Desodorantes: Como os produtos funcionam no corpo

Prevenir o odor é uma tarefa complexa que envolve as interações entre o suor natural de uma pessoa e a oleosidade da pele, e os micro-organismos que são únicos ao indivíduo. Tempo de exposição, temperatura, níveis de umidade e pH podem influenciar a geração de odor corporal.

Segundo Ísis Filippi, da Lanxess, alcançar o desempenho desejado e, ao mesmo tempo, fabricar um produto de custo acessível, seguro e ambientalmente consciente é um grande desafio para os formuladores.

Para Ana Carolina Albertini, da Sarfam, é muito importante explicar o termo desodorante, pois exerce funções tecnicamente diferentes daquelas abrangidas pelo conceito de antitranspirante.  Os desodorantes têm a função de mascarar ou eliminar o cheiro causado pelas bactérias, podendo ter ação bactericida ou interferindo na reação de degradação do suor. Por sua vez, os antitranspirantes atuam formando uma rede polimérica, absorvendo o suor que é liberado pelas glândulas sudoríparas.

“Ou seja, combate o odor ao agir na saída do suor, proporcionando uma obstrução temporária e superficial do poro”, afirma.

Ana explica que a ação desodorante pode ser dividida em quatro mecanismos básicos: antimicrobiana, neutralização de odores, inibição enzimática e redução da adesão de micro-oganismos sobre a pele. E, de modo geral, as formulações estão divididas em três categorias: aerossol, roll-on/creme e stick.

O formato aerossol consiste em um sistema anidro de suspensão de pó com sensorial seco e sem pegajosidade. Esse desenho possui como vantagens a fácil aplicação, além de ser higiênico e de secagem rápida. “Porém, é um tipo de formulação com pontos críticos no entupimento da válvula spray e na compactação do sedimento, o conhecido caking”, Ana afirma. Além disso, existe uma restrição da utilização de ativos derivados do zircônio, pois a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) proíbe a utilização de aluminum zirconium em fórmula de aerossol. Atualmente, este formato possui maior mercado para o público masculino, devido à secagem rápida e à ausência de atrito durante aplicação.

Leia Mais

O tipo roll-on/creme gera formulações mais econômicas, devido ao alto teor de água e à fácil fabricação. Essa aplicação possui algumas desvantagens: pode apresentar pegajosidade, secagem mais lenta e é menos higiênica. Além disso, o produto pode secar na esfera da embalagem roll-on. “A fórmula em emulsão é compatível com qualquer família de antitranspirantes, sendo apenas o fator de escolha o tipo de eficácia desejada pelo formulador”, diz Ana.

Com demanda em ascensão, o stick possui como benefícios a aplicação seca e não pegajosa e maior oportunidade na escolha de ativos. Em contrapartida, é uma formulação de custo elevado, com maior residual ceroso, que pode interferir na eficácia antitranspirante.

“Normalmente, produtos em forma de stick estão relacionados a antitranspirantes com o efeito clinical, justamente por ser um tipo de formulação de alto valor agregado, na qual é possível aplicar ativos mais eficazes”, comenta Ana.

De qualquer forma, existem diversos tipos e formatos de formulações com poder desodorante no mercado. Para cada um deles, por exemplo, há a necessidade de um desenho de criação de fragrância específico; isso em função da característica do produto, como pH, aspecto físico e estabilidade.

Cosméticos: Como os produtos funcionam no corpo ©QD Foto: iStockPhoto
Messias Shimizu, diretor de P&D Takasago Brasil – Divisão Fragrâncias

“Dependendo do ativo da formulação, o perfumista terá uma gama de ingredientes disponíveis para criação, isso por conta da compatibilidade química desses materiais com a fragrância”, afirma Messias Shimizu, diretor de P&D Takasago Brasil – Divisão Fragrâncias.

Em tempo: as fragrâncias são constituídas de matérias-primas capazes de reagir quimicamente com as moléculas de mau odor, neutralizando-o.

Veja Também:

Não deixe de consultar o Guia QD, maior plataforma eletrônica de compras e vendas do setor, com mais de 300 mil consultas mensais por produtos e mais de 400 anunciantes ativos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.