Agronegócio, defensivos agrícolas e fertilizantes

Agronegócio – Seca frustra safra e deixa dívidas no Sul

Fernando C. de Castro
26 de março de 2005
    -(reset)+

    Também foram montadas estações demonstrativas de plantio com soja, feijão, amendoim, milho comum e de pipoca. Ao controle das pragas do milho a Basf oferece o Opera, o Sanson 40 SC, o Sistema de Produção Clearfield Milho e o Nomax. O Opera atua sobre insetos e o Nomax ataca as ervas daninhas de folhas largas e estreitas simultanea-mente. Lançado em 2004, o herbicida Alteza 30 SL permitiu a expansão do portfólio de produtos da Basf, sendo apresentado como fórmula de excelente custo-benefício para o produtor rural. Outro diferencial é sua ação prolongada, limitada, na maioria dos casos, a uma única aplicação do produto no combate às ervas daninha da soja.

    Química e Derivados: Agronegócio: Mânica pede renegociação para produtores de insumos. ©QD Foto - Fernando de Castro

    Mânica pede renegociação para produtores de insumos.

    Eficiente e recomendado para uso em tratamento de sementes, o inseticida Standak combate com alta eficiência as principais pragas de solo as quais atacam, principalmente, as lavouras de soja e as culturas de milho, inclusive as ferrugens. O Comet, voltado para a cultura do feijão, é outro fungicida sistêmico que proporciona uma ação rápida e prolongada no controle da antracnose e da ferrugem. O Comet também protege a planta até o final do ciclo e possibilita melhor qualidade e maior produtividade.

    A Bayer Cropscience apresentou dois novos produtos de última geração com entrada no mercado ainda no primeiro semestre deste ano. Um é o Nativo, fungicida à base de estrobilurina e triazol com alto desempenho no controle das principais doenças fún-gicas da parte aérea do trigo como o oídio, a ferrugem da folha, manchas foliares e giberela. Já o Connect é um inseticida, indicado para o controle de percevejos da cultura da soja. Trata-se de uma nova proposta no mercado, com o benefício de um melhor período de controle da praga.

    Entre as formulações para produção de nitrogênio, a Pfizer continua a investir no mercado por meio do Cofermol-Plus. Trata-se de formulação líquida fruto da combinação do cobalto e do molibdênio quelatizados e outros componentes ativadores de bactérias fixadoras de nitrogênio aplicados nas sementes das leguminosas. O Cofermol-Plus se adapta às plantações de soja, feijão, vagem, ervilha, alfafa e amendoim, milho, trigo, arroz, girassol, café, frutas e hortaliças.

    Da mesma forma, mas com con-ceito químico diferente, a Nipon Agri apresentou sua linha de inoculantes. Diferente da composição da Pfizer, esses produtos atuam por meio de um concentrado de bactérias, que produzem o nitrogênio direto na semente. Podem ser aplicadas também com o micro-nutriente Nipo Micro, o fertilizante mineral da Nipon, também formulado à base de cobalto e molibdênio.

    Já a Sipcam mostrou três linhas básicas de produtos. O Extrazin é um herbicida direcionado às lavouras de milho, mas com aplicação expansível às culturas do abacaxi, da cana-de-açúcar, pinus, sisal e seringueira. Para o combate aos fungos e outras doenças de final de ciclo, a empresa conta com o Domark, aplicável às lavouras da soja, tubérculos de maneira geral, café, maçã, uva, abóbora, pepino, melancia, cenoura, banana, mangagradíolo, entre outros. Já para o uso ao longo de todo o período da cultura a Sipcam vem ofertando ao mercado o Isatalonil 500 C. É adequado principalmente às culturas do feijão, amendoim, cenoura e algumas frutas como tomate e maçã.

    A Ipiranga, por sua vez, levou a linha de óleos supressores de pó, Encaplus Agro. São formulações de alta pureza em conformidade com o Food and Drug Administration (FDA), dos Estados Unidos, e destinados às aplicações onde ocorra o contato direto das partículas de pó presentes em silos e armazéns. Todos os óleos da linha Encaplus são inodoros, incolores, insípidos e não fluorescentes sob presença da luz. O refino ocorre a partir de frações de destilados de petróleo em elevados índices de pureza. Contém vitamina E na composição como forma de evitar a oxidação. Segundo o fabricante essa linha de produtos não afeta a qualidade dos grãos nem interfere no processo de secagem e moagem. Como supressor de poeira durante o manuseio e a esto-cagem pode ser aplicado no grão com ou sem casca.



    Recomendamos também:








    0 Comentários


    Seja o primeiro a comentar!


    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *