Economia

Distribuição – Variação cambial afetou os negócios

Marcelo Fairbanks
19 de julho de 2020
    -(reset)+

    QD: As operações logísticas estão sendo realizadas normalmente, tanto no mercado interno, quanto nas importações? Houve algum impacto na política de estoques?

    Química e Derivados - Annik Costa Varela, da quantiQ

    Annik Costa Varela, da quantiQ

    AV: Sim, as operações logísticas estão sendo realizadas normalmente. Temos trabalhado fortemente no mapeamento dos possíveis riscos que nossos fornecedores têm no âmbito de suprimentos, entendendo profundamente como as representadas estão alocando suas produções. Isso nos ajuda a dimensionar, seja aumentando ou diminuindo, a nossa necessidade de comprar para assegurar o suprimento para nossos clientes.

    Até o momento, não passamos por nenhum impacto significativo no que diz respeito a fornecimento de produto. Além disso, a quantiQ possui estoque de segurança dos principais produtos e tem feito um trabalho próximo a seus clientes para acompanhar a perspectiva futura e antecipar a demanda. Atualmente, temos percebido uma procura maior de novos clientes realizando consultas e compras de determinadas linhas, principalmente para as especialidades, em que os principais fornecedores estão no mercado externo e das quais temos produtos em nossos estoques, além de acesso direto aos nossos parceiros.

    QD: Que medidas foram tomadas dentro da distribuidora para evitar que a doença se alastre entre os colaboradores?

    AV: Nossos Líderes, assim como as equipes de saúde e RH estão dedicados e envolvidos integralmente no tema, acompanhando diariamente os informes oficiais do Ministério da Saúde e da OMS a fim de atuar de maneira rápida e segura, preservando os públicos estratégicos da empresa.

    Desde o início da disseminação da doença, adotamos medidas preventivas como suspensão de todas as viagens (nacionais e internacionais), assim como participação em eventos, por tempo indeterminado. Praticamente todo os colaboradores que desempenham funções administrativas ou são considerados grupos de risco estão trabalhando em formato home office. Para colaboradores das áreas de operações, determinamos a divisão de grupos para entrada escalonada em setores, refeitório e utilização de vestiários, assim como limite máximo de ocupação das salas operacionais.

    Nos Centros de Distribuição, adotamos novos procedimentos de entrada para prestadores de serviço, incluindo preenchimento de questionário de saúde, medição da temperatura corporal, além do uso de máscara, que se tornou obrigatório para todos que circulam nas instalações, incluindo também os nossos colaboradores.

    O Grupo GTM está monitorando constantemente o avanço do Coronavírus nos onze países em que têm atuação e agindo de acordo com as leis e restrições específicas de cada país. Neste momento, a companhia está direcionando todos os esforços para preservar a saúde e a vida de colaboradores, parceiros e prestadores de serviços.



    Recomendamos também:








    0 Comentários


    Seja o primeiro a comentar!


    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *