Amônia: conheça sua importância e riscos

Amônia: não deixamos nada de fora! Veja o que é, fórmula química, características, aplicações e mais    

A amônia é um reagente químico utilizado para várias aplicações industrias, sendo sua maior produção destinada para a fabricação de fertilizantes agrícolas. Veja a seguir mais informações e outras aplicações possíveis para este produto químico!

Acesso Rápido no post

O que é amônia?
Qual é a fórmula da amônia?
Quais são suas características?
Como o obter a amônia?
Aplicação na indústria
Manuseio da amônia
Onde encontrar fornecedores de amônia

O que é amônia?

Trata-se de um composto inorgânico incolor, de odor forte, alcalino, que normalmente se apresenta na forma gasosa, mas também pode assumir a forma líquida.

Outras denominações além de amônia, como amoníaco ou gás amoníaco, são reconhecidas.

    Orçamento Rápido

    GuiaQD.com.br

    Informe os produtos que deseja receber cotação.

     

     

    Qual é a fórmula da amônia?

    Sua fórmula molecular é NH3 ou H3N, sendo assim um composto químico que possui um átomo de nitrogênio ligado a três átomos de hidrogênio, organizados em uma estrutura piramidal triagonal através de 3 ligações simples.

    A amônia constitui-se em dos compostos com nitrogênio mais abundantes na atmosfera.

    Quais são suas características?

    • Gás: ele pode ser comprimido facilmente sob pressão, formando um líquido transparente.
    • Alcalino;
    • Incolor;
    • Odor forte e característico, muito irritante;
    • Muito solúvel em água: dissolve-se em água para formar uma solução de hidróxido de amônio.
    • Solúvel em outros compostos orgânicos, como álcoois.
    • Tóxico;
    • Corrosivo: em razão da sua ação corrosiva, poder ser irritante à pele, mucosas e às vias respiratórias, podendo ocasionar danos graves;
    • Inflamável;
    • Massa molecular: 17,03 g/mol;
    • Densidade: 0,6942 g/L;
    • Temperatura de fusão: -77,7 °C;
    • Temperatura de ebulição: -33,3 °C;
    • Acidez (pKa): 9,25.

    Como o obter a amônia?

    Na natureza ou por fontes artificiais, a amônia pode ser encontrada. No ar atmosférico, ela pode ser encontrada naturalmente através da decomposição da matéria orgânica. Por bactérias, plantas e animais em decomposição e resíduos de animais, ela pode ser produzida.

    A maior parte da amônia utilizada é sinteticamente produzida, sendo um dos compostos mais desenvolvidos pela indústria química. Por meio do processo de síntese conhecido como Haber-Bosch, nomenclatura que homenageia os cientistas que descobriram este processo no século XX, respectivamente Carl Bosch e Fritz Haber, a amônia é obtida em escala industrial.

    O processo Harber Bosch é o meio para obtenção mais utilizado atualmente, que consiste na reação entre átomos de hidrogênio (h2) e nitrogênio (N2) a partir de um catalisador sob alta temperatura e pressão para produzir o NH3.

    Aplicação na indústria

    O uso da amônia é verificado em diversos setores industriais, graças a sua enorme versatilidade. Confira abaixo alguns produtos que são feitos com amônia e setores que mais a utilizam.

    • Fertilizantes: a maior parte da amônia produzida se destina para a produção de fertilizantes, como sulfato de amônio, nitrato de amônio, ureia, fosfato de amônio, sais de amônia.

    Os fertilizantes desenvolvidos com a amônia, por exemplo, o nitrato de amônia, são extremamente importantes na agricultura, visto que são capazes de oferecer o nitrogênio, um dos macronutrientes primários, ao lado do fósforo (P) e do potássio (K). O nitrogênio é necessário para o crescimento e desenvolvimento da planta, através da composição das proteínas, clorofila, alcaloides, hormônios, enzimas e vitaminas.

    Vale dizer que o nitrato de amônio é o resultado de uma reação entre amônia e o ácido nítrico.

    • Plástico;
    • Borracha;
    • Ácido nítrico: usado na produção de diversos produtos, incluindo fertilizantes agrícolas, explosivos, produtos de limpeza, tintas, corantes entre outros.
    • Refrigeração industrial: a amônia é usada para substituição do uso de gases CFCs (clorofluorcarbonetos) na refrigeração em indústrias;
    • Produtos de limpeza, tanto domésticos como para uso industrial: desinfetantes, amaciantes de roupas, sprays limpadores, espumas de limpeza de forno, limpadores de vasos sanitários, removedores de cera;
    • Tratamento de efluentes e resíduos industriais;
    • Purificação da água;
    • Explosivos: amônia é utilizada como fonte de nitrogênio para fabricação de explosivos;
    • Produtos químicos;
    • Corantes;
    • Agroquímicos;
    • Indústria de alimentos e bebidas: amônia é utilizada neste setor como estabilizante;
    • Produtos farmacêuticos;
    • Indústria têxtil: a amônia é usada na produção do nylon;
    • Indústria do papel e celulose;
    • Indústria petroquímica.amonia

    Leia Mais
    Transporte químico: Excesso de normas dificulta a intermodalidade
    Tecniplas e o combate à corrosão
    (Micro)Algas como plataformas para a produção de químicos
    Lactato de laurila para estabilização da ureia: ABC
    Exemplos de excipientes utilizados na indústria farmacêutica
    O reúso de efluentes em torres de resfriamento
    Resinas fumáricas: veja suas principais aplicações e mais detalhes
    Ditionito de sódio ou Hidrossulfito de Sódio

    Manuseio da amônia

    É necessário muito cuidado ao manusear a amônia, visto que é um produto perigoso, tóxico, corrosivo e inflamável. Sua inalação pode ocasionar, como vimos, irritação e queimadura, tosse, dificuldade respiratória, queimadura, inflamação aguda do sistema respiratório, edema pulmonar, cegueira e até mesmo a morte. Dessa forma, a manipulação precisa ocorrer de acordo com as regras de segurança que incluem a utilização de equipamento de proteção individual, como máscaras panorâmicas contra vapores alcalinos, máscara de fuga, luvas de borracha ou plástico, aventais de borracha ou plástico, óculos de segurança e calçados adequados.

    Medidas de primeiros socorros:

    – Em caso de contato com os olhos: deve-se lavar os olhos rapidamente com água corrente, por aproximadamente 15 minutos, levantando as pálpebras. Se a vítima estiver usando lentes de contato, é bom retirá-las se for possível. Depois, é recomendado procurar um atendimento médico com urgência.

    – Em caso de contato com a pele: este produto pode causar irritação e queimadura. Após retirar as roupas e sapatos contaminados, a vítima precisa lavar o local atingido com água corrente em abundância durante 15 minutos.

    – Em caso de Inalação: a amônia pode provocar irritação nas vias respiratórias, boca, garganta e estomago, além de inflamação aguda no sistema respiratório. É preciso remover a vítima para local ventilado e administrar oxigênio, se possível.  Em seguida, o acidentado deve ser levado rapidamente ao hospital mais próximo para atendimento médico.

    – Em caso de ingestão: a amônia, se ingerida, pode ocasionar queimaduras na boca, faringe, esôfago e estômago. É importante não induzir o vômito, portanto, se oferecida água deve ser ingerida aos poucos. O atendimento médico deve ser procurado o mais rápido possível.

    A amônia deve ser guardada em cilindros, os quais devem ser armazenados em área ventilada, distante de calor e de todos os tipos de chamas abertas ou faísca.

    Teste de Amônia

    Onde encontrar fornecedores de amônia?

    Já conhece o guia QD, a mais completo e eficiente guia eletrônico de compras e vendas do setor químico?  É o melhor lugar para você achar os principais fornecedores de amônia do Brasil.

    Também se destaca por ser uma excelente ferramenta para realização de negócios. Através do Guia QD, você consegue solicitar vários orçamentos para diferentes contatos de uma só vez, otimizando o serviço dentro da sua empresa.

    Ganhe tempo com seus orçamentos, comece agora a utilizar o Guia QD.

      Orçamento Rápido

      GuiaQD.com.br

      Informe os produtos que deseja receber cotação.

       

      Deixe um comentário

      O seu endereço de e-mail não será publicado.