Tintas e Revestimentos

1 de agosto de 2000

FEITINTAS 2000 – Feira prepara setor para o futuro

Mais artigos por »
Publicado por: Quimica e Derivados
+(reset)-
Compartilhe esta página

    De 13 a 16 de setembro, todos os elos da cadeia produtiva de tintas estarão reunidos no International Trade Mart (antigo Centro Têxtil), em São Paulo, para a realização da 2ª Feitintas. A promoção tem por objetivo reforçar os laços entre os envolvidos na fabricação e comercialização dessas linhas no País, de modo a ampliar a competitividade setorial. Ao mesmo tempo, a feira cumpre importante papel institucional ao mostrar ao público em geral que a tinta é uma opção de consumo, capaz de proporcionar benefícios ao melhorar o aspecto visual e a higiene dos ambientes pintados, como residências e escritórios, valorizando os imóveis, tanto pelo efeito estético quanto pela melhor conservação.

    Ao contrário da realização pioneira, de 1998, a nova Feitintas encontrará ambiente favorável para negócios, com PIB em elevação. Isso pode ser atestado pela área útil de exposição, que passou de 2 mil m² para 4 mil m². “A área total deste ano chega a 8 mil m²”, comentou o diretor-presidente do Sitivesp e organizador da feira. A 3ª Feitintas já está marcada para 2002, e já está sendo alvo de pedidos de reserva de espaços.

    Química e Derivados: Feitintas: Ferraioulo Federação de Tintas do Mercosul se reúne na feira.

    Ferraioulo Federação de Tintas do Mercosul se reúne na feira.

    Ferraioulo explicou a prioridade concedida para os fabricantes de tintas, ou produtos finais correlatos, pela necessidade de divulgar as conquistas tecnológicas do setor. Dada a importância do relacionamento com fornecedores de matérias-primas e embalagens, esses dez patrocinadores do encontro foram agrupados em área de 380 m². “Cada patrocinador ocupará um estande nesse espaço, durante dois dias apenas, em dois grupos de cinco expositores”, explicou.

    Um dos motivos para essa distinção é evitar o confronto com a exposição de produtos organizada pela Associação Brasileira da Indústria de Tintas (Abrafati) junto ao Congresso Internacional de Tintas, realizados nos anos ímpares, que passará a localizar-se também no Trade Mart a partir de 2001. “Os objetivos das promoções são diferentes”, disse.

    Com aproximadamente 100 expositores, a Feitintas contará com forte apoio de instituições nacionais e internacionais. Ponto alto será a primeira reunião de trabalho da recém-formada Federação de Tintas do Mercosul, entidade formalizada em junho deste ano, cujo primeiro presidente será Ferraioulo. A federação regional abriga como membros o Sitivesp, a Abrafati, as Câmaras de Pintura da Argentina e do Uruguai, além da Câmara Industrial do Paraguai.

    O dirigente setorial também destacou a participação da Associação dos Revendedores de Tintas do Estado de São Paulo (Arteb), que promoverá durante a feira o 2° Encontro Nacional de Revendedores. No Trade Mart será montada a “Loja do Futuro”, que pretende antecipar as tendências evolutivas dos pontos de vendas do setor, mostrando como poderá ser feito o atendimento aos clientes, a função dos balconistas e os serviços disponíveis.

    Na linha automotiva, o Senai apresentará o seminário “A vanguarda da repintura”, com participação da Automotive Service Excellence (ASE), entidade criada nos EUA que certifica e aprimora serviços de reparos automotivos desde 1972. Marcado para 15 de setembro, a partir das 9h, o seminário serve de preparação para o 9° teste de certificação da ASE para profissionais de reparos automotivos, técnicos de oficinas independentes e de concessionários de veículos. Também o Sindirepa (sindicato das oficinas de reparos de veículos) e o Sinduscom (da construção civil) ocupam estandes e oferecem eventos paralelos dentro da feira, que abrigará igualmente a Associação Latino-Americana de Tinta em Pó e várias outras entidades.

    Os consumidores de tintas já percebem a influência da cor nos ambientes pintados, mas ainda é falha a correlação entre cores e os resultados obtidos no bem-estar dos indivíduos. O obstáculo primário para uso das cores sempre foi o alto custo de produzi-las e a dificuldade de reproduzir o item para retoques, que está sendo removido pelo uso crescente de sistemas tintométricos.

    Outro empecilho apontado é a deficiência dos currículos de arquitetos, designers e decoradores para avaliação e uso das cores. Contra essa falha se insurge a Associação Brasileira da Cor (ABCor), fundada em 1998, com sede em Porto Alegre-RS. Durante a Feitintas, a associação vai propor o ensino metódico da cor em vários cursos superiores, além de promover palestras de especialistas, como arquitetos e químicos, sobre aspectos legais e efeitos da cor.

    Química e Derivados: Feitintas: Abrantes divulga nova forma de atuação e portfólio atualizado

    Abrantes divulga nova forma de atuação e portfólio atualizado.

    Fornecimento estratégico – Entre os fornecedores de produtos para os fabricantes de tintas, a Ipiranga Comercial Química (ICQ) usará seu espaço para divulgar a realização de um encontro próprio com quase mil profissionais qualificados do setor. Nos dias 3 e 4 de outubro, a empresa apresentará o 1° Fórum Internacional Ipiranga, no Hotel Transamérica, em São Paulo.

    Na ocasião serão apresentadas com detalhes as modificações feitas na estrutura interna da ICQ e também os novos contratos de distribuição com empresas internacionais de tecnologia atualizada, de forma a atender melhor os clientes. Todas as companhias com produtos distribuídos pela Ipiranga apresentarão palestras técnicas. “Nossa participação de dois dias na Feitintas será voltada mais para apresentar o projeto e reforçar os convites para o pessoal do setor”, disse o diretor de marketing da ICQ, Fernando Rafael Abrantes.


    Página 1 de 612345...Última »

    Compartilhe esta página







      0 Comentários


      Seja o primeiro a comentar!


      Deixe uma resposta

      O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *