Fabricantes globais buscam concentrar negócios – TiO2

No Brasil – O mercado local está abastecido, mas a redução de atividade econômica é marcante, deprimindo os negócios. A duração e a intensidade da crise ainda são questões em aberto, exigindo acompanhamento constante. O mercado não parou por completo, porém.

“O mercado industrial de TiO2 em 2019 no Brasil foi próximo a 185 mil t, ou seja, relativamente estável em comparação a 2018. Já em 2019, em razão da boa demanda nos EUA e Europa, desenhava-se uma pressão de custos nos feedstocks e também uma tendência de alta de preço e logística nos produtos asiáticos, que representam 30% do mercado brasileiro”, comentou Luiz Maranho, gerente de negócios na Univar Solutions.

A Univar distribui com exclusividade os grades de dióxido de titânio cloro da Tronox (maior produtora mundial) para os mercados industriais no Brasil. “Temos também uma parceria de representação com a Venator, apenas para a nossa unidade de negócio Beauty & Personal Care no país.”

Maranho avalia o comportamento do mercado nacional em duas fases distintas: Pré-Covid-19 e Pós-Covid-19. “No primeiro trimestre deste ano, antes da pandemia, a expectativa dos mercados era de alguma recuperação frente a 2019, nos diversos subsegmentos: decorativas, revestimento, impressão, OEM, repintura, etc. A partir da imposição das medidas restritivas, na segunda metade de março, o cenário ficou bastante incerto. Neste momento, é difícil fazer um prognóstico com expectativas de PIB variando entre -9% e -5%”, afirmou.

José Carlos Menezes, gerente comercial da área de titânio da Bandeirante Brazmo, distribuidora dos pigmentos fabricados pela Chemours, acompanha com atenção os movimentos do mercado. “Estamos passando um momento de tremenda instabilidade na questão de demanda, com a maior parte dos clientes de tintas trabalhando com ocupação abaixo de 50%, e com um fator adicional que é a oscilação cambial, levando os compradores a postergar o máximo possível as aquisições”, afirmou.



Menezes aponta o risco de o mercado voltar a substituir o pigmento de titânio pela máxima quantidade possível de cargas, com o objetivo de reduzir custos. “Quanto à concorrência, apesar da entrada de produto importado ter sido reduzida – principalmente o de procedência asiática –, os preços destes continuam bem abaixo do produto da Chemours, porém é importante comentar que a maior parte destes produtos é feita pela tecnologia de base sulfato, que insere na produção de tintas uma coloração final mais amarelada, enquanto o processo da Chemours, de base cloreto, elimina essa interferência na cor da tinta”, explicou.

“O setor de TiO2 foi impactado pelo Covid-19, como quase todos os setores da economia. No entanto, o dióxido de titânio pertence à cadeia de diversos mercados e produtos, muitos dos quais considerados essenciais ou críticos em meio à pandemia. Por esta razão, o impacto parece ter sido menor do que o verificado em outros setores”, avaliou Luiz Friedman, diretor de vendas da Ineos Pigments para a América Latina. “A forma como se dará a recuperação econômica é ainda um ponto de interrogação e a comunicação estreita com clientes e o mercado em geral será crucial para esta retomada.”

Friedman comentou que 2019 marcou o primeiro ano de operação da Ineos Pigments após a aquisição das plantas de dióxido de titânio da Cristal nos Estados Unidos. “O ano foi bastante positivo no sentido de consolidar a imagem e participação da Ineos no mercado, o qual se manteve relativamente estável com projeção de crescimento em 2020”, salientou.

Ele também ponderou que há vários anos o panorama da indústria de TiO2 apresenta poucos investimentos em aumentos de capacidade produtiva e permanece uma tendência de consolidação de empresas. “A expectativa é que esse panorama seja mantido, como reflexo das instabilidades cíclicas e constantes deste mercado”, afirmou.

Página anterior 1 2 3 4Próxima página

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios