Tinta do futuro incorpora novas funções e reforça a sustentabilidade setorial: ABRAFATI

O tema central do Abrafati 2009 – “A tinta do futuro” – não podia ser mais oportuno. Além de revelar o empenho da Associação Brasileira dos Fabricantes de Tintas (Abrafati) em disseminar o conhecimento e colaborar com as indústrias para desenvolver novos projetos, o tema instiga profissionais e pesquisadores a renovar práticas nas fábricas, movidos pela crença de oferecer um futuro melhor às novas gerações.

Essa vai ser a tônica de grande parte das apresentações, debates e inovações que acontecerão durante a 11ª Exposição Internacional de Fornecedores para Tintas e no 11º Congresso Internacional de Tintas, eventos que serão realizados pela Abrafati, de 23 a 25 de setembro, das 11 às 21 horas, no Transamerica Expo Center, em São Paulo. A sessão plenária inaugural convergirá para essa temática, mostrando como as tintas podem contribuir para o avanço da sociedade tanto do ponto de vista do conforto, quanto em sustentabilidade. Essa plenária será apresentada por Fernando Val y Val Peres, presidente do conselho diretivo da Abrafati, e também apontará caminhos a serem trilhados no futuro pelo setor. “As tintas do futuro incorporarão funcionalidades que facilitarão a vida do usuário, como a mudança de cor conforme a iluminação e a autocorreção de arranhões na pintura dos carros”, comentou. Essa plenária terá lugar imediatamente após a cerimônia oficial de abertura dos eventos, a ser comandada por Peres, acompanhado pelo presidente-executivo da entidade, Dílson Ferreira, no dia 23 de setembro, às 8 horas.

Mostrar as novas tendências de mercado, evidenciando como a tecnologia e a sustentabilidade aportam inovações para formular a tinta do futuro, é o tema que Luis Fernández, vice-presidente global da Dow Coating Materials, apresentará na segunda plenária do Abrafati 2009, agendada para o dia 23, às 17 horas.

A terceira plenária, marcada para as 8h30 do dia 24, tratará da escolha de matérias-primas e processos menos agressivos e já disponíveis às indústrias. Ela será conduzida por Lewis E. Manring, vice-presidente de tecnologia da DuPont Coatings & Color Technologies. Os participantes da plenária conhecerão mais a fundo o que hoje influencia o mundo das tintas nas áreas de matérias-primas renováveis, nanomateriais, aquecimento global, sustentabilidade, tópicos e tecnologias que já norteiam e deverão continuar a direcionar as inovações em tintas de forma cada vez mais rápida, propulsionando a sua evolução.

Maratona técnica – A associação investiu meses de preparação e muita organização para reunir a lista final de 120 expositores, em sua maior parte fornecedores globais, além de receber e avaliar os 130 trabalhos inscritos no congresso. Dessa seleção, resultaram 72 conferências técnicas de 50 minutos cada, que serão divididas em três dias pelos seis auditórios do recinto. Sem contar a exposição permanente de 25 pôsteres.

Ao congressista, cabe se preparar para acompanhar essa verdadeira maratona de apresentações e de sessões plenárias sobre o setor, e participar de mesas-redondas sobre logística aplicada às indústrias do setor, tema pela primeira vez proposto pelos organizadores.

“O Abrafati 2009 oferecerá ao público grandes novidades, como seminários que abordarão sistemas de cura de tintas e revestimentos por radiação ultravioleta, programados para todos os dias, a partir das 15 horas, em parceria com a RadTech South America, a antiga Associação Técnica Brasileira de Cura por Radiação”, informou Jorge Manuel Rodrigues Fazenda, coordenador do comitê científico do 11º. Congresso Internacional de Tintas.

No dia 23, no auditório 6, das 10h55 às 11h45, o congressista está convidado a acompanhar palestra sobre nanopartículas inorgânicas como absorvedores de raios UV em revestimentos e tintas. Tendo como conferencistas o doutor Wilfried Scholz e o especialista Thomas Sawitowski, ambos da BYK, o tema irá posicionar os revestimentos externos em patamar superior de tolerância e resistência ao oxigênio, à umidade, à luz solar, às radiações UV e aos produtos químicos agressivos, graças à presença de nanopartículas inorgânicas que atuam como absorvedores de UV, oferecendo estabilidade de longo prazo aos materiais.

Também no dia 23, especialistas da Basf estarão a postos no auditório 1, das 10 às 10h50, para apresentar novos pigmentos para as tintas do futuro. No auditório 2, especialista da Evonik, no mesmo horário, discorrerá sobre colorantes com a utilização de tecnologias únicas e de menor impacto ambiental.

Equacionar os VOCs – A recorrente preocupação de pesquisadores e fornecedores com a redução dos níveis de VOCs (compostos orgânicos voláteis) será aprofundada nesse congresso como se verá em várias conferências. Uma delas será proferida por especialista da Carbono Química. No auditório 4, das 10 às 10h50, ele abordará as formulações em conformidade com VOC. No auditório 5, especialistas da Oxiteno, das 10h55 às 11h45, tratarão da redução de VOCs em formulações de tintas e vernizes, com o uso de nova geração de ésteres.

Além de tradicionais e renomados fornecedores de matérias-primas, o congresso contará com a destacada presença de fabricantes de tintas, como a Sherwin-Williams do Brasil, responsável pela apresentação no dia 23, das 13h15 às 14h05, no auditório 1, de palestra sobre pintura de superfícies aquecidas até 260ºC e proteção anticorrosiva sob isolamento térmico.

Ainda no dia 23, no mesmo auditório, das 14h10 às 15 horas, um especialista da Reichhold do Brasil destacará o uso de polióis acrílicos em base água para sistemas uretânicos, comparando o seu desempenho com os sistemas em base solvente de alto teor de sólidos, com o propósito de alcançar níveis mais baixos de VOCs. Como já se sabe, os polióis acrílicos permitem formular produtos bicomponentes de elevado desempenho e durabilidade, mas o mercado mundial busca sistemas com menos VOCs. As primeiras tecnologias nesse sentido associavam sistemas de base solvente com alto teor de sólidos. O estudo explica que essa alternativa alcança níveis de VOCs em torno de 300 g/l, que não mais atendem às novas exigências. Os sistemas uretânicos bicomponentes em base água conseguem oferecer níveis de VOC entre 30 e 100 g/l.

Na manhã do dia 24, as explanações abordarão a fábrica de tintas do futuro, incluindo boas práticas de fabricação e de controle microbiológico (Ipel-Itibanyl, auditório 3, das 10h55 às 11h45) e as tecnologias verdes para tintas metálicas à base de água (Bayer, auditório 3, das 10 às 10h50). Também poderão ser vistos os revestimentos livres de solventes e baseados em nanofluidos (Eastern Michigan University, auditório 2, das 10 às 10h50), além da nova geração de modificadores de reologia de alta performance em base água, isenta de voláteis e de alquilfenóis etoxilados (Cognis, auditório 5, das 10 às 10h50). À tarde, neste mesmo dia, será a vez da síntese de resinas alquídicas via catálise enzimática (Killing S/A e UFRGS, auditório 1, das 13h15 às 14h05), focalizando os resultados de estudo de aplicação de biotecnologia na fabricação de resinas alquídicas, via catálise enzimática na transesterificação de diversos óleos, principalmente de soja, com glicerol. No mesmo horário, no auditório 2, especialistas da Dow Chemical Company apresentam nova geração de surfactantes que não agridem o meio ambiente para tintas de decoração. Das 14h10 às 15 horas, caberá à Reichhold do Brasil, no auditório 1, explicar como contribuir para um futuro sustentável com a linha Beckosol Aqua (látex alquídico) na formulação de esmaltes sintéticos em base água, nova tendência em tintas.

Será conveniente reservar fôlego para o terceiro e último dia de congresso, 25, sexta-feira. No período da manhã, destacam-se: baixo odor e resistência à abrasão – nova geração de resinas APEO-free (Basf, auditório 1, das 10 às 10h50); metodologia de redução de carga de VOC de tintas, baseada na reatividade fotoquímica (Rhodia Poliamida e Especialidades, auditório 3, das 10 às 10h50); obtenção de nanopartículas para a área de tintas por meio de moagem por moinho de microesferas e moinhos a jato de ar (Netzsch, auditório 1, das 10h55 às 11h45); revestimentos autocicatrizantes (self-healing) – desenvolvimento de novas tecnologias (Dow, auditório 2, das 10h55 às 11h45) e novas tecnologias em pigmentos perolizados (Merck, auditório 3, das 10h55 às 11h45).

À tarde do dia 25, das 14h10 às 15 horas, no auditório 4, o congressista conhecerá em detalhes o trabalho vencedor do prêmio Abrafati-Petrobras, edição 2008, a ser apresentado por especialista da Ecoper, e que mostra como uma película reativa do tipo wash primer, porém, isenta de seus componentes típicos, pode ajudar no controle da infecção hospitalar por meio da identificação de instrumentais cirúrgicos codificados, como bisturis, tesouras e pinças. No auditório 2, no mesmo horário, será possível conferir a apresentação da Thor England/Thor Brasil sobre doadores de formaldeído de terceira geração.

Química e Derivados, Dílson Ferreira, Presidente-executivo da Abrafati, Tintas e Revestimentos
Dílson Ferreira: preservar o ambiente é tarefa para toda a cadeia

Cores ecológicas – Ao observar o enfoque das palestras, é inevitável concluir que a grande proposta dos fornecedores é oferecer às indústrias novas e mais avançadas tecnologias para reduzir e/ou zerar as emissões de compostos orgânicos, tornando as tintas do futuro cada vez mais “verdes”. Denominá-las assim, contudo, é pouco, segundo Dílson Ferreira, porque o universo das tintas, com suas infinitas combinações de cores, tons e sobretons, é infinito em sua gama de cores.

“Nossa intenção é tratar o tema ‘as tintas do futuro’ com grande visibilidade. A abordagem é necessária e precisa ser alardeada em todos os cantos da cadeia produtiva para que as ações das indústrias se voltem cada vez mais para a necessidade de preservar e poupar o meio ambiente e até seus gastos financeiros. Isso reverterá em benefício das próprias empresas e irá desencadear melhores posições para as indústrias de tintas no futuro. E esse é o momento certo de levarmos nossas mensagens e propagarmos ações de maior conscientização em relação aos riscos do aquecimento global”, afirmou Dílson Ferreira.

As tintas do futuro pressupõem, portanto, produções mais limpas, menores gastos energéticos, utilização de matérias-primas provenientes de fontes renováveis e diminuição das emissões de carbono, entre outras situações mais complexas e difíceis de serem abordadas, mas factíveis, como zerar os VOCs e enquadrar a produção às exigências e prerrogativas ecológicas.

Nesse sentido, contudo, a produção evolui a cada ano e vem sendo progressivamente revertida em ações mais amigáveis com o meio ambiente. Segundo estimativas da Abrafati, 80% das tintas imobiliárias decorativas já são tradicionalmente fabricadas com tecnologias em base água, os látices. Para os 20% remanescentes, a ideia é insistir na necessidade de diminuição dos solventes hidrocarbônicos, transformando essa fatia da produção também em base água ou em alto teor de sólidos.

Química e Derivados, Fernando Val y Val Peres, Presidente do conselho diretivo da Abrafati, Tintas e Revestimentos
Fernando Val y Val Peres: esmaltes e vernizes no Brasil caminham para base água

Uma tendência observada em várias partes do mundo e também seguida no Brasil, segundo o presidente Fernando Val y Val Peres, é conferir base água para esmaltes e vernizes. “Estimamos que, atualmente, 30% da produção de esmaltes sintéticos e vernizes já estejam convertidos em base água, e o potencial para a mudança no perfil de composição das tintas em base solvente para base água nesse segmento é muito grande”, considerou Peres.

Base aquosa para automóveis – Outro segmento que tem revelado preocupação com a produção sustentável é a indústria automotiva. “Todas as novas montadoras de veículos instaladas no Brasil foram planejadas e operam com tintas automotivas originais base água, o que representa mais de 50% da produção automotiva”, informou Ferreira.

Referências vindas de mercados externos também apontam para a introdução de tintas em pó em algumas linhas experimentais da produção automotiva.

Por sua vez, o segmento de repintura automotiva é um dos que mais demandam inovações e mudanças em tintas e processos de pintura. Porém, começam a ser usadas as tintas com alto teor de sólidos, e os especialistas da Abrafati apontam como próximo passo a adesão às tecnologias em base água.

Sem voláteis – A crescente utilização de tintas em pó e de tintas curadas por UV também revela o grau de evolução do mercado brasileiro de tintas em direção às tecnologias mais favoráveis ao meio ambiente.

Segundo Jorge Fazenda, as tintas em pó, bastante difundidas em revestimentos industriais na pintura de metais, alumínios, aços e aços galvanizados, entre outros, estão sendo introduzidas com sucesso na construção civil em tubos, gasodutos, oleodutos, perfis e esquadrias metálicas, portas e janelas de alumínio e metais sanitários, alguns dos quais com a intenção de abolir os também comprometedores processos de cromeação, optando pela utilização de componentes pré-pintados com tintas em pó.

“As taxas de crescimento anual das tintas em pó já ultrapassam as taxas de crescimento das tintas líquidas, produzindo-se no Brasil em torno de 35 mil toneladas de tintas em pó ao ano”, informou Fazenda. As tintas em pó também estão tendo rápida evolução em autopeças e componentes automotivos como maçanetas de portas e capas de filtros de ar e de óleo, mas o grande mercado ainda continua a ser o de eletrodomésticos.

Segundo os cálculos de Fazenda, o mercado mundial de tintas em pó é estimado em torno de 1 milhão de t/ ano. A Europa absorve 40% dessa produção; a Ásia, 32%; os Estados Unidos e o Canadá, juntos, outros 17%, enquanto todos os países da América do Sul utilizam 4%, dos quais 3,5% correspondem à demanda brasileira.

As tintas curadas por UV, embora agreguem solventes, também representam outra forte opção para a indústria que pretende ver bem longe de si os problemas relacionados com as emissões de compostos orgânicos voláteis. A cura da tinta por UV evita a evaporação do solvente para o ambiente e faz com que tome parte do próprio revestimento, mas é orientada em razão dos custos da tecnologia para produções em alta escala, caso das tintas para impressão de papéis, plásticos, madeiras e metais, inclusive embalagens que entram em contato com alimentos.

A apresentação de sistemas de cura UV em base água, como salientou Fazenda, será um dos temas de vanguarda do congresso. Ele se refere à apresentação a ser realizada por especialistas da Cytec abrangendo o tema: Tintas à base de água com cura UV – o melhor de dois mundos.

A engenheira Maria Cristina Kobal, presidente da RadTech, e também organizadora do seminário sobre tecnologias de cura de tintas, vernizes e adesivos por UV, que será apresentado todos os dias, a partir das 15 horas, considera imperdíveis todas as palestras programadas para o evento.

Entre as quais destacamos: os últimos timos desenvolvimentos em tintas UV para repintura automotiva (Cytec), desafios e oportunidades na elaboração de tintas, vernizes e adesivos curáveis com Led UV, vantagens da cura UV para impressão metalgráfica, além do painel focalizando o estado de desenvolvimento das tecnologias e suas perspectivas, com a participação de executivos da RadTech South America, RadTech North America, RadTech Europa, RadTech China, RadTech Ásia, entre outros.

A tecnologia de cura de tintas por UV praticamente domina o setor do mobiliário, que tem alta produção seriada, abrangendo substratos fabricados com derivados de madeira como MDF e MDP, que recebem camadas de vernizes curados por UV.

Os vernizes de impressão curados por UV também estão muito difundidos no setor gráfico e no setor de tintas para impressão, envolvendo processos silkscreen, serigrafia, flexografia e off-set. “Todas as empresas que utilizam tintas de impressão e para aplicações industriais estão hoje considerando a possibilidade de trabalhar com tintas de cura por UV”, destacou Maria Cristina.

Segundo ela, existem vários estudos em andamento testando as tecnologias de cura por UV também no setor automotivo, em pinturas de carrocerias, autopeças, componentes e várias peças funcionais presentes no compartimento do motor dos veículos. Além de ambientalmente correta, a cura de tintas por UV apresenta altíssima produtividade e demanda apenas algumas frações de segundos para executar as tarefas.

Portanto, todos os profissionais e empresas que puderem desfrutar do Abrafati 2009 irão perceber que o futuro das tintas vem sendo traçado e se relaciona com as condutas adotadas no passado, mas também com as ações presentes e futuras. Conforme o setor pôde acompanhar, em agosto de 2008, o Brasil foi contemplado com a primeira lei fixando o limite máximo de chumbo permitido na fabricação de tintas imobiliárias e de uso infantil e escolar, incluindo vernizes e materiais similares, e proibiu a fabricação, comercialização, distribuição e importação de produtos com concentração igual ou superior a 0,06% de chumbo, em peso. Numa próxima etapa, prevista para ser concluída em 2012, deverão ser fixados os parâmetros e os limites às emissões de voláteis, já regulamentadas na Europa e nos Estados Unidos. “Antes da entrada em vigor da lei sobre VOC, porém, pretendemos continuar debatendo e estimulando a autorregulamentação do setor de tintas, a exemplo do que vem sendo feito há vários anos em prol da qualidade das tintas e da adoção de tecnologias mais avançadas e sustentáveis”, concluiu Dílson Ferreira.

O que vai pintar na feira (Texto com base nas respostas enviadas pelas empresas que atenderam ao convite feito por Química e Derivados a todos os expositores.)

ABEAÇO

A Associação Brasileira de Embalagem de Aço destaca as vantagens da utilização do aço nas embalagens fabricadas para o setor de tintas. Total reciclabilidade, melhor proteção aos produtos, maior resistência ao empilhamento, armazenamento e transporte, incluindo outros aspectos muito importantes como inviolabilidade e segurança são alguns dos atributos oferecidos pelo material às indústrias e usuários.

ADEXIM-COMEXIM

O tradicional fornecedor de matérias-primas orienta as escolhas dos usuários de acordo com as aplicações e também presta esclarecimentos sobre as funções e as especificações dos produtos, abrangendo cabines para controle visual de cores, câmaras para testes de solidez à luz e ao intemperismo, dispersores, homogeneizadores, aditivos, atapulgitas, carbonatos de cálcio, caulins, esferas de moagem, espessantes inorgânicos, glass-flakes, inibidores de corrosão e microesferas ocas.

AGECOM

A ampla linha de solventes convencionais – aguarrás, xilol, toluol, hexano – será apresentada com destaque, juntamente com a linha ecológica, com baixo teor de aromáticos e amplas faixas de destilação. O público ainda poderá conferir a linha de antiespumantes com base em óleo mineral, água e solventes, para utilização em diversos setores como indústrias de tintas e indústrias sucroalcooleiras.

AGRO QUÍMICA MARINGÁ

Parceira de empresas renomadas e com matriz posicionada em Diadema-SP, a empresa opera com amplas instalações e equipe própria para promover melhor controle dos processos e armazenagens seguras, aproveitando a exposição para anunciar o relançamento de dióxidos de titânio, resinas epóxi, acetatos de etila, entre outros.

AIR PRODUCTS

Muitas novidades estarão sendo apresentadas ao público nas áreas de agentes de cura epóxi, agentes de cura em base água, resinas especiais, surfactantes multifuncionais e poliamidas. A nova família de agentes de cura em base água para sistemas epóxi de dois componentes foi desenvolvida para a cura em temperatura ambiente e também sob condições adversas de umidade. As novas poliamidas atendem às normas N-2628 e N-2630, da Petrobras. A nova família de dispersantes de pigmentos, isenta de solventes e alquifenóis etoxilados, foi desenvolvida para umectar, dispersar e estabilizar ampla variedade de pigmentos orgânicos, inorgânicos, negros-de-fumo e partículas compatíveis com sistemas aquosos. Já os novos antiespumantes moleculares apresentam características não-iônicas, são livres de silicones e sílicas hidrofóbicas, e foram desenhados especialmente para eliminar macro e microespumas, reduzindo defeitos de superfície em sistemas em base aquosa.

AKZO NOBEL

A empresa destaca as funcionalidades e aplicações das resinas da marca Iguatu em tintas imobiliárias, industriais e tintas para repintura automotiva. Entre outras novidades introduzidas no portfólio, também contam com especial destaque as resinas acrílicas e as resinas para tintas em pó. O visitante desse estande ainda terá a oportunidade de conhecer a nova edição do catálogo de produtos, que contempla novos itens e promove atualizações sobre as resinas alquídicas.

ALDORO

Atuante desde 1976 na produção de pigmentos metálicos, pastas e pó de alumínio, além de purpurina, a Aldoro participa da Abrafati 2009 para apresentar os desenvolvimentos de produtos para clientes, com qualidade assegurada pela norma ISO 9002:2000. A empresa exporta seus produtos há quinze anos para dezenas de países.

ALTMANN

Química e Derivados, Medição de cor em dez ângulos, Tinta e Revestimentos
Medição de cor em dez ângulos

Em conjunto com a Q-Lab, sua representada dos Estados Unidos, a empresa promove vários equipamentos para a realização de testes de intemperismo, por meio dos quais é possível verificar várias propriedades de resistência dos materiais. Outro destaque fica por conta do novo espectrofotômetro multiangular para ajustes de cor, principalmente concebido para uso na indústria automotiva, como o MA98, da X-Rite O equipamento promove medições sob dez ângulos diferentes, indicando problemas relacionados com a cobertura, a cor, a fórmula e o processo.

ARAXÁ MINÉRIOS

Após cinco anos de pesquisas, a empresa desenvolveu novo extensor mineral colorido naturalmente, pertencente à família dos silicatos de alumínio e que contém, em sua composição química, alto teor de óxidos de ferro. Processado em equipamento de última geração, com tecnologia espanhola, para garantir precisão na granulometria, o novo extensor apresenta-se nas cores amarelo, vermelho e verde, oferecendo inúmeras vantagens para tintas e revestimentos, como redução de 20% até 500% nas quantidades de pigmentos utilizadas e superior solidez à luz em comparação àquela apresentada pelos melhores pigmentos ofertados no mercado, sendo tudo isso
comprovado por ensaio com duração de 600 horas.

ARCH CHEMICALS

Vale a pena conferir as novas famílias de bactericidas e fungicidas em exibição nesse estande. A família Proxel BZ plus associa as tecnologias da marca de bactericidas Proxel com a marca de fungicidas Omadine. Como resultado, inibe o crescimento microbiológico em emulsões de látex, tintas em base aquosa, dispersões pigmentárias, rejuntes, adesivos, aditivos para concreto e slurries de carbonatos e outros minerais, sem causar resistência microbiológica, e tampouco altera as propriedades físico-químicas como pH e cor dos produtos preservados. Em dispersões e microemulsões, a linha Proxel alcançou VOC (compostos orgânicos voláteis) zero, abrangendo Proxel GL20, Proxel DCB, Proxel BN, Proxel MB e Proxel MB4. Já a linha Zinc Omadine ZOE de fungicidas e antimicrobianos para filmes secos traz como destaque Zinc Omadine ZOE 3X, em dispersão aquosa, isenta de carbendazina e diuron, com efeito tríplice – bactericida, fungicida e algicida.

ARKEMA

A companhia de atuação global, com centros de pesquisa na França, Estados Unidos e Japão, mostra a sua linha de produtos nos segmentos de vinílicos, químicos industriais e produtos de performance que inclui: peróxidos orgânicos, catalisadores à base de estanho, ácido acrílico glacial, acrilatos de butila, metila, etila e etilhexila, ácido metacrílico, metacrilatos de metila, isobutila e butila, e Kynar Aquatec.

AROMAT

Aproveita a feira para apresentar os Bentones DE e DY-CE, fabricados pela Elementis Specialties. Feitos à base de argila tratada organicamente, as novidades são indicadas para sistemas aquosos, podendo substituir os éteres de celulose nas formulações. Além de agente tixotrópico, os Bentones melhoram a estabilidade, aceitação de cor e resistência. Entre os espessantes uretânicos, a empresa destaca a série 200 do Rheolate, criada para sistemas aquosos, oferecendo excelente nivelamento e resistência aos respingos. A série 200 compreende vários tipos, oferecendo ampla fl exibilidade para que os formuladores alcancem a viscosidade adequada. A série 600, por sua vez, serve às tintas de baixo VOC. Também estarão no estande da Aromat as ceras micronizadas da representada exclusiva Micro Powders.

BANDEIRANTE/BRAZMO

As últimas novidades e os lançamentos de importantes fornecedores de matérias-primas poderão ser mais bem conhecidos no estande desse tradicional distribuidor. Da Byk, aditivos e ceras, além de tecnologias de nanopartículas inorgânicas como absorventes de UV em tintas e de controle reológico em tintas de efeito aquoso. Da Braskem, a linha completa de solventes alifáticos, aromáticos, além dos desenvolvimentos de baixa toxicidade. Da Cabot, os negros-de-fumo e as sílicas pirogênicas. Da Dow Química, a linha “Dow Coating Materials”. Da DuPont, os dióxidos de titânio. Da Eastman, especialidades em resinas hidrocarbônicas e terpênicas para adesivos e selantes. Da Huber, as cargas minerais de alta performance. Da Kamin, os caulins calcinados de alto desempenho. Da Lucite, as linhas de resinas acrílicas e metacrílicas sólidas (Bead) para sistemas em base água e solvente. Da Petrobras, os solventes alifáticos, aromáticos e hidrogenados. Da Rhodia, os solventes oxigenados fabricados no Brasil e soluções sustentáveis para coatings e adesivos. Da Sartomer, especialidades, monômeros funcionais e resinas epóxi acriladas para cura por UV. Da Sachtleben, sulfato de bário e litopônio. O portfólio da empresa também será fortalecido pelo lançamento da linha de pigmentos orgânicos e inorgânicos da indiana Prasad International.

BASF

Química e Derivados, Sistema de PU, Tintas e Revestimentos
Pistema de PU embeleza madeira

Os principais destaques da companhia abrangem pigmentos para tintas do futuro, intermediários utilizados para formular resinas e dispersões acrílicas. Os novos pigmentos oferecem inovações em efeitos, são mais resistentes e também apresentam novas alternativas em cores às indústrias. Entre os mais destacados estão os pigmentos de efeito à base de mica sintética Glacier Frost White. Para utilização em tintas automotivas originais e repintura, permitem alcançar maior luminosidade nas cores, subtons mais azulados e cintilantes (sparkling), proporcionando tonalidades derivadas do branco menos amareladas, graças à sua alta pureza e total ausência de óxidos de ferro, encontrados em micas naturais. Também serão apresentados novos pigmentos inorgânicos (Sicopal Orange L 2430), isentos de chumbo e de alta performance física, térmica e química mesmo em tons muito reduzidos (claros). Mais resistentes a intempéries, têm por base titanato de zinco e estanho, e são indicados para tintas industriais (coil coatings e tintas em pó), incluindo tintas decorativas e automotivas (repintura e original). As inovações em pigmentos também incluem novos efeitos. Baseados em alumínio recoberto com óxidos de ferro, Paliocrom Brilliant Orange EH 500 e Paliocrom Brilliant Gold EH 792 permitem elevada cobertura, maior luminosidade, cromaticidade e novas opções em tons dourados e alaranjados. Já os pigmentos de ferro vermelho Xymara Fireball, advindos ao portfólio da Basf com a aquisição da Ciba, apresentam alta performance, tendo por base 2,9 dicloroquinacridona, proporcionando efeitos únicos, desde tonalidades de laranja-dourado até vermelho-cereja. A empresa também apresenta com grande destaque Heliogen Blue EH 607, nova versão ftalo epsolon, que proporciona subtons avermelhados, com níveis de saturação cromática e transparência jamais vistos. Na área de intermediários utilizados para formular resinas, serão destacados Neopentilglicol (126-30-7) e 1,6-Hexanodiol (629-11-8), para tintas líquidas em base poliéster, tintas para can coating e coil coating, incluindo tintas em pó, resinas alquídicas e de poliéster insaturadas. Em matéria de dispersões, o público poderá conferir Acronal BS 700, à base de acrílico e estireno, livre de alquilfenol etoxilado, e Acronal DS 6282X, dispersão acrílica pura para a formulação de tintas mais resistentes a manchas.

BASTON

Química e Derivados, Removedor em spray, Tintas e Revestimentos
Removedor em spray

Empresa nacional, leva para a feira duas novidades, a começar pela espuma de poliuretano Utility, em três versões, usadas para a fixação de batentes, isolante térmico e acústico, vedante, elemento de juntas de paredes e cumeeiras, entre outros usos. O segundo lançamento é o removedor de alto desempenho em spray, indicado e aprovado para tintas e vernizes acrílicos, permitindo a remoção de pinturas em poucos minutos.

BAYER

Modernas tecnologias em base aquosa, conhecidas como “water is green”, e voltadas ao desenvolvimento sustentável de tintas para assegurar sucesso nos negócios futuros, incluem-se entre as novidades da Bayer MaterialScience. Entre os destaques estão as novas gerações das linhas Bayhydur, Bayhydrol, Desmodur e Desmophen, sistemas poliuretânicos bicomponentes, destinados a revestimentos para madeiras e móveis, além das linhas Dispercoll, dispersões aquosas para utilização em adesivos, e Desmolux, resinas de poliéster e uretano insaturadas.

BRASEQ

Referência em equipamentos analíticos para laboratórios e processos industriais, com linhas específicas para controle de qualidade, controle colorimétrico, controle de viscosidade, brilho, rugosidade, espessura, camadas secas e úmidas, entre outras, a empresa destaca na oportunidade o agitador magnético com aquecimento Y-Mag HS 7, da IKA, e coloca sua equipe técnica à disposição do visitante, para assessorá-lo em desenvolvimentos metodológicos e nas configurações de equipamentos.

BRASCHEMICAL

Comemorando vinte anos de atividades, a empresa reforça parcerias para melhorar o atendimento ao mercado de tintas imobiliárias, destacando a continuidade da distribuição de produtos da Emerald no Brasil, que passará a produzir a linha de antiespumantes Antarol na Argentina. O rol de representadas, porém, é bem amplo e envolve a Day Glo (pigmentos fluorescentes, fosforescentes, branqueadores ópticos e invisíveis), as microesferas Expancel, os dióxidos de titânio rutilo para tintas gráficas e micronizados para tintas automotivas da Sachtleben, os glitters e pigmentos perolados da Taizhu, as ceras Lubrizol, os absorvedores UV Everlight, e também produtos da CP Kelco, Karntner, Bip, entre outros.

BRASILATA

Química e Derivados, Tecnologia dispensa tripla recravação, Tintas e Revestimentos
Tecnologia dispensa tripla recravação

O principal destaque nesse estande está na lata de 18 litros UM, utilizada para embalar e transportar produtos perigosos. Mais resistente, dispensa o complexo processo de tripla recravação, que exige investimentos em equipamentos especiais. Por se tratar de tecnologia inovadora, a empresa efetuou o depósito de patente internacional, devendo licenciar essa solução para fabricantes de outros países.

BRENNTAG

A ampla linha contempla monômeros, resinas, pigmentos, aditivos, solventes, cargas, plastificantes, rosqueantes, catalisadores, iniciadores, agentes de cura, preservantes, modificadores, entre outros, fabricados pela Akzo Nobel, Basf, Brasken, Cristal, Dow Corning/Xiameter, Dow/Rohm and Haas, Hexion, Kraton Polymers, Lanxess, Nitroquímica, Oxiteno, Prosint e Rhodia. Mas, além da distribuição, a empresa também se destaca na formulação de thinners, soluções exclusivas de nitrocelulose da Nitroquímica e fórmulas personalizadas para atender às mais variadas necessidades do mercado.

CABOT

Química e Derivados, Negros-de-fumo para vários usos, Tintas e Revestimentos
Negros-de-fumo para vários usos

Durante a feira, a Cabot manterá especialistas à disposição dos clientes para esclarecer dúvidas sobre a aplicação de seus negros-de-fumo especiais que compreendem itens para uso em sistemas de cura por UV, pigmentos condutivos, os tratados e os de alto poder de tingimento para base água e solvente para a indústria automobilística. A extensa linha inclui tipos aprovados para contato com produtos alimentícios e água potável, entre outros usos. A empresa também divulga as sílicas pirogênicas Cab-O-Sil, agentes reológicos para tintas líquidas, em pó, gráfi cas, adesivos, alimentos e cosméticos, oferecendo várias propriedades físicas, como tixotropia, antissedimentação de pigmentos e cargas, antiescorrimento e fluidez. Também melhora as propriedades mecânicas, coesivas e adesivas, com menor tempo de incorporação e dispersão. Além disso, os visitantes também conhecerão a alumina pirogênica SpectrAL, que proporciona melhor resistência à abrasão, melhor adesão e brilho, além de atuar como agente protetivo, fosqueante e de fluidez para tintas em pó.

CARBONO QUÍMICA

No rol dos líderes no fornecimento de solventes e hidrocarbonetos ao mercado brasileiro, a empresa, desde junho último, também se tornou distribuidora oficial da Atual, uma das maiores fabricantes de insumos químicos do mundo, podendo, agora, agregar ao seu mix agentes de cura e endurecedores para resinas epóxi e, especialmente, diluentes reativos, fabricados pela empresa indiana. Na oportunidade também destacará as polieteraminas (Jeffamine) e as etilenoaminas da Huntsman, além dos fotoiniciadores da IHT, solventes sustentáveis da Total Fluidos, bem como os silanos e os siloxanos da Momentive.

CLARIANT

Soluções sustentáveis em pigmentos orgânicos (linha 70), para substituir pigmentos inorgânicos à base de metais pesados em tintas e pigmentos orgânicos em pó, microparticulados, para simplificar o processo de produção, diminuindo custos e aumentando a produtividade, são algumas das principais novidades nesse estande. Em coatings e construction chemicals, o destaque fi ca por conta do aditivo Genapol ED3060, que contribui para a redução de custos das fórmulas fi nais. Outras novidades poderão ser conferidas em emulsificantes apeo-free, antiespumantes com baixo teor de voc, e biocidas de baixo impacto ambiental (Nipacide e Frongrabac), incluindo a base de emulsão pré-formulada (Mowilith Ready-to-Use), para agilizar a produção e economizar energia na fabricação de esmaltes e vernizes sintéticos aquosos.

COGNIS

A empresa destaca várias soluções químicas sustentáveis dentro do conceito Greenovating na área de aditivos de alto desempenho para a formulação de tintas “verdes”. Entre os quais estão incluídos antiespumantes, modificadores de reologia, agentes umectantes, dispersantes e coalescentes.

COLUMBIAN CHEMICALS

A nova fábrica de negros-de-fumo, inaugurada recentemente na Bahia, e considerada a mais moderna do mundo, e o avançado complexo de laboratórios para análises e desenvolvimento de aplicações, o South America Center Laboratory, instalado na fábrica de Cubatão-SP, estarão entre os destaques da empresa. O visitante, contudo, também poderá solicitar informações sobre características e diferenciais dos produtos para a equipe de engenheiros e químicos presente à feira, entre os quais se destacam itens para tintas flexográficas e para rotográficas (Copeblack450/ Statex300), produtos para tintas off-set e heat-set (Raven760U/Raven 1255), e também para tintas industriais, esmaltes (Statex125/Raven14) e para tintas automotivas (Raven 5.000UII/Raven410).

COREMAL

A conhecida distribuidora de produtos químicos Coremal divulga seu amplo portfólio, reforçado em abril com a linha de pigmentos orgânicos e minerais fabricados pela Cappelle, empresa familiar belga atuante desde 1890. Os pigmentos belgas se caracterizam pela alta qualidade e performance, sendo oferecidos para aplicações nos segmentos de tintas imobiliárias, industriais, de impressão, além de servir para a produção de masterbatches. A Coremal possui estoque local dos produtos Cappelle e também gerencia as importações diretas dos clientes da distribuída no país.

CPS COLOR

O fornecedor global de sistemas tintométricos avançados promove lançamentos nas áreas de dosadores automáticos e manuais, agitadores, colorantes decorativos e industriais.

CRODA

A multinacional inglesa expõe ao público ampla linha de especialidades, obtidas de matérias-primas naturais e renováveis, oferecendo benefícios como flexibilidade a baixas temperaturas, durabilidade e estabilidade para as emulsões. Entre as principais tecnologias, destacam-se: monômeros funcionais, emulsificantes, dispersantes, surfactantes poliméricos, plastificantes, extensores de cadeia, solventes e aditivos de processo. CYTEC Inovação e preocupação com o meio ambiente determinam todos os desenvolvimentos dessa empresa que destaca novas tecnologias em especialidades químicas para a formulação de tintas em base água com cura UV, novos desenvolvimentos em tintas UV para repintura automotiva, tecnologias UV/EB e seus últimos desenvolvimentos para um mundo sustentável, novas dispersões de resinas epóxi à base de água para primers metálicos de alta performance e acabamentos de pisos de concreto, além de revestimentos em base água one-pack para proteção contra corrosão, soluções em revestimentos em pó de cura à baixa temperatura, entre outras tecnologias que também estarão sendo apresentadas no congresso.

D’ALTOMARE

Em químicos para construção, o visitante poderá conhecer o hidrorrepelente de silano-siloxano de última geração (DC IE-6683) para formulações em base água, para a proteção de concretos, tijolos, telhas e pedras e a emulsão acrílica (Pidicryl 7400) para rejuntes, argamassas e afins. Para o segmento de tintas para impressão, os destaques fi carão por conta de Glicereth 26, DC 51 e DC 65. O primeiro, utilizado na fabricação de tintas de impressão, tintas gráficas e para cartuchos de impressoras do tipo jato de tinta, proporciona umectação, lubricidade e efeito molhante. O segundo é um aditivo de alto peso molecular que oferece melhor deslizamento e resistência a riscos, enquanto o terceiro é um antiespumante indicado para formulações em base água. Para tintas imobiliárias, serão apresentadas as emulsões acrílicas Pidicryl 126 M para revestimentos da linha premium, e as emulsões para revestimentos externos e fachadas DC IE 2404, que proporcionam aumento da durabilidade. Para tintas industriais, o visitante ainda poderá conferir o dispersante acrílico Pidicryl 6250, indicado para formulações em base água e com pigmentos e cargas inorgânicas, e o aditivo multifuncional líquido DC57, com cem por cento de sólidos.

DOW

Sustentabilidade e novas tecnologias para formulações mais avançadas e amigáveis dão sustentação às novas matérias- primas que serão apresentadas pela empresa. Uma delas é o Sea-Nine CR, biocida para otimizar as tintas utilizadas na pintura de barcos, aumentando sua performance. Outra é a Invizipro, uma película invisível para proteger substratos de manchas e pequenas marcas, lançamento voltado para os mercados industrial e arquitetônico. Outras inovações para reduzir as emissões de voc estarão sendo apresentadas em AEPD Box 100 e num epóxi em base água.

DUPONT

Química e Derivados, Laboratório de Paulínia-SP, Tintas e Revestimentos
Laboratório de Paulínia-SP auxilia clientes

Em apoio ao crescimento sustentável de seus clientes, a DuPont Titanium Technologies, unidade de negócios das tecnologias de titânio, marca presença no congresso e na exposição apresentando ao público seu mais novo centro de inovação e tecnologia, inaugurado em 1º de julho deste ano, em Paulínia- SP, com estrutura voltada à pesquisa e ao desenvolvimento de novas soluções para parceiros de toda a América Latina. A ampla oferta de dióxidos de titânio específicos para cada tipo de aplicação também representa um convite ao estande, onde os visitantes terão informações sobre produtos como R-902+, grau de TiO2 multipropósito, aplicável a tintas para interiores e exteriores, tanto em base solvente quanto em base água; R-900, TiO2 para tintas com brilho para interiores, indicado para tintas de impressão; R-706, grau universal, para tintas para interiores e exteriores, com brilho e semibrilho; e R-931, grau específico para tintas foscas.

DYNATECH

Com vinte anos de atividades, a empresa destaca sua participação nos eventos como expositora e patrocinadora, e aproveita a oportunidade para divulgar linhas de pigmentos de alta performance, inorgânicos e orgânicos e com alta solidez para aplicações em tintas automotivas originais e para repintura, tintas de impressão, tintas industriais, tintas para plásticos, além da linha de dispersões aquosas, indicada para tintas imobiliárias, tintas para aplicações têxteis e aplicações especiais. Outros destaques poderão ser conferidos na linha de branqueadores ópticos, fabricados localmente, na unidade de Itupeva-SP.

EASTMAN

As novidades se concentram nas linhas de tintas originais automotivas e para repintura, aprimoradas para oferecer maior produtividade às indústrias. Um dos produtos, o DPA 2386, acelera a secagem superficial de base-coats, encurtando os tempos necessários à sua aplicação e à do verniz. Esse benefício proporciona ganhos consideráveis, principalmente para as linhas de pintura automotiva com altas velocidades de processamento em virtude de impedir “manchamentos” causados pelos vernizes aos base-coats.

ELEKEIROZ

Com 115 anos de existência, o tradicional fabricante de intermediários químicos apresenta ao público sua ampla linha de produtos que inclui os ácidos fumárico, sulfúrico e 2 etil hexanóico e também os anidridos ftálicos e maleicos, além de formol e concentrados de ureiaformol, plastificantes, álcoois e resinas de poliéster. Entre os destaques estão os ácidos fumáricos aplicados em resinas de poliéster, resinas fenólicas, elastômeros, fungicidas, resinas alquídicas e adesivos; os ácidos 2 etil hexanóico, utilizados como secantes para tintas; os anidridos ftálicos, utilizados em plastifi cantes, resinas de poliéster, alquídicas e corantes sintéticos e os álcoois, matérias-primas para a produção de plastificantes, acrilatos, acetatos, éteres glicólicos e solventes para tintas.

EVONIK

Química e Derivados, Especialistas melhoram acabamento, Tintas e Revestimentos
Especialistas melhoram acabamento

O estande da Evonik está cheio de novidades. No segmento de cores, a companhia apresenta a linha Inxel de concentrados de pigmentos de fácil dispersão, capazes de dispensar a etapa de moagem e proporcionar alta intensidade de cor, maior estabilidade, eliminação de pós e facilidade de manuseio. Também exibe o negro-de-fumo gas black, tipo Colour Black FW 171, indicado para tintas de base água que exigem alta intensidade de cor e pureza. Concentrados de pigmentos para sistemas tintométricos (mistura nos pontos de venda) Colortrend 808, isentos de VOC, alquifenol etoxilado (APE) e de formaldeído, serão apresentados, com destaque para o melhor controle de tingimento, de cerca de 1%, proporcionando melhor reprodutibilidade das cores. A linha Chromachem AK 492, de novos colorantes universais para sistemas tintométricos industriais base solvente, terá destaque, ao lado da Chromachem AK 942, para base água, sem VOC e APE. No campo dos aditivos, a Evonik lança na feira o Aeroxide Alu 130, indicado para tintas em pó que requerem partículas menores e áreas maiores. A família dos silanos cresceu, com a linha Dynasylan Sivo, desenvolvida para formulações livres de VOC com sistema sol-gel base água de alta performance. Outras novidades são os desaerantes Tego Airex 944 (para revestimentos de PU e epóxi para pisos); os antiespumantes para linhas decorativas Tego Foamex K8, alternativos ao óleo mineral; os dispersantes de pigmentos Tego Dispers 670; o aditivo de deslizamento Tego Glide 485, que pode entrar em contato com alimentos; e o Silikopon EC, resina de silicone epóxi para tintas anticorrosivas de alta resistência. No campo dos reticulantes, a Evonik tem por principal lançamento o Vestagon EP-HA 376, indicado para tintas em pó, com menor amarelamento em fornos a gás de chama aberta e com alta estabilidade de cor. Merece destaque também o Vestagon EP-SC 505, novo catalisador para sistemas híbridos foscos poliéster/ epóxi.

FLUID MANAGEMENT

Química e Derivados, Nova dosadora AT1500 , Tintas e Revestimentos
Nova dosadora AT1500 impede erros

Entre os destaques, estão a dosadora AT1500, modelo 2009/2010, com novos dispositivos que propiciaram aprimorar a automação de segurança contra operações inadequadas, e o sistema para dosagens manuais 25PD, inferiores a 0,15 ml, com mecanismos de operação amigáveis, sistema de bombas duplas e escalas microtint exclusivas, alcançando dosagens de 0,077 ml, com repetibilidade. A ação comercial da empresa terá novo enfoque nessa edição da feira e pretende oferecer vantagens aos compradores que realizarem negócios durante o período de exposição.

GALSTAFF

O grupo químico internacional, com laboratórios instalados em Milão, na Itália, e unidade no Brasil, e com oferta de resinas e auxiliares químicos que atendem à maior parte das demandas das indústrias de revestimentos, destaca linhas de poliésteres saturados para sistemas bicomponentes e estufas, incluindo nesse rol catalisadores aromáticos e alifáticos, poliésteres insaturados (dual care com cura por UV ou Redox), oligômeros de alta performance para cura UV, alquídicas especiais com ácidos graxos, ureia-formaldeído, melamina, benzoguanamina, aditivos de superfície, pastas pigmentadas, ceras especiais e resistentes a riscos, bem como linha de produtos para sistemas alto-sólidos e de baixo VOC, que reduz a emissão de solventes no meio ambiente e o número de camadas a ser aplicadas nas superfícies, de acordo com a norma europeia 2004/42/CE, incidente sobre os revestimentos, que deverão adotar a ISO 11890-1 ou a ASTM D 2369-04.

GEHAKA

Química e Derivados, Moinho de rolos da Exakt alemã, Tintas e Revestimentos
Moinho de rolos da Exakt alemã

A linha Exakt de moinhos de três rolos pode ser conferida nesse estande. Fabricada na Alemanha, contempla equipamentos para homogeneizar, misturar, reduzir partículas, dispersar pigmentos e misturar fluidos de alta viscosidade, além de ingredientes com baixa viscosidade (200 cP), bem como pastas (l.000.000 cP). Disponíveis em confi gurações apropriadas a laboratórios e também para escalas industriais, com capacidades desde 0,02 kg/h até 180 kg/h, propiciam baixa perda de materiais, baixo custo operacional e facilidade de limpeza. Além dos moinhos, a empresa também oferece balanças analíticas e semianalíticas, agitadores, analisadores de umidade por infravermelho e medidores de ponto de fusão.

HUNTSMAN

Considerada pioneira no desenvolvimento de tecnologias em polímeros para sistemas epóxi, a empresa apresenta produtos diferenciados, como Aradur 3986, agente de cura, com avançada tecnologia em sistema epóxi em base água para primers anticorrosivos e para manutenções industriais e com emissão zero de voc. Outro destaque fi ca por conta do novo Aradur 3218, agente de cura para sistemas alto-sólidos ou sem solventes que, em combinação com resinas epóxi, permite a formulação de tintas para metais e pisos industriais. Entre as novidades ainda será destacado o agente de cura em base água Aradur 3805, para formulações com resinas epóxi modificadas ou não e que oferece longo pot-life, superior a cinco horas, excelente brilho, boa resistência à abrasão e alta performance sobre concreto úmido ou molhado.

INKMAKER

Especializada em automação industrial, a empresa destaca na feira seu sistema automático de dosagem de tintas, gerenciado por software e controlado por CLP, para proporcionar rastreabilidade e eficiência nos processos de fabricação de tintas. Outros destaques ficarão por conta de novos equipamentos decorrentes de parcerias mais recentes. Entre eles está o sistema de recuperação de solventes por destilação, que, além de refletir a preocupação com o meio ambiente, oferece reduções de custo nos processos produtivos. Outro equipamento destacado é a lavadora de baldes, tanques e recipientes em geral, que assegura a limpeza completa, sem desperdício de produtos químicos e sem a interferência de operadores, e que atende às normas da Atex, quando usado com solventes.

INTERTANK

Química e Derivados, Contentor reduz custo logístico, Tintas e Revestimentos
Contentor reduz custo logístico

Os modelos mais recentes de contentores para cargas intermediárias, utilizados no transporte e armazenagem de químicos líquidos perigosos e de risco, estarão em exposição na feira. Fabricados com todo o rigor exigido pelas normas brasileiras e internacionais, apresentam alta compatibilidade com os mais diversos químicos, agilizando os processos produtivos, com grande economia de custos. IPEL Especialista em soluções de controle microbiológico, a Ipel aproveita a Abrafati 2009 para lançar a linha de produtos para preservação no estado seco e multifuncional, com perfeito alinhamento ecológico, compreendendo os produtos FBP-458, FAP-791 e FABP-845. Esses produtos apresentam ação fungicida, algicida-fungicida e bactericida-algicida-fungicida de base aquosa sem sólidos em suspensão, baixa viscosidade e baixo odor. São produtos seguros, de fácil manuseio e baixa toxicidade, porém com alto desempenho. A empresa também destacará os bactericidas BP-503 e 509, isentos de doadores de aldeído que atendem às mais rigorosas normas de saúde e meio ambiente. Durante a feira, a Ipel também apresentará seu sistema de controle e gerenciamento microbiológico, chamado de Biocontrole, que inclui kits de avaliação rápida, serviços e assessoria em diagnóstico microbiológico, sanitizantes e controle de instalações, na linha das boas práticas de fabricação (BPF).

ISOGAMA

Reconhecido como um dos principais fabricantes de emulsões de parafina, com fábricas em São José dos Pinhais- PR e São Sebastião do Passe-BA, e centro de distribuição em Ananindeua-PA, e com transportadora especializada em cargas líquidas, atuante no Brasil e no Mercosul, o grupo divulga ao público a inauguração da sua mais nova e moderna unidade para a fabricação de resinas acrílicas e espessantes, ampliando sua oferta de produtos para os setores de tintas e texturas.

ITATEX

Um compósito mineral para tintas semibrilho (Saca BS) representa o mais novo pigmento extensor desenvolvido pela empresa. Outra linha estável, desenvolvida para esmaltes alquídicos emulsionados, é denominada Saca SP, sendo capaz de oferecer aos revestimentos secos níveis superiores de dureza e brilho em comparação com as cargas convencionais. Já Saca AS Plus, também em destaque, é considerado consolidado no mercado de tintas como pigmento extensor de ótima dispersão e com alto poder de cobertura a úmido e a seco. Outra novidade poderá ser conferida na nova tecnologia para fabricação de argilas organofílicas para utilização como modificadores reológicos em tintas. Trata-se de produto resultante de nanotecnologia, denominado Itagel, que, ao ser disperso na tinta, produz tixotropia e evita a sedimentação dos pigmentos inorgânicos dispersos, encontrando-se em fase de testes para adequação às necessidades dos clientes.

JEMP

Química e Derivados, Linha de produtos inclui reator, Tintas e Revestimentos
Linha de produtos inclui reator

A empresa destaca sua ampla linha de reatores, tanques, misturadores, secadores, trocadores de calor, filtros, moinhos, centrífugas, estações de tratamento, entre outros, denotando sua preocupação com a sustentabilidade da produção no setor de tintas e revestimentos.

LANXESS

A unidade de negócios Inorganic Pigments expõe a linha completa de pigmentos à base de óxidos de ferro, da marca Bayferrox, com alguns destaques. Entre eles, o pigmento amarelo 943 apresenta-se com tonalidade especialmente alaranjada e atende, assim como os demais itens, às determinações da lei 11.762. Juntamente com os pigmentos amarelos, serão destacados os pigmentos de alta performance (amarelos LOM), linha mundial, fabricada no município paulista de Porto Feliz. Desenvolvida no Brasil, essa linha apresenta baixa absorção de óleo e é micronizada, características que permitem menor consumo de aditivos, como agentes umectantes, niveladores ou secantes, proporcionando excelente dispersão.

M.CASSAB

A principal novidade está na parceria firmada entre a empresa e a Oxiteno, abrangendo todas as linhas de produtos e com fornecimento para todo o território nacional, e que oferece nova alternativa para facilitar a compra de solventes e especialidades na matriz da M.Cassab, instalada em Osasco-SP, e nas fi liais posicionadas em Recife-PE, Sapucaia do Sul-RS, Goiânia-GO e Monte Mor- SP. Outra parceria que será evidenciada é a firmada com a sueca Perstorp, oferecendo exclusividade à M.Cassab na comercialização de isocianatos alifáticos das marcas Tolonate e Easaqua, matérias-primas já consagradas no mercado para utilização em formulações de tintas poliuretânicas, e também na oferta de monômeros e polióis/ poliésteres da linha Capa, utilizados na fabricação de tintas especiais, incluindo ainda toda a linha de intermediários para a produção de resinas. Além desses produtos, também serão destacados vários itens de produção própria, como concentrados de pigmentos em base água (roC Dispers) e solventes para aplicações em tintas imobiliárias e decorativas, reforçando a estratégia da empresa de aliar-se cada vez mais aos clientes e a importantes parceiros.

MAKENI CHEMICALS

Reconhecida no mercado por suas atividades de distribuição de matérias-primas e de apoio logístico, operacional e técnico, a empresa destaca itens de seu amplo portfólio de ceras, coalescentes, dispersantes, emulsões acrílicas, monômeros, óleos vegetais, polióis naturais e solventes. Com matriz em Diadema-SP e filial em Aratu-BA, é considerada líder na importação de solventes para distribuição ao mercado interno. Comercializa 45 mil m3/toneladas de insumos ao ano e coloca à disposição dos clientes laboratório para simulações e verificações da aplicabilidade de coatings, incluindo envases automáticos.

MAST

O público terá a oportunidade de conhecer os produtos de duas novas empresas representadas. Da Q-Lab, estarão em evidência substratos para ensaios, aparelhos para ensaio de intemperismo acelerado, câmaras para ensaios de luz xenônio, concentradores de luz solar natural, aparelhos para ensaios de corrosão cíclica e aparelhos para ensaios de condensação. Da Pelt, medidores ultrassônicos de espessuras de multicamadas, não-destrutivos, de diversos tipos de substrato, até mesmo plásticos. Além desses, também serão evidenciados os produtos das parceiras tradicionais, como BYK-Gardner (medidores de brilho, de haze/transparência, de efeito “casca de laranja”, espectrofotômetro multiangular com câmera, cabines de luz, teste de lavabilidade, viscosímetros, aplicadores, medidores de espessura, entre outros), e Hero (máquinas manuais e dosadoras automáticas e manuais, sistemas de dosagem industrial, agitadores, entre outros).

MC GROUP

Química e Derivados, Dióxido de titânio ensacado, Tintas e Revestimentos
Dióxido de titânio ensacado

Várias novidades estarão sendo apresentadas nas áreas de resinas epóxi líquidas e sólidas, agentes de cura, diluentes reativos, IPDA e poliamidas. Outros destaques ficarão por conta de pigmentos orgânicos e de dióxidos de titânio, esses últimos com marca própria e estoques locais, como o MC Titan 1002 e o MC Titan 1003, cada vez mais consolidados, testados e aprovados pelo mercado de tintas.

MEGH

Basta visitar este estande para conferir várias novidades em ceras micronizadas, emulsões de ceras ésteres, ceras poliolefínicas e ceras de cana-de-açúcar. A nova linha de ceras micronizadas, produzida em nova unidade instalada em Porto Feliz-SP, primeira em toda a América Latina, visa a atender às necessidades e particularidades do mercado de tintas e vernizes. Já as novas emulsões de ceras ésteres, tecnologia com patente já requerida, foram desenvolvidas para atuar como agentes de hidrorrepelência, em substituição às emulsões de parafina, com a vantagem de ser um produto de origem natural, e que conta com fonte renovável de matéria-prima. Também nessa área, a empresa desenvolve antiespumantes naturais, isentos de silicone. Produzidas por meio de processos ultramodernos, as ceras poliolefínicas abrangem ceras polietilênicas, polipropilênicas, além de ceras de EVA e ceras poliolefínicas oxidadas com diferentes grades, enquanto as ceras de cana-de-açúcar, projeto pioneiro, cem por cento natural e de origem renovável, estabelecido em conjunto com o grupo Balbo, de Sertãozinho-SP, encontra-se em fase final de conclusão, para atender a demandas em grandes volumes.

MERCK

Química e Derivados, Novos pigmentos geram efeitos, Tintas e Revestimentos
Novos pigmentos geram efeitos

A presença do especialista Guido Olbers no estande é considerada marcante para explicar ao público as principais inovações da empresa na área de pigmentos. Diretamente da sede,
na Alemanha, ele vem participar da exposição não só com o intuito de recepcionar os clientes, mas também para promover os últimos lançamentos em pigmentos – Xirallic T61-10 WNT Micro Silver, Colorstream T10-06 Royal Damask e Miraval 95311 WR Scenic White. Além dessas novidades, o visitante poderá inteirar-se das linhas tradicionais de pigmentos de efeito perolizado, pigmentos funcionais e sintéticos de última geração para aplicações industriais em tintas para plásticos, tintas para impressão, tintas automotivas, entre outras. Sob o tema “O aniversário de 50 anos dos pigmentos no mundo”, a empresa fará um retrospecto de sua trajetória mais do que centenária e de suas contribuições realizadas ao longo de todo o período de sua existência.

MIDLAND

Entre as novidades, resinas hidrocarbônicas aromáticas, modificadas e modificadores resinosos líquidos para tintas em base epóxi e PU, fabricadas pela Rütgers, a mais nova parceira da empresa. No rol de novos produtos, o público também poderá conferir resinas vinílicas, da marca Vinisol, fabricadas pela World Wide Partnership (WWP), com produção nacional; solventes oxigenados, fabricados pela Eastman como o EB Solvent (butil glicol), além de aditivos surfactantes, antiespumantes e dispersantes, produzidos pela Air Products, especialmente para sistemas aquosos.

MILLENNIUM

A empresa, pertencente ao grupo Cristal Global, destacará sua produção de TiO2, considerada única em toda a América do Sul, somada à oferta de mais sete fábricas, localizadas nos Estados Unidos, Inglaterra, França, Arábia Saudita e Austrália, que oferecem cobertura à produção de tintas imobiliárias, tintas automotivas originais e para repintura, tintas industriais, tintas gráficas, coil coatings, tintas para manutenção industrial, marítima e tintas para madeiras. Entre os itens da linha Tiona, serão destacados Tiona R-KB-2, pigmento de múltipla utilização, Tiona 568, para aplicações diversas em revestimentos decorativos ou industriais e também para tintas em base água ou solvente, e Tiona 595, considerado uma grande inovação por ter seu tamanho de partícula cuidadosamente controlado, para garantir elevada eficiência óptica, dispersão, cor e estabilidade, brilho e durabilidade.

MINÉRIOS OURO BRANCO

Na linha de aditivos minerais, vale a pena conferir os produtos micronizados e de alta performance, como talco, carbonato de cálcio, barita, mica, caulim, inclusive calcinado, agalmatolito, dolomita e quartzo. Em matéria de lançamentos, a empresa apresenta novidades em caulins calcinados e barita micronizada, a mais fi na até agora apresentada ao mercado. Na área de pigmentos, será lançada a série Leafing de pigmentos de alumínio, e como complementos serão apresentadas as linhas de perolados Ouropearl (silver white, rainbow, mica iron e golden series), dióxidos de titânio (rutilo e anatase) e óxidos de ferro. Entre as especialidades, destacam-se as sílicas precipitadas (Ourosil) e tixotrópicas (Ourotix), além de estearatos de zinco, cálcio, alumínio, magnésio, óxido de zinco, carboximetilcelulose e fibras celulósicas que atuam como agentes tixotrópicos em produtos selantes, principalmente em substituição ao amianto.

MIRACEMA-NUODEX

Os mais recentes desenvolvimentos nas áreas de dispersantes, antiespumantes, alcalinizantes, emulsionantes, microbicidas, fungicidas e algicidas poderão ser conhecidos pelo público nesse estande. Alguns destaques fi carão por conta do dispersante polimérico de alta concentração Liosperse 656, isento de VOC, para dispersar pigmentos em esmaltes sintéticos; do alcalinizante para formulações de tintas em base água Liocoat 878, desenvolvido para substituir amoníaco ou aminas; e do microbicida de amplo espectro contra bactérias gram-positivas e gram-negativas, fungos e leveduras (Liocide 711) e do fungicida Coryna 153, apresentado na forma de dispersão aquosa, especialmente para proteger filmes secos de tintas em base água.

MOINHO PIRÂMIDE

Além das tradicionais linhas de moinhos verticais, dispersores, reatores e tanques, o visitante poderá conferir novidades em reatores de alto rendimento e unidades de produção de biodiesel estacionárias com baixíssimo custo de conversão e elevada eficiência, frutos de joint venture firmada com a Engineering Process Technology (EPT), dos Estados Unidos, e esferas de zircônio para moagens de altíssima qualidade, disponibilizadas por meio de parceria estabelecida com a Young Corporation. Na mostra também será destacada a linha completa de moinhos horizontais.? NETZSCH A Netzsch Moagem exibe seus principais produtos para o mercado de tintas e vernizes. Entre eles o moinho Zeta 10 para moagem superfina de dispersões pigmentárias (até a faixa nanométrica); a linha 606 de dispersores de alta velocidade para a pré-dispersão de bases e massas na faixa de 15 a 250 CV. Para laboratórios, a Netzsch apresenta o moinho Zeta 05, com câmara de moagem para meio litro, com a mesma eficiência operacional dos equipamentos de grande porte. Especialistas da empresa também apresentarão palestra sobre a obtenção de nanopartículas para tintas por meio de moagem por moinhos de microesferas ou moinhos de jato de ar.? OMYA As propriedades únicas e especiais oferecidas pelos carbonatos de cálcio modificados estarão em destaque. Ao visitante serão fornecidos conhecimentos específicos sobre formulações e sobre como adotar procedimentos adequados para a incorporação dos carbonatos, incluindo informações sobre como proceder para reduzir ou substituir pigmentos, fillers e agentes fosqueantes.

NETZSCH

Química e Derivados, Moinho Zeta 10 alcança a faixa dos nonômetros, Tintas e Revestimentos
Moinho Zeta 10 alcança a faixa dos nonômetros

A Netzsch Moagem exibe seus principais produtos para o mercado de tintas e vernizes. Entre eles o moinho Zeta 10 para moagem superfina de dispersões pigmentárias (até a faixa nanométrica); a linha 606 de dispersores de alta velocidade para a pré-dispersão de bases e massas na faixa de 15 a 250 CV. Para laboratórios, a Netzsch apresenta o moinho Zeta 05, com câmara de moagem para meio litro, com a mesma eficiência operacional dos equipamentos de grande porte. Especialistas da empresa também apresentarão palestra sobre a obtenção de nanopartículas para tintas por meio de moagem por moinhos de microesferas ou moinhos de jato de ar.

 

OMYA

As propriedades únicas e especiais oferecidas pelos carbonatos de cálcio modificados estarão em destaque. Ao visitante serão fornecidos conhecimentos específicos sobre formulações e sobre como adotar procedimentos adequados para a incorporação dos carbonatos, incluindo informações sobre como proceder para reduzir ou substituir pigmentos, fillers e agentes fosqueantes.

OSWALDO CRUZ QUÍMICA

A participação dessa empresa nesta edição da feira busca consolidar a liderança no fornecimento de resinas acrílicas em base água para o mercado de tintas imobiliárias, bem como expor as linhas de ligantes, dispersantes, espessantes acrílicos e apresentar a mais nova e completa linha de resinas alquídicas. OXITENO A principal novidade está na apresentação de um novo acetato, em complemento ao portfólio de produtos. Denominado Ultrasolve M 1200, trata-se de solvente para utilização em formulações de tintas automotivas, tintas industriais, tintas para madeiras e tíneres. Também compatível com a maior parte das resinas acrílicas, celulósicas, epóxis, poliésteres, poliuretânicas e com sistemas híbridos, é recomendado em aplicações envolvendo reduções de voc, substituição de solventes aromáticos, formulações de adesivos e para tintas de impressão de menor toxicidade. Outros alvos de apresentação estão nos produtos derivados de óleos vegetais como Glicenat e Ultrasolve P-1105. O primeiro confere denominação a uma glicerina de alta pureza (99,7%), consistência, grau USP, incolor, inodora, não-corrosiva e de ação umectante e lubrificante, para utilização na fabricação de tintas e resinas. O segundo dá nome a um solvente recomendado principalmente para tintas decorativas, por seu alto grau de coalescência, baixo odor e baixo voc. No rol das inovações ainda poderão ser conferidos solventes biodegradáveis, de origem vegetal e com baixo voc.

POLYSTELL

Resultados já catalogados sobre a performance técnica de aditivos e especialidades ofertados pela empresa ao mercado estarão disponíveis ao visitante. As soluções são as mais diversificadas possíveis e abrangem umectantes, surfactantes, nivelantes, desaerantes, coalescentes, absorvedores UV, desmoldantes, redutores de tensão superficial, dispersantes, redutores de odor, hidrorrepelentes, promotores de adesão, supressantes de estireno, antifloculantes e estabilizantes, destacando-se as linhas completas para atender os fabricantes de tintas imobiliárias, automobilísticas e industriais, aplicáveis a sistemas aquosos, solventes e por cura UV.

PRODISMAQ

Com oferta diversificada de produtos nacionais de grande, médio e pequeno porte, a empresa apresenta soluções específicas para cada tipo de envase, atendendo às necessidades do mercado desde 1985.

PROQUITEC

Química e Derivados, Soluções para qualquer envase, Tintas e Revestimentos
Soluções para qualquer envase

Sediada em Vargem Grande-SP, a empresa atua há mais de trinta anos no mercado, ao produzir auxiliares para a fabricação de borrachas, compostos e distribuir especialidades químicas, nesta última área, desde 2005, tornou-se o braço comercial nos mercados brasileiro e latino-americano da Cheng Feng, de Taiwan, reconhecida na fabricação de pigmentos orgânicos. Na feira, além da diversidade de pigmentos orgânicos, fará também a apresentação de prédispersos (PDP), tecnologia de ponta do fabricante de Taiwan, que tem todas as suas unidades fabris certificadas de acordo com as normas ISO-9000.

QUANTIQ

Considerada a maior distribuidora brasileira de químicos e petroquímicos, e sob o controle da Braskem, a empresa apresenta ao público Solsperse X300, hiperdispersante da Lubrizol Advanced Materials, para a dispersão de pigmentos em tintas UV. Outras novidades poderão ser conferidas em pigmentos orgânicos de alta performance, resinas vinílicas, emulsões acrílicas especiais, solventes ecológicos e de baixo odor e agentes de cura para resinas epóxi em sistemas em base água. A empresa também participa do seminário Abrafati/Radtech, por intermédio do gestor de marketing da unidade de tintas, adesivos e borrachas, Antonio Carlos Slongo, que ministrará palestra no dia 24, a partir das 15h50, destacando o novo dispersante reativo de pigmentos para cura UV, produto cuja grande vantagem é não migrar para a superfície, mantendo a estabilidade do sistema por participar da reação de polimerização.

QUIMICAMTEX

O grupo Amtex, considerado o maior produtor de carboximetilcelulose (CMC) da América Latina, participa da exposição em conjunto com seu distribuidor Intercom, destacando a linha Tixotrol de produtos voltados para o setor de tintas.

QUIMINUTRI

Especializada em produtos para tintas curáveis por UV, a Quiminutri leva para a feira um promotor de adesão para substratos difíceis (plásticos, metais e vidros), composto por ácido fosfórico metacrilado modificado, denominado Omnilane ADD 1300. O branqueador óptico Omnistab OB e o fosqueante Omnivad MattPS5 também estarão presentes. Além deles, terá destaque o AgiSyn 2871, monômero de alto índice de refração, com baixos odor e irritabilidade, sendo indicado para a mídia óptica. A Quiminutri também oferece fotoiniciadores poliméricos de baixo peso molecular, com baixa migração e baixo odor, da linha Omnipol, fabricada pela IGM Resins. Ainda no campo do baixo odor, trará da taiwanesa AGI os monômeros livres de tolueno, em vários tipos. Para sistemas de cura convencional e base aquosa, a empresa oferece resinas acrílicas estirenadas sólidas e algumas emulsões. O monômero glicidil metacrilado, usado em tintas em pó, proporciona revestimentos de alta resistência ao combinar propriedades dos epóxis e metacrílicos. A empresa também possui uma gama de commodities para o setor.

REICHHOLD

Em meio a soluções já consagradas para o mercado de revestimentos, fornecidas globalmente há mais de oito décadas, a empresa destaca lançamentos que visam a dar respostas mais eficientes para as questões ambientais. Entre os vários itens, destaca-se a linha de resinas alquídicas Beckosol Aqua. Isenta de voláteis orgânicos e obtida por meio de processo de alta tecnologia, gerando um polímero em emulsão aquosa com elevado conteúdo renovável, a linha é indicada para diversas aplicações nos segmentos da construção civil e industrial. Entre as novidades também está Arolon 850-W-45. Trata-se de emulsão acrílica estirenada de nova geração para ser aplicada em vários tipos de substrato e que apresenta baixo teor de voláteis orgânicos. As soluções em base água de alto desempenho também abrangem os sistemas epóxi Epotuf 37684 e 37143, bem como a dispersão de óleo uretânico modifi cado Urotuf F 97 MPW33. Ainda integram a mostra novas tecnologias com alto teor de sólidos, a exemplo da resina Beckosol 15-254. Trata-se de alquídica pura e de alta reatividade, com alta retenção de brilho e ótima compatibilidade com resinas alquídicas fenoladas. Outras soluções de alto desempenho também poderão ser melhor conhecidas nas áreas de metalgrafia, impressão offset e para aplicações em tintas em pó.

RENTANK

A empresa destaca as linhas de contentores rígidos e articulados. Construídos de aço inoxidável, aço carbono e polipropileno, são homologados para transporte e armazenagem de líquidos e pastosos, perigosos ou não, e também divulga serviços de descontaminação e inspeção periódica de contentores, contando com certificação no Inmetro.? RHODIA A conhecida companhia química de origem francesa completa 90 anos de atuação no Brasil. Em comemoração, iniciou a produção do acetato de npropila em Paulínia-SP. Esse solvente amigável ao ambiente é requisitado pelo setor de impressão de embalagens. A empresa também destinará espaço para outros produtos eco-friendly, como os agentes coalescentes Sipomer, Abex e Rhodapex. O Rhodiasolv Iris é atóxico e atende às exigências europeias de VOC. É indicado para a limpeza de resinas e de pichações. Durante a feira, a Rhodia divulga as versões em espanhol e em inglês do livro “Solventes Industriais – Seleção, Formulação e Aplicação”.

SGS

Alinhada às normas internacionais de qualidade, respeito ao meio ambiente e à segurança, a empresa destacará as linhas de resinas alquídicas (Resygs), poliamidas (Brasmide), diluentes reativos e não-reativos (Braspoxi), PU monocomponente para pisos e plastificantes vegetais (Olvex), renovável e biodegradável.

SINTEQUÍMICA

Considerada pioneira na fabricação de dispersões pigmentárias no país, atividade realizada desde 1954, a empresa comemora 55 anos e lança na exposição linha de dispersão de pigmentos de alta performance, bem como apresenta ao público novo catálogo de cores.

SOCER BRASIL

A empresa pertencente ao grupo Resinas Brasil, considerada a maior produtora e exportadora latino-americana de produtos à base de breu e terebintina, apresenta novas resinas híbridas, destinadas principalmente para o mercado de tintas para alumínio, em substituição às resinas hidrocarbônicas aromáticas e alifáticas. Outro foco de apresentação está na nova linha de resinas com elevada solubilidade em solventes alifáticos, cujo objetivo maior é propiciar aos fabricantes a eliminação dos solventes aromáticos de suas formulações. Para aqueles que buscam produtos com mais alto desempenho e resistência, a empresa também aprimorou a oferta de resinas maleicas e fumáricas.

TKB ERICHSEN

A empresa nacional, fabricante de equipamentos e instrumentos para testes físicos em tintas, vernizes, resinas e plásticos, expõe várias novidades, como aparelho para ensaio de abrasão a úmido e a seco (ABNT NBR 15078 e NBR 15079), aparelho para ensaio de lavabilidade (ASTM 2486), aplicador eletromotorizado (ABNT NBR 14943) e viscosímetro para tintas pastosas (NBR-ISO 12644).

TRANSCOR

Parceiro de empresas da China (Ningbo Hongda e Wuxi – Jiangsu Multicolor), Índia (Choksi Pigments e Mepco – The Metal Powder), Espanha (Nubiola) e demais países, o expositor e patrocinador do Abrafati 2009 apresenta várias novidades. Uma delas vem da Índia, da Mepco, e é composta de pigmentos metálicos (Transilver e Transgold), fabricados com pastas de alumínio e purpurinas, e destinados aos mercados de tintas industriais, repintura automotiva, manutenção e gráfico. No rol dos destaques ainda estão pigmentos orgânicos, indicados para a substituição de inorgânicos contendo metais pesados, corantes, azuis de ultramar, óxidos de ferro, entre outros. Aos participantes do congresso, vale a pena conferir palestra a ser proferida por Steve Hodges sobre novos tipos de inibidores de corrosão com baixo impacto ambiental, destinados a tintas anticorrosivas.

TROY

Biocidas, fungicidas, algicidas e aditivos serão destacados, seguindo a tendência de baixa emissão de voláteis ou de VOC zero. O bactericida Mergal 711, focado nas indústrias de tintas e pigmentos, também é apresentado na versão slurry. O fungicida Polyphase 678 tem VOC zero e é isento de APEO. O biocida Polyphase 663, com dupla função – fungicida e algicida –, apresentado na forma de dispersão aquosa, possui baixo VOC e é isento de APEO. Em aditivos, os destaques ficam por conta de Troysol Lac e Zlac, umectantes de altíssima eficiência para sistemas aquosos.

UNIMIN

Fornecedora mundial de minerais não-metálicos para vários setores industriais, a companhia mostra as cargas funcionais e extensores da linha Minex, com destaque para o Minex 12, carga sintética transparente para vernizes e clear coatings. Os pigmentos extensores Snobrite (caulim calcinado), produzidos em Ipojuca-PE, estarão no estande, bem como as cargas minerais sintéticas Hiwhite, os slurries minerais Royale e os carbonatos de cálcio naturais Hifill.

UNIPAR COMERCIAL

Com 33 anos de experiência na distribuição de químicos para tintas, inks, vernizes, adesivos e resinas e forte posição no fornecimento de solventes hidrocarbonetos, a empresa apresenta alternativas menos agressivas na área de solventes, presentes na linha de isoparafi nas, solventes hidrogenados e solventes isentos de voc. Para a produção de resinas, além de solventes hidrocarbonetos aromáticos, serão apresentados solventes aromáticos especiais com diferentes faixas de destilação (Unisol R). Para formulações de adesivos, resinas petroquímicas de EVA, monômero VAM, borrachas, solventes como hexano, tolueno, SPB, ciclohexano e Tbac. Além desses produtos, as resinas hidrocarbônicas Unilene ganharam novo formato em pastilhas, denominadas pérolas, para evitar compactações.

VMA-GETZMANN

Além dos tradicionais dispersores Dispermat, a empresa destaca novos dispersores providos de cestas de moagem (Torusmill TM), com capacidades desde 4,5 kg até 1.200 kg.

W-TECH

Certifi cada pela ISO 9001-2000, a empresa enfatiza na exposição ampla linha de resinas, inclusive alquídicas, bem como emulsões acrílicas, espessantes e modificadores reológicos, além da distribuição de solventes e outras matérias-primas utilizadas pelas indústrias de tintas.

WACKER

A Wacker Silicones lançará Geniosil STP-E, adesivos baseados em alfa-silanos, de altíssima reatividade e notáveis propriedades mecânicas, combinando resistência e elasticidade e ainda isentos de plastificantes e solventes, permitindo formular sistemas totalmente livres de estanho, o que representa grande inovação tecnológica para o setor. Outra novidade está na tinta à base de resina de silicone em emulsão (Srep BS 45), utilizada como principal ligante em tintas baseadas em resinas de silicone ou argamassas. O visitante também poderá conferir linhas tradicionais de sílicas pirogênicas, utilizadas como aditivos reológicos para controle de fluidez de tintas em pó, silanos para sistemas em base água, tintas à base de resina de silicone em emulsão, dispersões para adesivos, dispersões para tintas imobiliárias, resinas vinílicas, resinas sólidas e ciclodextrinas.

WWP

A World Wide Partnership, empresa que comercializa resinas vinílicas de alta tecnologia, comunica ao público da Abrafati 2009 ter concluído negociação com a Braskem, que culminou com o aval para a distribuição exclusiva das resinas Vinisol nos mercados doméstico e externo. As resinas vinílicas Vinisol, conforme orientações da empresa, possuem elevada solubilidade em ampla diversidade de solventes orgânicos, principalmente cetonas MEK e MIBK. Composta por três diferentes tipos, encontram também grande variedade de aplicações. A Vinisol H constitui resina formada por copolímero de cloreto de vinila e acetato de vinila, com aplicações em tintas vinílicas e tintas para impressão silkscreen. A Vinisol OH trata-se de terpolímero de cloreto de vinila, acetato de vinila e hidróxi propil acrilato, com aplicações em tintas para calçados feitos com PVC ou PU, tintas para impressão em couros, papéis e plásticos, incluindo tintas “primers” para madeiras, e tintas para peças plásticas de automóveis. Já a Vinisol COOH é um terpolímero de cloreto de vinila, acetato de vinila e mono-butil maleato, com aplicações em tintas para impressão de embalagens, tintas para impressão em metais, entre outras. A empresa ainda destaca o lançamento de tipos de baixo peso molecular, propiciando maior produtividade aos fabricantes de tintas.

YSER

Pela primeira vez participando da Abrafati, a empresa comunica ao mercado aumentos de produção envolvendo as novas linhas de resinas e aditivos para tintas gráficas, elevadas para 30 mil toneladas/ano, bem como a ampliação da capacidade produtiva da Euro-Yser, instalada em Portugal, para 55 mil toneladas/ano. Especialmente para a exposição, a empresa montou um laboratório analítico para testes de aplicações de seus produtos e convida os visitantes a se tornarem seus parceiros, quando contarão com apoio tecnológico em atividades de caracterização de resinas, verificação de peso molecular por gel permeation chromatography (GPC), testes de compatibilidade por ponto de nuvem, caracterizações térmicas por DSC, entre outros.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.