Acetato de Butila: o que é, propriedades e muito mais

Conheça o acetato de butila, um importante solvente utilizado na indústria de tintas, farmacêutica e outros setores essenciais

O acetato de butila é uma substância química extremamente versátil e utilizada amplamente por diversos setores industriais. Graças as suas propriedades físicas de solvente, dispersante e dissolvente, têm destaque na indústria de tintas e vernizes, química e farmacêutica.

Acesso Rápido no post

O que é acetato de butila?
Fórmula Química
Características:
Para que serve?
Manuseio
Onde encontrar fornecedores de acetatos?

O que é acetato de butila?

O acetato de butila, também chamado de etanoato de butila, consiste em um líquido transparente, volátil, inflamável e com cheiro característico de fruta, que lembra o aroma de banana ou maçã.

Sua obtenção é feita por esterificação do ácido acético com o n-Butanol (solvente orgânico, miscível em diversos solventes orgânicos e com relativa solubilidade em água).

Apresenta ainda outra denominação, sendo conhecido como éster butílico do ácido acético.

    Orçamento Rápido

    Informe os produtos que deseja receber cotação.

     

     

    Fórmula Química

    Sua fórmula química é C6H1202.

    Substância orgânica da classe éster, mais especificamente da família dos ésteres acéticos e, portanto, utilizado como solvente polar. Outros solventes polares são a água, metanol, acetona e etanol.

    Características

    • Líquido aquoso;
    • Incolor;
    • Odor Frutal (banana ou maçã);
    • CAS: 123-86-4.
    • Baixa viscosidade: essa propriedade facilita a sua aplicação em formulações líquidas;
    • Baixa solubilidade em água;
    • Estável, em condições normais.
    • Volátil (evapora fácil em condições normais).
    • Miscível em hidrocarbonetos, cetonas, ésteres e álcoois;
    • Ótima solubilidade nas resinas sintéticas (acrílicas, alquídicas e fenólicas modificadas) e naturais (breu esterificado);
    • Possui propriedades de solvente, dispersante e dissolvente. Ao desempenhar a função de solvente, o acetato de butila consegue dissolver outras substâncias, formando uma solução homogênea. Como dispersante, ele é capaz de manter as partículas de substância suspensas na solução; E por fim, ao exercer a função de dissolvente, ele consegue dissolver ou dispersar uma outras substâncias.
    • Produtos e materiais incompatíveis: matérias oxidantes fortes, agentes redutores, bases fortes, tertbutóxido de potássio.
    • Produto inflamável: ele pode ser queimado facilmente.

    Leia Mais
    Abrafati Show 2022: Novidades da Feira
    Tintas e Revestimentos – Solventes: Linhas commoditizadas sofrem mais com o avanço das importações
    Acetato de etila: fórmula, propriedades, aplicação e muito mais
    Acetato de sódio: conceito, aplicação e muito mais
    Acetato de cobre: informações e detalhes em um só lugar
    Acetato de Amônio: tudo que você precisa saber sobre esse produto
    Acetato de Chumbo: veja conceito, aplicação e outras informações
    Acetato de Amila: confira detalhes e outras informações

    Para que serve?

    Em razão do seu alto poder de solvência, é muito procurado, como dissemos, pelo setor industrial, em especial a indústria de tintas e vernizes, química, de adesivos, farmacêutica e cosmética. Ele é usado como como dissolvente para tintas, resinas, adesivos e outros produtos químicos, o que significa que ele age como um meio para dissolver outras substâncias até formar uma solução homogênea, permitindo sua dispersão e mistura.

    Confira abaixo suas principais aplicações.

    • Tintas e revestimentos: usado para garantir uma boa aplicação e secagem uniforme.
    • Vernizes, lacas e esmaltes;
    • Thinner: ele é utilizado como solvente em thinner;
    • Couro natural e artificial;
    • Adesivos e colas: nos adesivos ele é aplicado para unir materiais diferentes;
    • Extração de óleos e gorduras;
    • Óleos secativos;
    • Indústria farmacêutica (gotas oftálmicas, sprays e gotas para o nariz e suspensões orais);
    • Indústria química: o acetato de butila é apicado como intermediário na produção de outros produtos, como resinas e plastificantes;
    • Cosméticos: perfumes, batons, base, loções, cremes e sprays para cabelo;
    • Produtos de limpeza: usado em removedores de verniz e em outros produtos para dissolver sujeiras;
    • Limpadores de superfícies;
    • Balas, doces e biscoitos: o acetato de butila é usado como flavorizante artificial (serve para dar sabor ou aroma a outros produtos).

    Vale dizer que sua aplicação direta em medicamentos e alimentos não é recomendada.

    Manuseio

    Tendo em vista que o acetato é um produto volátil e inflamável, é recomendado o respeito as regras gerais de segurança e higiene industrial durante o seu manuseio, que incluem a utilização de equipamento de proteção individual e a adoção de equipamento de proteção coletiva.

    Os EPIs, como luvas e óculos de proteção, servem para evitar o contato do produto a pele, os olhos, membranas mucosas e trato respiratório, de forma a garantir o bem estar e saúde dos colaboradores. Ele pode ser tóxico, caso seja inalado ou ingerido.

    Uma boa ventilação no local de trabalho, inclusive com a ventilação local exaustora, é uma medida importante para diminuir o risco à saúde e integridade das pessoas. Esta enquadra-se nos equipamentos de proteção coletiva, que como o próprio nome surge, oferecem uma segurança ampliada, para além do colaborador que está manipulando o produto.

    Algumas medidas de prevenção de incêndio e explosão também ser observadas, como: evitar faíscas de origem elétrica, eletricidade estática, entre outras; não fumar; todos os elementos condutores do sistema em contato precisam ser aterrados eletricamente; não efetuar transferência do produto sob pressão de ar ou oxigênio; evite o acúmulo de cargas eletrostáticas.

    Medidas preventivas:

    –  Em caso de inalação: Remova a vítima para local arejado e mantenha-a tranquila. Logo em seguida, procure assistência médica com urgência. Se possível, leve o rótulo do produto.

    – Em caso de contato com a pele: Retire imediatamente a roupa e sapatos contaminados e lave o local com água em abundância, por aproximadamente 20 minutos, ou tome uma ducha. Procure assistência médica imediatamente e leve o rótulo do produto. A vestimenta deve ser lavada antes da reutilização.

    – Em caso de contato com os olhos: lave os olhos com água em abundância, por vários minutos, mantendo as pálpebras abertas com o auxílio dos dedos. Use, de preferência, um lavador de olhos. Se estiver com lentes de contato, retire-as antes de lavar, se possível.  Aqui também é recomendado procurar assistência médica com urgência, com a posse do rótulo do produto.

    – Em caso de ingestão: O vômito não deve ser provocado. Se a vítima estiver, consciente lave a boca com água em abundância. Nunca forneça nada pela boca a uma pessoa contaminada. Acione um médico imediatamente e leve o rótulo do produto.

    Onde encontrar fornecedores de acetatos?

    Os principais fornecedores de acetatos podem ser encontrados no Guia QD, o mais completo guia eletrônico de compras e vendas do setor químico e importante ferramenta da editora QD para o desenvolvimento de negócios entre fornecedores e compradores.

    Através dessa extraordinária ferramenta, você consegue encontrar rapidamente as empresas que procura e ainda tem a facilidade de solicitar vários orçamentos para diferentes fornecedores de uma só vez e em um só lugar.

    Com apenas alguns cliques, você encontra o que procura, otimiza o trabalho da sua empresa e ganha tempo para realizar mais negócios. Acesse agora o Guia QD e veja como é fácil, rápido e eficiente!

      Orçamento Rápido

      Informe os produtos que deseja receber cotação.

       

      Deixe um comentário

      O seu endereço de e-mail não será publicado.