Farmácia e Biotecnologia

15 de março de 2011

Química Fina – Indústria nacional põe oncológicos em linha

Mais artigos por »
Publicado por: Bia Teixeira
+(reset)-
Compartilhe esta página

    Química Fina – O portfólio de fármacos produzidos no país vai aumentar em quantidade e qualidade. A ITF Chemical anunciou que passará a produzir na sua fábrica situada no Polo Petroquímico de Camaçari-BA cinco moléculas novas – carbonato de sevelâmer, cloridrato de sevelâmer, deferasirox, doxazosina e pemetrexede (esta para tratamento oncológico). Esses itens são hoje importados, onerando ainda mais o déficit na área de saúde pública, por incluir alguns insumos básicos para medicamentos distribuídos pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

    Braço brasileiro da área de química fina do grupo italiano Italfarmaco/Chemi S.p.A., a ITF vem reformulando sua estratégia de expansão, agregando insumos voltados para o mercado doméstico ao seu portfólio, que tinha como foco principal as exportações. “Temos uma área de desenvolvimento de novos produtos com foco em P&D e produção de genéricos que ainda não são produzidos localmente, embora tenham mercado”, revela Ronald Rubinstein, diretor-presidente da ITF Chemical.

    As duas moléculas de sevelâmer são anti-hiperfosfatêmicos utilizados em medicamentos para insuficiência renal crônica. Já o deferasirox é um agente quelante no monitoramento do excesso de ferro crônico. De igual importância para o país é a produção local de doxazosina, utilizada no tratamento da hipertensão arterial e na hiperplasia prostática benigna, que afeta milhares de pessoas no mundo. Outra novidade é a produção local do antineoplásico pemetrexede, utilizado no tratamento do câncer de pulmão, que motivou a ITF Chemical a inaugurar a primeira unidade de fármacos oncológicos do grupo no Brasil.

    Segundo Rubinstein, a empresa mantém uma visão de negócios com antecipação de cinco a dez anos, procurando desenvolver rotas diferenciadas de moléculas de genéricos ou de produtos que estejam próximos da caducidade de patente. A meta é estar em condições de entregar o produto com alto grau de qualidade tão logo fique desprotegido.

    Ele aponta como um dos diferenciais competitivos da ITF, que facilita o desenvolvimento de novas moléculas, o suporte tecnológico da matriz, e a transferência desse conhecimento. “Isso nos possibilita dar passos que outras empresas não conseguem, em um espaço menor de tempo”, disse.

    A produção das moléculas de sevelâmer está sendo realizada dentro de uma parceria público-privada. “Vamos fabricar o sevelâmer, pois dominamos a tecnologia de fabricação, e o produto final será formulado pelo laboratório farmacêutico Cristália e, possivelmente, será comercializado pelo laboratório oficial Bahiafarma para o SUS”, comentou.

    Química e Derivados, química fina - Ronald Rubinstein - ITF Chemical, oncológicos

    Rubinstein: ITF estuda insumos cuja patente caducará em poucos anos

    Para tanto, a empresa já desenvolveu a rota de síntese das duas moléculas e concluiu a campanha de qualificação, estando preparada para a inspeção da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Os demais projetos de moléculas também vêm sendo desenvolvidos nessa mesma linha.

    A linha de produção da empresa, que tem uma única planta no país, além da Anvisa, já é certificada pela agência norte-americana Food and Drug Administration (FDA) e pela International Conference on Harmonisation of Technical Requirements for Registration of Pharmaceuticals for Human Use (ICH) para produzir vários produtos.

    Com um portfólio de 15 itens, que vão da área nutricional até antibióticos, antidepressivos e produtos para a prevenção e tratamento de osteoporose, e uma produção anual em torno de 150 toneladas, a ITF já tem certificação de Boas Práticas de Fabricação (BPF), já foi auditada duas vezes pela FDA e é inspecionada anualmente pela Anvisa.

     



    Compartilhe esta página







      0 Comentários


      Seja o primeiro a comentar!


      Deixe uma resposta

      O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


      ""
      1
      Newsletter

      Receba artigos, notícias e novidades do mercado gratuitamente em seu email.

      Nomeseu nome
      Áreas de Interesseselecione uma ou mais áreas de interesse
      Home - Próximo Destino Orlando
      ­
       Suas informações nunca serão compartilhadas com terceiros
      Previous
      Next