Petroquímica

Brasil Offshore: Mudanças na política elevam as expectativas em offshore

Antonio C. Santomauro
28 de julho de 2019
    -(reset)+

    Multinacional de origem norueguesa produtora de revestimentos e tintas, a Jotun realçará um sistema, aprovado pela Norsok – uma das principais certificadoras da indústria mundial do petróleo –, desenvolvido especialmente para manutenção das estruturas offshore. “Percebemos que a manutenção é um grande desafio para nossos clientes, pois as soluções de disponíveis nesse mercado sempre foram projetadas e testadas de acordo com os padrões para novas construções. Daí o desenvolvimento desse novo sistema”, observa Fabiano Aguiar, diretor de vendas dos segmentos Marítimo e Protective da Jotun.

    O novo sistema de manutenção da Jotun, ele detalha, é composto por três produtos: Barrier Smart Pack; um primer epóxi rico em zinco, que reforça a vida útil do sistema, reduzindo a preparação da superfície e o custo de aplicação; Jotamastic Smart Pack HB, que oferece alta espessura, acabamento uniforme da película, fácil de aplicar e capaz de oferecer proteção duradoura nos ambientes mais adversos; Hardtop One, com todos os benefícios de um revestimento polisiloxano bicomponente de alta qualidade em um revestimento polisiloxano monocomponente. “Esta é a primeira solução aprovada pela Norsok, em todo o mundo, para aplicação a trincha e rolo em superfícies tratadas mecanicamente (padrão St 3), ou com hidrojateamento”, ressalta Aguiar.

    Superfinishing exibe revestimentos de alta resistência para offshore ©QD Foto: Divulgação

    Superfinishing exibe revestimentos de alta resistência para offshore

    A Super Finishing apresentará seus principais tipos de revestimentos utilizados pela indústria de petróleo e gás; entre eles: Níquel Químico com Interdifusão; Níquel Duroquímico, nas versões alto e médio fósforo; Prata Técnica; Níquel-Lub (marca registrada da empresa). Isso além de diversas opções em pinturas técnicas, dentre as quais se destacam o Ceram Kote (à base de cerâmica), o Bissulfeto de Molibdênio, e as diversas opções em revestimentos à base de PTFE.

    Selagem e mais serviços – Participando da Brasil Offshore desde sua primeira edição, a Swagelok exibirá duas novidades neste ano. A primeira, um serviço de inspeção em campo dedicado a detectar e quantificar vazamentos por meio de equipamentos de ultrassom. “Ele permite não apenas identificar os vazamentos, mas quantificar quanto o cliente está perdendo com eles”, afirma Elvis Yoshio, gerente de marketing da Tecflux, representante exclusiva no Brasil da Swagelok.

    A outra novidade dessa fornecedora de soluções para sistemas de fluidos – líquidos ou gasosos – será uma solução para selos mecânicos que inclui planos de selagem de acordo com a norma API 682, conexões alongadas e outros acessórios. “Além de expor nossos principais produtos, como as conexões dupla anilha, válvulas para instrumentação, mangueiras, reguladores de pressão e filtros, reforçaremos a posição da Swagelok como provedora de soluções, divulgando nossos serviços de treinamentos, inspeções em campo, sistema completo de solda orbital, unidades de teste hidráulicas para média e alta pressão e montagens de sistemas realizadas em nossa célula de Soluções Integradas”, complementa Yoshio.

    A provedora de soluções de vedação industrial a Eagleburgmann apresentará a tecnologia DiamondFace, para aplicações de selos em bombas, compressores e agitadores para diversos segmentos, além de O&G: químico, mineração, indústria farmacêutica e tratamento de água, entre outros. Contando com revestimento de diamantes de até 8 µm de espessura, essa tecnologia torna as faces de selagem extremamente resistentes ao desgaste, e mantém características de excelente condutibilidade térmica, elevada resistência química e baixa fricção.

    As indústrias químicas e de cosméticos, informa Rogério Pereira Guerra, gerente regional da Eagleburgmann, já utilizam a tecnologia Diamond Face no Brasil. “Também levaremos outros produtos de nosso portfolio para essa edição da Brasil Offshore, com destaque para juntas de expansão para diversas aplicações, e sistema de vedação tipo labirinto (ESPEY)”, detalha Guerra.



    Recomendamos também:








    0 Comentários


    Seja o primeiro a comentar!


    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *