Notícias

Analítica: Feiras crescem para atender novos setores

Quimica e Derivados
12 de julho de 2002
    -(reset)+

    FLOWSCIENCE

    Uma das atrações da empresa é a plataforma automatizada para dissolução Zymark MultiDose G3 para as áreas de desenvolvimento, testes de estabilidade ou controle de qualidade. Pode ser acoplada a qualquer banho de dissolução, com exigência mínima de tempo de atenção do analista para a configuração inicial. O equipamento otimiza a produtividade para

    Química e Derivados: Feiras: Plataforma automatizada Zymark Multidose G3.

    Plataforma automatizada Zymark Multidose G3.

    testes de dissolução para os apparatus USP I e II, com ou sem sinkers. Se operar com 50% de sua capacidade pode liberar até dois analistas, garante a empresa. Possibilita, ainda, testes de comparação de padrão e controle às amostras, a fim de indicar resultados fora de especificação. Mas se ocorrer erros o sistema de rastreamento de segurança secure audit trail ajuda a acelerar a investigação do problema. O MultiDose realiza estudos comparativos e alterações de meio e volume para cada frasco durante uma corrida.

    A troca de meio e alteração de velocidade das pás são possíveis em uma corrida e o sistema possui um software com assinaturas eletrônicas para autorização de métodos e resultados de testes. Além disso, atende aos requerimentos para registros eletrônicos da CFR21 Part 11 e com os parâmetros harmonizados da farmacopéia americana, européia e japonesa para os testes de dissolução e pode ser validado com a utilização dos rigorosos protocolos IQ, OQ e PQ da Zymark. Outro equipamento exposto será o TurboVap LV Concentration Workstation, substituto dos evaporadores tipo Kuderna-Danish, Rota-Vapor por vácuo e os por nitrogênio Blow-Down. É um concentrador de amostras de 50 posições, alta velocidade, pequenos volumes e operação automática desatendida. Não tem necessidade da utilização de capelas e opera em bancada normal, além de possuir racks disponíveis para uma grande variedade de tubos de amostras. Tem um dispositivo, ou seja, um sinal audível, que avisa se a evaporação terminou. O TurboVap é usado em laboratórios químicos com aplicações em meio ambiente, farmacêutica, toxicologia, forense, clínicos, petroquímica, farmacocinética, biotecnologia, dentre outros. O terceiro equipamento exposto é o RapidTrace, uma estação de alta demanda para extração em fase sólida (SPE), a qual possui diversas aplicações nas áreas forense, clínica e farmacêutica. O sistema realiza, automaticamente, todos os passos de um SPE, ou seja, o condicionamento do cartucho, a injeção de amostra, o rinse e a eluição. Possui ferramentas para tornar fácil o processo de desenvolvimento de métodos e utiliza um motor de passo que aplica uma pressão positiva constante para assegurar taxas de fluxos reprodutivas.

    HIPPERQUÍMICA

    Química e Derivados: Feiras: Agitador mecânico Velp - autocorreção.

    Agitador mecânico Velp – autocorreção.

    As novidades da empresa ficam por conta de vários produtos da linha laboratorial, incluindo vidrarias comuns e especiais, porcelanas, ferragens e reagentes de diversas marcas. Destacam-se o Colleman, reagentes HPLC, especiais e soluções fatoradas. Os agitadores mecânicos e magnéticos Velp têm um sistema de autocorreção em função da mudança de viscosidade, agitadores magnéticos sem motor e também com iluminação para facilitar a visualização de pontos de viragem em titulação e bomba peristáltica. Outro produto lançado é a balança analítica Shimadzu. Para a Hipperquímica, esses aparelhos se diferenciam por apresentar Windows Direct. Isso quer dizer que não há necessidade de nenhum software especial para interfacear com planilhas eletrônicas, banco de dados, processadores de textos e softwares de laboratórios, mas apenas um cabo. A leitura da balança aparece na posição do cursor. Em seu estande, a empresa terá disponível também as balanças semi-analíticas com 0,01 e 0,001 grama.

    Já a estufa a vácuo Jeio Tech é ideal para secagem rápida de materiais que exigem a conservação de suas características durante o processo. Isso acontece porque o equipamento opera com temperaturas menores da atmosfera ambiente, além de dispor de uma janela de visão ampla para monitorar, continuamente, o ensaio. O Jeio Tech tem um interruptor limite de temperatura mecânico, o qual previne o superaquecimento se operado automaticamente. A linha Bel Art tem barras magnéticas duplamente imantadas, pêras pipetadoras de três vias, pipetador de roldana tipo pip pump, pissetas com diamante de Hommel, suporte de pipetas e luvas de algodão para altas temperaturas.

    IBRAM

    O Grupo Ibram, especializado em projeto, fabricação e instalação de móveis para laboratórios vai lançar uma capela de exaustão de gases com gabinete independente e estrutura reforçada, painéis de comando em alumínio pintado, sistema elétrico separado do hidráulico e de gases. Além disso, a capela tem válvulas de comando específicas para cada fluido, embora a de gás possua sistema de segurança no próprio comando. As válvulas ficam no fundo da capela e o tampo de resina epoxy preto tem bojo em alto relevo para o líquido não seguir para a rede de esgoto. Tanto as válvulas de comando, o tampo e o medidor de fluxo de ar são importados. O equipamento possui também temporizador. Os outros três lançamentos são tampos, de cerâmica antiácido monolítico e de vidro antiimpacto e castelo, todos da Burdinola.



    Recomendamos também:








    0 Comentários


    Seja o primeiro a comentar!


    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *