Cosméticos, Perfumaria e Higiene Pessoal

Cosméticos – Ativos funcionais ajudam maquiagens a proporcionar mais beleza e saúde

Rose de Moraes
18 de outubro de 2008
    -(reset)+

    Com oligossacarídeos da flor do amor-perfeito (Aquaphyline), da francesa Silab, é possível atenuar rugas e linhas de expressão, estimulando-se a síntese de aquaporinas-3, consideradas canais de irrigação da pele, e a fi xação do ácido hialurônico.

    Com um derivado da murta (Longevicell), arbusto encontrado no mediterrâneo, conhecido como ativo da longevidade, é possível retardar o envelhecimento celular e limitar a degeneração dos tecidos cutâneos por intermédio do gene da Sirt-1, proteína relacionada com a longevidade.

    Há também derivados de polióis da aveia (Osilift), que promovem efeito tensor imediato, garantindo maciez e elasticidade à pele, e cujo uso prolongado também reduz as linhas de expressão.

    Para se formular sombras, a especialista recomenda o uso de cores vibrantes, a grande tendência dessa temporada que promove “luminosidade” ao olhar. Em meio às várias texturas e formas, Patrícia sugere aos fabricantes de maquiagem a produção de sombras em mousse e sombras em creme com efeito lifting.

    Para a fabricação de máscaras para cílios, as melhores fórmulas, sem dúvida, na opinião de Patrícia, contêm microesferas que dão volume aos cílios e ceras rígidas que podem ser de arroz, carnaúba ou candelila, para condicionar, incluindo vitaminas como pantenol (pró-vitamina B5), que hidratam e fortalecem os cílios.

    “Temos matérias-primas da Kobo específicas para alongar, dar volume e promover longa duração às máscaras. As fi bras de náilon 66 cut fi ber 3D alongam os cílios. As microeferas de sílica MSS-500/20N preenchem os cílios, conferindo-lhes maior volume. Já resinas de alta performance, como de policiclopentadieno hidrogenado (Koboguard 5400 IDD), muito resistentes à umidade, são indicadas por ela para emprego em máscaras para cílios de longa duração.

    Na área de batons, são muitas as opções em composições mais sólidas, cremosas e líquidas, mas a grande tendência do momento também são os batons e glosses que oferecem benefícios de tratamento, hidratação, antienvelhecimento, proteção solar e aumento de volume, além de colorações vibrantes.

    Os batons com brilho espelhado podem conter, segundo Patrícia, um éster emoliente (Coropan TQ), que confere brilho intenso e espelhado em função do alto índice de refração da luz. Os batons com ativo de tratamento podem contar nas fórmulas com um éster emoliente derivado de jojoba (Floraester 30), que dá maciez e sedosidade aos lábios, deixando-os bem hidratados.

    Já as fórmulas de batons com brilho intenso e vibrante podem ser compostas por micas (pérolas) sintéticas de fluorflogopita (linha Sunshine), mais transparentes do que as micas naturais e que promovem brilho intenso e vibrante. “Com o uso de pérolas sintéticas como essas, é possível formular glosses mais límpidos e com alta refl exão de cor, devido à ampla faixa de tamanho das partículas, desde 10 microns até 730 microns, conferindo brilho de glitter e com sensorial não agressivo aos lábios”, fi nalizou Patrícia.

    Naturais, minerais e orgânicos – Formulações menos irritantes, que não obstruem os poros e guardam distância de matérias-primas causadoras de alergias e irritações na cútis, são as grandes tendências em maquiagem, que dão origem aos atuais lançamentos contendo ingredientes e ativos minerais, naturais e orgânicos. Esses conceitos são consensuais e compartilhados por companhias como a Beraca – que oferece aos mercados nacional e internacional ampla linha de ativos geradores de benefícios para a pele, incluindo desde coberturas uniformes e melhor aderência dos pigmentos, aliadas a vários tratamentos.

    “Desde a época de Cleópatra e até bem pouco tempo atrás, a maquiagem manteve seu foco no embelezamento, mas, recentemente, pequenos fabricantes, principalmente da Europa e dos Estados Unidos, começaram a agregar à maquiagem benefícios de cuidados e tratamentos específi cos”, informou Tânia Fazzi, responsável técnica da Beraca.

    Assim, óleos e manteigas vegetais, extratos e argilas começaram a ser valorizados pelos fabricantes para substituir matérias-primas convencionais como o oxicloreto de bismuto e o talco.

    “Os óleos em pó (misturas de óleos vegetais com amidos modificados), em estados físicos diferenciados, podem substituir o oxicloreto de bismuto que, mesmo presente em algumas maquiagem minerais, apresenta potencial alergênico, oferecendo a mesma textura aveludada e a ótima adesão dos pigmentos sem o risco de causar reações alérgicas”, informou Tânia.

    Outro exemplo lembrado por ela vem da argila branca. Rica em frações insaponifi cáveis das espécies vegetais da região amazônica, a argila branca, além de absorver a oleosidade excessiva da pele, substitui parcialmente o talco que é oclusivo à pele e não indicado para peles acnéicas ou com rosáceas.

    “Em produtos líquidos, os óleos vegetais, além de comprovadamente melhorarem o aspecto da pele, são apropriados para a substituição de ésteres de origem petroquímica, podendo ser aplicados em máscaras para cílios e delineadores com bom desempenho na lubricidade e na fi xação aos fios”, acrescentou.

    Além dos óleos, as manteigas vegetais também permitem ação prolongada e proporcionam maior hidratação e melhor fi xação da cor em produtos labiais. Em função de suas propriedades regeneradoras, muitos óleos, argilas e extratos são especialmente recomendados pela Beraca para uso em maquiagem. A tecnologia dos óleos em pó encontra grande receptividade nesse segmento. O óleo em pó de andiroba, por exemplo, favorece a circulação sanguínea, sendo indicado para o emprego em corretivos para aplicação na área dos olhos. O óleo em pó de castanha do Brasil é rico em selênio e indicado para hidratação de peles ressecadas. O óleo em pó de maracujá é rico em Ômega 6 e quando aplicado em maquiagem ainda proporciona a vantagem de oferecer efeito mate e aveludado às fórmulas.



    Recomendamos também:








    0 Comentários


    Seja o primeiro a comentar!


    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *