Notícias

1 de outubro de 2000

Rockwell colhe frutos da reestruturação

Mais artigos por »
Publicado por: Marcelo Fairbanks
+(reset)-
Compartilhe esta página
    A

    Rockwell Automation do Brasil verificou crescimento de 21% nas vendas líquidas aos clientes, de outubro de 1999 a setembro de 2000. Em termos de faturamento bruto o crescimento ficou em 15%, variando de R$ 123 milhões para R$ 141 milhões. Os números refletem a retomada dos negócios no mercado interno e também os efeitos da profunda reestruturação local da companhia.

    Química e Derivados: Rockwell: Talanskas redefiniu papel dos distribuidores e integradores.

    Talanskas redefiniu papel dos distribuidores e integradores

    “Redefinimos o papel dos distribuidores e dos integradores de sistemas dentro da nossa política de vendas”, comentou o presidente da Rockwell Automation do Brasil, Danilo Talanskas. No passado, a empresa possuía uma rede de distribuidores que vendiam componentes e prestavam serviços de engenharia integrando pacotes. “Com isso, os distribuidores eram vistos como concorrentes pelos demais integradores, provocando conflitos entre os diferentes canais de vendas”, explicou. A nova configuração da Rockwell identificou qual o foco principal dos distribuidores. Os mais afeitos à engenharia optaram por deixar a comercialização de componentes, enquanto os demais se fixaram nessa operação, deixando de integrar sistemas.

    O número de distribuidores também foi reduzido pela aglutinação de alguns desses parceiros, de forma a aumentar a escala operacional. “Quando se fala em distribuição, está se falando de estoque para atendimento imediato e também logística, duas áreas que exigem muito capital, incentivando a fusão de pequenas empresas em uma única de grande porte”, avaliou o diretor de vendas Dhenisvan Ferreira Costa. Segundo informou, a venda de produtos pelos distribuidores passou a representar de 30% para 40% de todas as vendas da empresa.
    Para atender às necessidades dos clientes em projetos completos de automação, a Rockwell nomeou um grupo de 11 empresas com as quais mantém relacionamento intenso. São os chamados solution providers, que recebem treinamento completo sobre os produtos Rockwell, embora constituam empresas independentes, que podem montar sistemas com itens de qualquer fabricante. “Eles indicam a linha Rockwell quando ela constitui a melhor alternativa tecnológica para o cliente”, comentou Talanskas. Ele salientou que os integradores não-listados como solution providers são considerados como clientes importantes para a companhia.

    Por parte da própria Rockwell, que atende diretamente aos clientes estratégicos, em geral de grande porte, a presença no território nacional foi ampliada, passando de seis para oito filiais, das quais as do Rio e Salvador ganharam importância. “A tendência é dar independência de ação para as filiais”, disse Talanskas. Mesmo os escritórios regionais de vendas serão reforçados, com a colocação de pessoal técnico especializado para dar suporte aos clientes locais.

    Atualmente, 60% dos pedidos atendidos pela Rockwell Automation são feitos pelos setores de metalurgia/mineração, alimentos e indústria automobilística. Para o futuro, os setores considerados mais promissores são os de petróleo e gás, papel e celulose e tratamento de minérios (pelotização, por exemplo). A empresa verificou que a tendência atual de mercado privilegia a interconectividade de instrumentos e programas, na linha de pacotes completos que satisfaçam às necessidades do chão-de-fábrica, da alta gerência e até dos clientes desses compradores.



    Compartilhe esta página







      0 Comentários


      Seja o primeiro a comentar!


      Deixe uma resposta

      O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


      ""
      1
      Newsletter

      Receba artigos, notícias e novidades do mercado gratuitamente em seu email.

      Nomeseu nome
      Áreas de Interesseselecione uma ou mais áreas de interesse
      Home - Próximo Destino Orlando
      ­
       Suas informações nunca serão compartilhadas com terceiros
      Previous
      Next