Defensivos Agrícolas e Fertilizantes

14 de outubro de 2002

Biotecnologia: Embrapa desenvolve bacilo como fungicida

Mais artigos por »
Publicado por: Fernando C. de Castro
+(reset)-
Compartilhe esta página
    M

    icroscópico, mas poderoso. O Paenibacillus macerans é um bacilo que habitava originalmente a raiz do trigo plantado no norte do solo gaúcho, onde cumpria seu ciclo natural de nascer, crescer e morrer. Até que em 1988 o engenheiro agrônomo Wilmar Cório da Luz, lotado há 29 anos na unidade da Embrapa de Passo Fundo, região celeiro do Rio Grande do Sul, isolou o germe em laboratório.

    Química e Derivados: Biotecnologia: Cório - microorganismo também age como antibiótico natural.

    Cório – microorganismo também age como antibiótico natural.

    Nesses 14 anos de confinamento, o microorganismo mostrou excelente propriedade fungicida, combatendo doenças, além de agregar valor por se comportar como um hormônio de crescimento natural. “É um excelente antibiótico natural e deixa o grão bem maior do que o tratado com produtos inorgânicos”, garante o autor da descoberta.

    Cório da Luz conta que as características do bacilo mostraram toda sua eficácia, primeiramente no próprio trigo, mas depois na etapa avançada de pesquisa se adaptou bem ao milho, à cevada, e à soja, esta última o carro-chefe da economia daquela região.

    O pesquisador informa que o estudo da bactéria já está na etapa final. Ela já foi patentada pela Embrapa que iniciou negociações com a iniciativa privada objetivando a industrialização do produto. “Tanto a indústria agroquímica como a farmacêutica e química, de maneira geral, podem industrializá-lo,”, assegura Wilmar. Segundo ele, qualquer empresa equipada com sistema de fermentação pode facilmente produzir o bacilo em escala industrial. Na forma de fungicida natural e agente de crescimento de grãos , o Paenibacillus macerans deverá chegar ao mercado em 2005, vendido em um pó branco levemente amarelado.

    Química e Derivados: Biotecnologia: Amostras de aplicação em grãos de milho.

    Amostras de aplicação em grãos de milho.

    A pesquisa da Embrapa em Passo Fundo ocorre num cenário extremamente favorável. O agronegócio é atualmente a mola propulsora da economia gaúcha, representando 8,9 pontos percentuais superior ao equivalente em nível nacional. Estudo divulgado dia 21 de outubro pela Fundação de Economia e Estatística (FEE) revela que a participação do setor no PIB total do Estado é de 29,5%. No país, com base em dados da Associação Brasileira de Agribusiness (Abag), é de 20,6%. Segundo o diretor técnico da FEE Flávio Fligenspan, o índice apurado revela que a agricultura e a pecuária, se estimuladas, são capazes de gerar produção e emprego como nenhum outro setor da economia gaúcha.

    Química e Derivados: Biotecnologia: O produto já foi patenteado.

    O produto já foi patenteado.

    O estudo divide o segmento em três variantes. O montante, que envolve máquinas e insumos, responde por 8,6% do total. No Brasil, 4,6%. A agropecuária chega a 33%, e é inferior ao índice nacional (42,3%). Já o terceiro segmento, envolve a agroindústria, distribuição e serviços mostra a maior pujança.

    No Estado, sua participação atinge a 58,5%, um pouco superior ao resultado do Brasil (53,1%). Os dez setores que mais geram empregos na economia do Estado estão dentro do agribusiness. O que apresentou resultado mais satisfatório foi o de comércio, transporte e armazenagem (valor adicionado de R$ 2,9 bilhões), seguido do beneficiamento de produtos vegetais (R$ 1,6 bilhão). A agropecuária é responsável por R$ 712 milhões. No total, o valor adicionado do agronegócio no Estado é de R$ 17,2 bilhões, com geração
    de R$ 2,2 bilhões em impostos.



    Compartilhe esta página







      0 Comentários


      Seja o primeiro a comentar!


      Deixe uma resposta

      O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


      ""
      1
      Newsletter

      Receba artigos, notícias e novidades do mercado gratuitamente em seu email.

      Nomeseu nome
      Áreas de Interesseselecione uma ou mais áreas de interesse
      Home - Próximo Destino Orlando
      ­
       Suas informações nunca serão compartilhadas com terceiros
      Previous
      Next