Meio Ambiente (água, ar e solo)

Ambiente – Serra gaúcha tem aterro ISO 14000

Fernando C. de Castro
14 de agosto de 2009
    -(reset)+

    P+L – Embora administrar um aterro de resíduos sólidos numa microrregião se constitua numa tarefa de alta responsabilidade, as metas são mais ousadas. Os preceitos da produção mais limpa pousaram nos domínios da Proamb. Na medida do possível, a entidade está ajudando os empresários a diminuir a emissão de efluentes e a economizar com matérias-primas. Para tanto, existe uma equipe multidisciplinar, formada por um engenheiro químico, uma engenheira ambiental e um técnico ambiental.

    Química e Derivados, Tatiana Merlo, Especialista em geração e produção mais limpa, Andressa Brandalise, Assessora ambiental da Proamb, Ambiente

    Tatiana Merlo (esq.) e Andressa: Proamb estimula a adoção dos conceitos de produção limpa

    A equipe é gerenciada por Tatiana Merlo, especialista em geração e produção mais limpa. Ela conta que numa indústria moveleira, outro carro-chefe da economia local, a implantação de um programa de melhoria da qualidade da cola de borda dos móveis reduziu financeiramente em R$ 21,2 mil por ano o consumo de adesivos. Além disso, 500 quilos de resíduos classe I não foram mais descartados nas valas do ARIP.

    Outra empresa investiu na diminuição do uso de solventes e passou a economizar R$ 35 mil por ano na compra desse material. Conseguiu ainda uma redução de 20% de resíduo no efluente. Uma terceira firma, do segmento galvânico, reduziu em R$ 5 mil por ano o custo de tratamento de efluentes e cortou em 120 m³ o consumo de água. “O objetivo é não gerar. Por enquanto ainda impera o fim de tubo, suja para ver depois o que se faz”, criticou.

    Tatiana destaca os diversos convênios existentes entre a Proamb e universidades da Europa e a participação da entidade em feiras e congressos internacionais. Em sua opinião, o intercâmbio de informações e tecnologias garante a atualização permanente da equipe técnica e resulta no reconhecimento positivo da qualidade do serviço prestado pela entidade. Esmero com o meio ambiente é sempre uma ótima notícia. Está aí um exemplo a ser seguido.



    Recomendamos também:








    0 Comentários


    Seja o primeiro a comentar!


    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *