologia se define pelo conhecimento, daí a importância das palestras com cientistas, professores e pesquisadores, além dos trabalhos universitários”.

Se assim se justifica a tecnologia pertinente ao setor, ela diz que o conceito de arte está ligado ao processo cultural que remete ao uso dos produtos cosméticos. Na maquiagem, por exemplo, busca-se um visual artístico, a combinação de cores. A ideia de magia se consubstancia através da transmissão de um senso de subjetividade. “O ato de preparação, o cuidado, é a magia da transformação (o uso de cremes de tratamento é um caso em que se propicia transformação). A beleza é resgatada pelo uso de um batom, por exemplo”, assinala Enilce.

O formato do evento conta com um diferencial, em relação às edições anteriores. Em uma sala única, com capacidade para 500 pessoas, o congressista pode assistir a todas as palestras, não precisando mais optar por um determinado assunto em detrimento de outro. As palestras científicas estão agrupadas no período da manhã, sem intervalos. E as palestras técnico-comerciais são ministradas no espaço Arena do Conhecimento, com acesso livre aos congressistas e visitantes.

Na grade da programação, o Congresso oferece seis palestras especiais magistrais de renomados pesquisadores nacionais e internacionais. Alan Swift, da Inglaterra, que trabalhou durante 32 anos para a Unilever Research do Reino Unido e já recebeu prêmios por sua contribuição à ciência dos cabelos, discorre, no dia 12, sobre “Questões específicas sobre a química a estrutura do fio de cabelo humano”. “Ciência e tecnologia dos cabelos: desvendando e ultrapassando barreiras”, é o tema de Valéria Longo, do Brasil, pós-doutorada em química pela Unesp e pela Universitat Jaume I, com trabalhos premiados pela ABC e Abihpec.

Química e Derivados, FCE Cosmetique e FCE Pharma 2015 - Prévia: Setores ignoram crise e investem para formar pessoal e inovar mais No dia 13, Harald Jezek, da Áustria, colaborador de ciência e tecnologia da Oxiteno, faz palestra sobre “Experiências sensoriais como uma ferramenta de diferenciação no desenvolvimento de produtos personal care”; a pesquisadora, consultora empresarial e professora universitária Janaina Siegler, do Brasil, desenvolve o tema “A Bela, a Fera e nosso Brasil brasileiro”, em que aborda a questão do crescimento do mercado nacional de cosméticos. No dia 14, o premiado cientista John Jiménez, da Colômbia, fala sobre “Aditividade sensorial: mesclando sentidos para potenciar a percepção de produtos cosméticos”; e o consultor independente, escritor e pesquisador José Luis Cordeiro, da Venezuela, que também é professor e assessor em energia da Singularity University, da Nasa, faz conferência sobre uma tema futurista: “A morte da morte: cosmetologia e longevidade indefinida”. Como serão os cosméticos no processo do novo envelhecimento da população? Esta é a pergunta que se impõe.

“Há, também, mais quinze palestras de profissionais conceituados no meio acadêmico e de mercado”, acrescenta Enilce. Três workshops completam a programação, sempre no horário das 14h30 até às 16h30. “Cada um trata de um tema específico, orientado a interesses distintos dentro da cosmetologia”, observa. “Sustentabilidade” é o tema no dia 12, oportunidade para se discutir a biodiversidade como elemento chave para o desenvolvimento sustentável e o acesso ao patrimônio genético brasileiro.

No dia 13, no workshop “Marketing, inovações e tendências”, coordenado por Enilce, são apresentadas “estratégias inovadoras na busca das necessidades do consumidor, de diferenciar os produtos e os modelos de negócios. Quais as estratégias, como aplicá-las ao marketing e quais as ferramentas para se identificar um processo de inovação de um produto ou de uma nova linha ou de uma empresa”. No último dia, o workshop “Sensorial” enfoca a beleza sob um novo olhar: a real beleza versus a idealização da beleza.

Para João Hansen, presidente da ABC, um congresso desse porte científico deve sempre proporcionar para o setor três alicerces: conhecimento, relacionamento e inovação. “Os congressistas têm a oportunidade de se atualizar com os principais especialistas, saber as tendências e promover o intercâmbio com a comunidade científica do Brasil e do mundo”, conclui.

No estande da ABC, a Estação Exsens também “merece ser visitada”, sugere Enilce. O espaço é destinado a proporcionar experiências sensoriais de cheiros e texturas, mostrando as diferenças entre emulsões, géis, loções e os impactos das fragrâncias na percepção do consumidor. “As empresas divulgam matérias-primas e fazem testes de aplicação de produtos”, revela. Por meio de demonstrações, a Estação Exsens aborda temas como pigmentação, matérias-primas com modificação sensorial e fragrâncias, aproximando os visitantes das novidades, lançamentos e tendências por meio da experimentação, acrescenta Lígia.

Como iniciativa de integração entre o mundo acadêmico e a indústria, há exposição de trabalhos científicos em formato renovado, de e-posters. Espera-se que universidades e empresas apresentem, em primeira mão, os resultados de suas mais recentes pesquisas sobre ativos cosméticos e seus mecanismos de ação. Também está previsto “um encontro fechado de professores universitários convidados para discutir as melhores tecnologias de comunicação educacional”, antecipa Enilce, diretora da ABC.

Exposição – As centenas de empresas que participam da FCE não apenas divulgam os seus produtos, mas apresentam novidades. A Oxiteno, por exemplo, aposta em modelo de cocriação com clientes para buscar soluções sustentáveis e inovadoras em cuidados pessoais. “Nossas plataformas buscam performance superior, aspectos sensoriais, sustentabilidade, entre outros atributos”, diz Maurício Lopes, gerente de negócios para Home & Personal Care.

Por meio da combinação de expertise em formulações e disciplina de inovação, a empresa explora aspectos sensoriais como textura, espuma, cor e frescor. “Acreditamos que a beleza é mais que uma convenção estética, é uma sensação, por isso desenvolvemos soluções para promover o bem estar das pessoas por meio de experiências sensoriais”, afirma Lopes. Além disso, o conceito Greenformance direciona o desenvolvimento dos produtos de acordo com três pilares de sustentabilidade: cuidado com meio ambiente, uso de fontes renováveis, e saúde e bem-estar. A empresa é patrocinadora master do espaço de Inovação, que abrigará diversas palestras e apresentações sobre tendências, produtos, aplicações e inovações do mercado.

Química e Derivados, Pigmento Syncrystal Supernova Gold, da Colormix
Pigmento Syncrystal Supernova Gold, da Colormix

A Colormix exibe o pigmento Syncrystal Supernova Gold, fabricado pela Eckart. Com aspecto de ouro real, destaca todas as aplicações em cuidados com a pele e cosméticos com cor, proporcionando uma aparência lustrosa “sensacional e aristocrática”. Destaque também para três novos pigmentos de 1-15 µm nos tons de terra que, segundo a empresa, são adequados para cremes (BB cream, CC cream), loções tonalizantes, assim como todos os tipos de aplicações que possuam cor: Syncrystal Soft Peach, Soft Bronze e Soft Copper. Além disso, será exposta a linha de borosilicato Mirage, agora expandida com cinco novas cores de interferência em tamanho de partícula variando entre 10-50 µm: Mirage Silver, Red e Blue; e duas cores em tons de terra: Mirage Champagne e Fire-Red. “Serão apresentados novos efeitos glamorosos com máximo de brilho”, informa a Colormix.

A Bandeirante Brazmo mostra que dispõe de produto isento de DEA (dietanolamina), que proporciona melhor performance (maior cremosidade de espuma e menor dosagem), afirma o gerente de mercado, José Carlos Menezes. Buscando inovar no segmento de cosméticos, a empresa está promovendo o desenvolvimento de alternativa à Cocamide DEA, acrescenta Nádia Andrella Capuzzo, coordenadora de marketing-especialidades. Ela prevê que esta será uma tendência no Brasil, pois produtos derivados de DEA possuem uso restrito na Europa e nos EUA – há estudos comprovando os malefícios do seu uso. Além disso, a empresa possui soluções para desenvolvimentos na linha de espessantes, agentes condicionantes, emolientes, umectantes e agentes perolizantes.

A Sarfam lança o Brightenyl, “a ciência metagenômica revelando a beleza.” É considerado a evolução dos ativos para alcançar a plena uniformidade do tom da pele. “É um produto com base em pesquisas metagenômicas, um extraordinário ativo para a luminosidade radiante, quatro vezes mais eficiente que a vitamina C e 60 vezes mais eficiente que o ácido kójico. Os resultados são visíveis após apenas 28 dias; e os resultados duradouros, após três meses”, informa Cristina Unten, do setor de marketing.Unindo as suas forças, Univar + D’Altomare apresentam um extenso portfolio de ingredientes, conforme enumera Julio Bombonati, gerente de mercado: do novo parceiro da Univar, a J.Rettenmaier & Sohne, as linhas de esfoliantes naturais à base de celulose e o softining powder, um modificador sensorial de origem vegetal biodegradável, que proporciona sensorial macio, sedoso e toque seco e ainda promove alto efeito matte, com alto poder de reduzir a oleosidade e a pegajosidade das formulações; Dow Corning CB 3046 Fluid, um blend de silicone desenvolvido para ser o único ingrediente ativo no controle do frizz para uso em formulações aquosas e anidras de alta eficiência. Proporciona alinhamento das fibras, brilho, aspecto natural e leveza;

Química e Derivados, FCE Cosmetique e FCE Pharma 2015 - Prévia: Setores ignoram crise e investem para formar pessoal e inovar maisDow Corning EP 9801 Hydro Cosmetic Powder e Dow Corning EL-7040 Hydro Elastomer Blend, produtos disponíveis em pó e gel, compatíveis com sistema à base de água para dar maior flexibilidade à formulação. Proporciona sensorial mais refrescante, sedosidade e efeito matte; Cetiol Ultimate, emoliente volátil, ultraleve, 100% natural, biodegradável, com aprovação Ecocert e Cosmos. Confere sensorial macio e seco, secagem rápida e efeito matte; Uvinul Easy – mistura de filtros orgânicos, emolientes e emulsionantes, facilita o desenvolvimento de formulações com proteção solar. Podem ser obtidos produtos com FPS de 6 a 50, com garantia de 1/3 de UVA-PF. O FPS da formulação será igual à concentração de Uvinul Easy dosada; Akypo RL 40 FM, surfactante de origem vegetal livre de sulfatos. Apresenta excelente formação de espuma e suavidade. Pode ser utilizado junto a outros surfactantes para diminuir a irritabilidade;

Amidel APA 22 – agente condicionante amidoamina biodegradável, promove excelente condicionamento e proteção da cor. Aumenta a penteabilidade a seco e a úmido, diminui o fly-away e o volume; Bioquat Complex – combinação sinérgica de aminoácidos, polímeros condicionantes, fitoesteróides e ômegas de origem vegetal. Confere hidratação e condicionamento intenso aos cabelos com maior sensação de hidratação. Revitaliza os fios e realinha as cutículas, promovendo brilho e maciez aos cabelos.

Nova distribuidora exclusiva no Brasil da Fragrance Oils, a Química Anastácio lança a linha de fragrâncias da empresa de origem inglesa. Também está agregando ao seu portfólio os óleos de amêndoas e girassol, linha completa de filtros solares e ceras especiais. Já para a linha oral care, apresenta o dióxido de titânio anatase e as sílicas abrasivas e espessantes. A Química Anastácio possui uma linha completa de produtos para o segmento de cuidados pessoais, alimentícios e processos industriais. É certificada pela norma ISO 9001:2008.

Referência na distribuição de produtos químicos, a quantiQ apresenta o B-White, solução voltada ao segmento facial. Constituído de um peptídeo biomimético encapsulado em um lipossomo, o ativo atua no clareamento da pele, suavizando manchas e uniformizando o tom. É inovador porque age como um clareador inteligente, através de mecanismo que diminui a pigmentação constitutiva (genética) e facultativa (radiação solar). A empresa argumenta que o produto se diferencia dos demais agentes pela ótima ação clareadora (sem efeito rebote e/ou irreversível), que confere efeito iluminador com segurança. Além disso, atua de forma superior à vitamina C, muito utilizada no mercado dermocosmético, mas de complexa manipulação em formulações devido à dificuldade de estabilização. Os resultados são visíveis em apenas 28 dias.

Outro destaque da quantiQ é o SymOcide, preservante à base de produtos químicos e extrato de plantas. “A crescente evolução de produtos de alta performance para pele tem sido uma tendência. Acreditamos que ela continuará mais forte nos próximos anos, caminhando lado a lado com a conscientização da população em cuidar da pele além do aumento da expectativa de vida”, afirma Regina Oliveira, gerente da unidade de cosméticos, aromas & fragrâncias e farma.

A MCassab divulga protótipos e novidades, dispondo de um espaço chamado “Esquina da inovação”, voltada para o que há de mais recente em tendências, tecnologia e inovação em desenvolvimento. Entre os destaques está o BB Blur – Mousse Nude Sensation, de efeito matte, que ameniza as linhas de expressão, os poros dilatados e o brilho facial devido a uma tecnologia diferenciada de silicones especiais. Outro destaque é o óleo mineral Sunscreen *SPF 50+, para peles sensíveis, avermelhadas e com tendência à acne. Contém carotenoides incolores naturais, que emitem uma luz verde quando refletidos com os raios UV. Na área de nutrição humana, a novidade é a Torrada com ômega-3, que fornece proteção e manutenção da saúde cardiovascular.

Química e Derivados, FCE Cosmetique e FCE Pharma 2015 - Prévia: Setores ignoram crise e investem para formar pessoal e inovar maisA gerente de desenvolvimento, Andrea Adams, ressalta que “além de conter as principais matérias primas desenvolvidas e disponíveis no mercado”, os produtos da MCassab “estão totalmente atualizados e alinhados com as tendências e inovações que estão sendo mostradas nas principais feiras internacionais do setor, como, por exemplo, a InCosmetics, realizada em Barcelona no mês de abril”. O diretor da divisão de LifeScience, Gustavo Dosualdo, completa: “Mantemos o nosso padrão em ser a maior fornecedora de inovações em especialidades cosméticas, atendendo a todas as demandas deste setor e, mais, com diferenciais competitivos baseados não em preço, mas em benefícios para os consumidores, sejam homens, mulheres, crianças, jovens ou adultos”.

Outros produtos da MCassab em exposição na FCE Cosmetique: Golden oil – óleo para cuidados com a face, pele e pescoço; Stay matte – gel facial revolucionário e de efeito matte e rejuvenescedor; Multi benefits – tecnologia de silicones especiais que formam um filme ao redor dos fios dos cabelos, deixando-os com uma aparência saudável, inteira e natural; Desodorante invisible aerosol e loção corporal DEO hydrating –protege as axilas do mau odor por longos períodos. Na FCE Pharma, ênfase nos seguintes produtos coreanos, fabricados pela Labottach: Frio Pad – patch hidrogel (emplastro), que atua na redução da temperatura corporal, ocasionada pela febre; Icy menthol e cool and hot – emplastros que proporcionam alívio e relaxamento de dores musculares; Spiranto – emplastro que fornece alívio imediato após picadas de insetos e reduz o processo inflamatório de origem alérgica.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.