Cloreto de potássio: importante papel na indústria

Cloreto de potássio: confira os principais setores que fazem uso deste produto químico, além de outras considerações importantes

O cloreto de potássio é fundamental na produção de alimentos, sendo o seu maior consumo destinado para o desenvolvimento de fertilizantes. Desempenha diversas funções vitais nas plantas e se constitui em uma ótima fonte de potássio para diversas culturas.  Confira abaixo mais detalhes dessa aplicação e outros usos relevantes. Boa leitura!

Acesso Rápido no post

O que é cloreto de potássio?
Qual é sua fórmula
Quais são suas principais características?
Para que serve o cloreto de potássio?
Como o cloreto de potássio deve ser manipulado?
Onde comprar o cloreto de potássio?

O que é cloreto de potássio?

O cloreto de potássio, também conhecido como sal de potássio, consiste em um sólido cristalino, branco ou incolor, com diversas aplicações industriais.

Pode ser extraído dos minerais silvita (composto por cloreto de sódio e cloreto de potássio) e a carnalita ou obtido através de outros processos, como subproduto do ácido nítrico a parir de nitrato de potássio e ácido clorídrico.

    Orçamento Rápido

    GuiaQD.com.br

    Informe os produtos que deseja receber cotação.

     

     

    Qual é sua fórmula química?

    Ele é composto por potássio e cloro e representado pela fórmula KCL.

    Quais são suas principais características?

    • CAS: 7447-40-7.
    • É um haleto metálico salino.
    • Aspecto: sólido.
    • Cor: branco.
    • Odor: inodoro.
    • Sabor: salgado.
    • pH: 5,5 – 8,0.
    • Ponto de fusão: 773ºC.
    • Ponto de ebulição:1413ºC.
    • Solubilidade: ele se dissolve água e suas soluções.

    Para que serve o cloreto de potássio?

    Como vimos, a maior parte da produção de cloreto de potássio é destinada para o segmento do agronegócio, sendo utilizado como fertilizante. É considerado uma ótima alternativa para o desenvolvimento das plantas e aumento da produção. Como desvantagem, a depender do solo, aparece a sua alta solubilidade que pode levar a lixiviação (processo de retirada de nutrientes do solo pela entrada da água no subsolo).

    • Setor agrícola: o cloreto de potássio é o principal fornecedor de potássio (K) para as plantas, isto é, contém um nutriente que está envolvido em funções essenciais para o desenvolvimento. Dessa forma, ele contribui para rápida absorção do nutriente, ativação enzimática, síntese proteica, fotossíntese, crescimento celular, regulação do potencial hídrico das células, maior resistência, qualidade do produto agrícola e muito mais.

    Tanto o cloreto de potássio vermelho como o branco apresentam a mesma eficácia na agricultura, diferenciando-se apenas quando a sua origem.

    • Setor químico: este produto químico é usado em análises químicas, soluções tampões, eletrolítico. Também é aplicado como matéria-prima na produção de hidróxido de potássio e do potássio (metal puro).
    • Amaciante de água: sais de cloreto de potássio solto são utilizados para sistemas de amaciamento de água.
    • Indústria alimentícia: ele pode ser utilizado como substituto livre de sódio para o sal de cozinha. Como a molécula do cloreto de potássio é muito semelhante a do cloreto de sódio, a substituição é possível sem que sejam necessárias alterações na formulação para modificar o pH do processo ou a quantidade de água. Quanto ao sabor, o formulador tem que fazer uso de mascarantes (ervas, especiarias, aromas, entre outros) para tirar ou reduzir o sabor residual metálico.

    Outras utilizações do cloreto de potássio neste setor podem ser observadas para retenção da água do processo, maciez do produto, contribuição na etapa de emulsão e muito mais.

    • Saúde: o potássio é importante para várias funções do corpo, em especial para diminuir a pressão arterial, os riscos de doenças cardíacas e derrames, além de garantir o bom funcionamento do coração, músculos e nervos.
    • Indústria farmacêutica: ele é utilizado como suplemento dietético, para o tratamento da hipocalemia e na manutenção dos níveis de potássio no organismo.
    • Setor de cosmético e cuidados pessoais: pode ser aplicado como agente espessante e estabilizador.

    Como o cloreto de potássio deve ser manipulado?

    Embora este produto químico não seja considerado como perigoso conforme a legislação, deve ser manipulado de acordo com as regras gerais de segurança, que incluem a utilização de equipamento de proteção individual. Dentre os EPIs recomendados podemos destacar: óculos de segurança para proteção dos olhos e face; luvas para a proteção da pele; máscara contra pós para proteção respiratória. É importante que a manipulação do cloreto de potássio ocorra em área ventilada ou com sistema geral de ventilação/exaustão local, de forma a evitar a formação de poeiras.

    Medidas de primeiros socorros

    – Em caso de inalação: remover a vítima para local ventilado. Buscar assistência médica;

    – Em caso de contato com a pele: retirar as roupas e sapatos contaminadas e lavar o local afetado com bastante água corrente para remoção do material. Em caso de irritação cutânea, consulte um médico.

    – Contato com os olhos: lavar cuidadosamente os olhos com bastante água, por volta de 15 minutos. Se estiver fazendo uso de lentes de contato, remova-se se for fácil. Caso a irritação ocular persista, consulte um oftalmologista.

    – Em caso de ingestão: Lave a boca da vítima com água em abundância e posteriormente ofereça bastante água. Não induza o vômito. Caso a vítima esteja inconsciente, não ofereça nada via oral. Consulte um médico neste caso.

    Em todos os casos expostos, é recomendado que a vítima leve a FISPQ (Ficha de Informações e Segurança do Produto Químico) no atendimento médico.

    Quanto ao armazenamento é imprescindível manter as embalagens do cloreto de potássio bem fechadas e guardá-las em local seco, limpo e à temperatura ambiente.

    Leia Mais
    Minerais, como o Potássio, ajudam a reduzir o Teor de Sódio dos Alimentos
    Transporte químico: Excesso de normas dificulta a intermodalidade
    O enfraquecimento da indústria química brasileira: ABEQ
    Têxtil: A dinâmica do mercado de algodão
    Produção de Ácido Sulfúrico a partir de Gases Odoríferos: Indústria de Papel e Celulose
    Potassa cáustica – Produção nacional busca ampliar eficiência
    Nutrição animal – Demanda global por carnes explode
    WellFood: Cresce a demanda global por ingredientes funcionais
    Cloro-Potassa – Pan-Americana amplia produção
    Analitica Latin America – Tecnologia aprimora tanto instrumentos sofisticados quanto itens tradicionais

    Onde comprar o cloreto de potássio?

    Para encontrar os principais fornecedores de cloreto de potássio no Brasil, acesse o Guia QD, o mais completo guia eletrônico de compras e vendas do setor químico e importante ferramenta da editora QD para o desenvolvimento de negócios entre fornecedores e compradores.

    Nele, você tem acesso rápido a diversos fornecedores e ainda conta com a facilidade de realizar vários orçamentos de uma só vez para diversas empresas.

    Nenhuma ferramenta do mercado oferece um suporte tão grande como o Guia QD. Experimente essa incrível facilidade e veja como é possível ganhar tempo em suas cotações e agilizar suas compras.

    * cloreto de potássio grau alimentício e farmacêutico
    * cloreto de potássio grau técnico

      Orçamento Rápido

      GuiaQD.com.br

      Informe os produtos que deseja receber cotação.

       

       

      Deixe um comentário

      O seu endereço de e-mail não será publicado.